História A Dangerous Love - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Visualizações 43
Palavras 658
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Battle Of Angels And Demons.


Fanfic / Fanfiction A Dangerous Love - Capítulo 10 - Battle Of Angels And Demons.

Jimin era tão gentil, ele me trazia paz, um ótimo amigo, ele me disse que sempre que eu precisasse iria aparecer por mim.

Fazia um tempo que eu não o via, mas de alguma forma, eu sentia sua presença me seguindo quando resolvia dar uma volta, e ao invés de medo, me sentia segura.

Mas em casa era diferente, tipo nesse exato momento, na janela eu observava um corvo me olhando em cima da árvore. 

Desde que o Yoongi partiu, esse pássaro negro me observava, eu nunca o tinha visto antes, não tinha nem sequer um ninho, ele apenas ficava naquele galho, olhando para mim.

Vejo o corvo sair voando, até já sabia o significado disso, ele só ia embora quando certa pessoa estava perto.

Fechei a janela e tranquei a porta, estava impaciente hoje pra aguentar àquele ser irritante.

Fui para o meu quarto e me joguei na cama, fechando os olhos para cochilar, mas eu havia esquecido que ele não era humano.

- Lívia, você não vai se livrar de mim. - Taehyung senta na cama. - O que vamos fazer hoje? 

- Sai, encosto, me deixa dormir.

- Dormir? Quem disse que você vai dormir? - Taehyung senta em minhas costas e começa a pular, Taehyung pode até ser magro, mas pesa.

- AAAH! SAI, TAEHYUNG, PORRA! - Gritei, agora sinto em minha própria pele o que Suga sentia comigo.

Suga... por que não consigo esquece-lo? Fechei meus olhos, sentindo às lágrimas escaparem.

Taehyung se deita por cima de mim, limpando meu rosto e abri meus olhos para olhar.

- Min Yoongi. - Sua fala soa mais como afirmação, não tinha nem como me perguntar isso. 

- Por que ele me tratou mal? Nós estávamos tão bem...

- Àquele é ele de verdade, somos demônios e não anjos para termos sentimentos por humanos.

Suspirei, eu precisava parar de pensar que um demônio poderia mudar e sentir algo sincero por mim.


Park Jimin POV 


Hoje era o dia mais esperado por todos, hoje finalmente eu ia me livrar daquele demônio.

Todos os anjos se reuniram em uma cidade abandonada, nossos poderes poderiam afetar todos os humanos do mundo se fôssemos para um lugar movimentado. 

Daqui, no máximo, afetaria alguns milhões, mas acho isso não iria acontecer.

Vejo de longe os demônios aparecerem, Yoongi governando todos, sorri por ver que eles não fugiram.

- Namjoon, quanto tempo. - Jin sorri, sua frase soou em tom de deboche.

- Seokjin. 

- Momo, com o mesmo rosto de bebê. -Hwasa ri zombando da mesma, Momo apenas respirou profundo.

- Jimin, bom ver que não fugiu. - Yoongi arqueou a sobrancelha e lancei meu sorriso irônico.

- Eu pensei o mesmo de você, Yoongi. Eu tenho uma bela surpresa pra você.

- Ah, é? Então mostre! - Seus olhos ficam negros e os demônios abriram suas asas negras.

- Com prazer. - Sussurrei inaudível e olhei o Baekhyun, ele entendeu e sumiu, vamos ver o quão durão o Yoongi é.


Kim Taehyung POV 



Eu estava perturbando a Lívia na cozinha, até que sinto uma presença se aproximar e minhas unhas novamente crescem.

- Lívia, fique atrás de... - Antes que eu termine de falar, o telhado se parte e um anjo entra.

- Taehyung! Senti sua falta e vim te buscar! - O anjo avança, mas consigo me desviar.

- Baekhyun, dessa vez não existirá antídoto ou poder que faça você voltar da morte com  o meu veneno!

Avancei para cima do mesmo, o jogando longe para sala, Lívia estava assustada.



Lívia Yang POV 



Um anjo e um demônio brigando em minha sala, é nessas horas que eu não sei de qual lado eu fico

Fiquei apenas na cozinha olhando eles se matarem, até que o tal Baekhyun jogou o Taehyung na parede e o mesmo apagou.

O anjo se aproximava e eu ia me afastando, ele queria meu bem ou mal?

- Confie em mim, Lívia! Você precisa vim comigo! - Ele estende sua mão para mim.

- P-por quê? E se eu não for? 












- Se você não vier comigo, Jimin, Jungkook, milhões de pessoas e o Yoongi irão morrer.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...