História A Doce vingança - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Mistério, Redenção
Visualizações 9
Palavras 613
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Saga
Avisos: Álcool, Drogas, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


desculpa a demora, eu to realmente sem ideias do que escrever para o meu perfil

Capítulo 2 - Treinamento


Chegando na fazenda do Beny exatamente no horário combinado eu fico la, parado, apenas esperando algo acontecer.

de repente, vários soldados saem de um galpão que havia lá, eles apontam suas armas para mim eu me viro e começo a correr mas logo sou surpreendido por mais uma duzia de soldados, eu fico sem saída até que.

- cessar fogo, ele é amigo. - uma pessoa aparece no meio desses solados e abaixa a arma de um deles.

- Quem é você? - eu pergunto.

- Eu sou Cesar. e você deve ser Rick, não é? - Cesar estende a mão para me cumprimentar.

- Exato, então você é o cara do telefone? se for pare de enrolar e me diga como encontrar aquele pedaço de esterco. - eu aperto a mão dele.

-  logo você vai ver, antes preciso te mostrar uma coisa. - ele me leva até a casa principal da fazenda, ele me mostra uma estante de livros.

- você esta vendo isso? isso vai te fazer encontrar o babaca que fez aquilo. - ele aponta para a estante e dispensa seus soldados.

- Como que uma pilha de livros vai me ajudar a encontra-lo? - eu pergunto a ele sem entender nada.

- não são os livros, é o que esta atras deles. - ele puxa um livro especifico que faz a estante se retrair e abrir uma passagem.

- Por essa eu não esperava. - ele me leva até la, por dentro havia uma base, bem protegida, havia postos de segurança e dezenas de soldados.

- Aqui é o local de maior potencia armamentista do estado. Bem debaixo dos nossos pés. - ele fala, me guiando pelas enormes salas.

- Eu não quero saber o que esse lugar é, eu quero saber onde ele esta! - eu puxo ele pela gravata de seu terno.

- Você quer vingar sua esposa ou quer morrer igual um idiota procurando um pé grande? - ele me pergunta, eu solto ele e continuo o acompanhando.

- Eu achei que ia querer a primeira opção. Aqui vamos te preparar para invadir aquele lugar, te daremos todo apoio possível. - chegamos em uma sala com vários rabiscos nas paredes e fotos penduradas.

- Você não é o único que quer a cabeça dele, então por isso te chamei aqui, sabia que ia cooperar conosco. - ele aponta para um mapa, mostrando a localização do "covil" da mafia.

- ele esta aqui, e você esta aqui, 15 milhas ao oeste dele, mas sem preparo você esta a 200 milhas dele. - ele fala mas eu o interrompo

- Entendo, então para matar ele eu vou... - ele me interrompe

- Você precisa dedicar sua vida pra isso. Seu treinamento começa amanhã, ou hoje se você quiser.

na sala de treino

- Você esta vendo esses alvos, neles existem 9 linhas e um circulo no meio, apenas acerte o circulo. - Cesar me da uma arma e um óculos de proteção.

- Eu já fiz isso quando eu estava no lado daqueles merdas. - eu dou dois disparos no alvo que estava a aproximadamente a 50 metros de mim, eu acerto os dois tiros, um tiro na sexta linha e outro na sétima.

- Nada mal pra quem esta todo esse tempo fora. agora você vai repetir isso, todo dia de sua vida, até acertar os 30 tiros no circulo. Vou deixar um dos meus homens te auxiliando em todos os exercícios... boa sorte.

Os treinamentos exigiam muito do meu físico e mental, as cessões se baseiam em, força, resistência, pontaria, e defesa. Eu me dediquei ao máximo, não falhar em nenhum exercício era meu objetivo.


Notas Finais


eu não gostei muito desse episodio mas decidi postar mesmo assim, qualquer erro comente que eu estarei concertando


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...