História A Dona - Imagine Jennie (BlackPink) (G!P) - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink, EXO, Got7, TWICE
Tags Chaelisa Taekook Yoonseok
Visualizações 338
Palavras 1.827
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Hentai, LGBT, Luta, Mistério, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


eu sei, demorei, eu pessi muito perdão a vocês! mais realmente eu estava passando por momentos difíceis e complicados, em um momento eu até pensei em apagar todas minhas fanfics e entrar no site apenas para conversar com umas pessoas :(

mais já esta tudo melhorando! e me desejem sorte para eu não ser reprovado na escola rsrs.

bem, boa leitura e me perdoem os erros!

aviso: hot

Capítulo 10 - Além de ciúmes


Fanfic / Fanfiction A Dona - Imagine Jennie (BlackPink) (G!P) - Capítulo 10 - Além de ciúmes

  Ponto de Vista - Park S/n

Yugyeom e Taehyung já haviam terminado de colocar o gado para dentro dos campos, Jimin estava com Taemin dentro da mansão. Enquanto eu via Jisoo sair de seu carro e vim andando de um modo um tanto sensual em minha direção.

- Olá Park, estava com saudades de ver seu rosto. - sorriu maliciosamente e me olhou de cima para baixo. - Como você está?

- Estou ótima Jisoo, e você? Oque te trouxe aqui? - cruzei os braços olhando diretamente para o rosto da morena.

- Ora, vim te visitar, não posso mais? - disse se aproximando mais de mim. - Aliás estou ótima. - Jisoo pousou suas mãos encima de meus ombros.

- Atrapalho algo? - a voz filme e forte de Jennie e ouvida, fazendo com que eu empurrasse Jisoo para longe de mim.

- Atrapalhou sim maninha. - Jisoo sorriu cínica para Jennie que a qualquer momento poderia voar encima de Jisoo.

- Não! Não atrapalhou nada, Jennie... - iria me aproximar da castanha mais ela se afastou.

- Perdão por te atrapalhado as duas, iriam foder aqui? Pois se iam, podem continuar. - Jennie deu as costas indo até sua camionete modernizada.

- Jennie espere! - antes de eu correr Jisoo agarra meu braço.

- Isso e birra dela S/a! Não lig...

- Ah eu ligo sim! - puxo meu braço o soltando das mãos de Jisoo, e corro até Jennie que acabará de dar partida no carro. - Jennie! Kim Jennie pare esse carro agora! - corro o máximo que eu posso tentando alcançar o carro de Jennie, a mulher abaixou o vidro do carro, por um momento achei que ela iria parar mais ela apenas mostrou o dedo para mim.

Droga Kim! Você me faz realmente de trouxa. Juntei toda coragem que tinha e pulei na camionete me agarrando perto do vidro de Jennie, olhei pelo retrovisor do carro e Jennie tinha os olhos arregalados.

- Você e louca?! - ela parou o carro oque quase me fez cair, esperei Jennie descer do carro para eu descer em seguida.

- Sou por você. - respiro fundo. - Aquilo foi ciúmes? Jennie você e a única pra mim! - peguei suas mãos e as apertei, mais a Kim tratou de puxar as mãos para si.

- Não nós conhecemos a nem uma semana... - a cortei.

- Mais e o suficiente pra saber que eu já estou completamente apaixonada por você, eque não te trocaria por nada! Você deveria saber disso, desde que fizemos amor... - me permiti ficar mais próxima de Jennie, e a mesma nem se afastou.

- Eu soube... - mordeu o lábio inferior.

- Soube? Então insiste em ficar com ciúmes? - segurei sua cintura firmemente com minhas mãos.

Jennie não respondeu, apenas me encarou profundamente.

- Entra no carro.

- Oque?

- Entra na porra do carro S/n. - ordenou, e assim eu fiz, sem falar nenhuma palavra.

Jennie entrou no carro e bateu a porta com força me assustando.

- Jennie...

- Cala boca. - a castanha deu partida no carro, realmente ela havia ficado irritada?

  Quebra de Tempo

Estava sentada na cama de Jennie esperando a mulher sair de seu banho demorado, dentro do carro nenhuma palavra foi dita, apenas olhares intensos foram trocados pelo caminho, e ao chegarmos na fazendo eu me deparo com quem? " namorado " de Jennie Kim, Min Yoongi, por Deus eu juro que quase voei encima daquele cara quando ele abraçou e deixou um beijo perto de seus lábios, e ainda Jennie o tratou com o maior carinho do universo, maldita mulher!

A porta do banheiro foi aberta por Jennie que estava vestida apenas com um roupão pequeno, que deixava a mostra suas pernas e metade de suas coxas, bem depiladas. Jennie fingiu que eu nem estava ali, caminhou até um canto fo quarto e pegou o secador que estava encima da mesa onde tinha várias maquiagens e coisas do tipo.

- Então aquele era seu namoradinho? - perguntei e trinquei o maxilar quando a mulher simplesmente ignorou minha pergunta, ligando o secador e começando a secar seus belos cabelos. - Merda Jennie...

Tirei meu blazer e o deixei jogado pelo chão, retirei meus sapatos juntamente com as meias e deixei os mesmos em um canto. Me levantei e caminhei até Jennie, envolvi meus braços ao redor de sua cintura, Jennie desligou o secador e o deixou encima da mesa, olhei para o espelho que tinha ali encina e Jennie me fitava profundamente pelo mesmo, eu poderia cair só com a intensidade do seu olhar.

- Você sabe que Jisoo e louca pra foder com você, por que simplesmente não a mandou embora? - respirou fundo.

- E preciso? Depois do que tivemos... - fui cortada por Jennie.

- Foda-se oque tivemos, aquilo foi o começo do inferno. - se virou para mim e me empurrou para trás.

- Como assim? - ergui uma sobrancelha a arqueando.

Jennie não respondeu, apenas caminhou até mim, me fazendo dar passos desajeitados para trás, ao chegar perto da cama a mulher me empurrou me fazendo deitar em sua cama.

- Como assim? Eu deveria ter te deixado lá com ela, você teriam fodido, a esqueci, resolveu dar uma de homem aranha não é? Filha da puta! - Jennie sentou diretamente em minha ereção que já se fazia presente desde que a mulher saiu de seu banho, Jennie tirou apressadamente minha blusa.

- E por que não deu logo um beijo naquele seu namorado em? - me sentei na cama com Jennie em meu colo.

- Boa ideia, acho que irei lá agora! - Jennie se levantou, mais eu a puxei pelo braço e a joguei na cama. - Filha da puta!

- Me chame do que quiser Kim. - tirei minha calça e a deixei jogada no chão. - Aonde você acha que esse ciúmes vai te levar?

- Que tal pra você e a Jisoo fodendo? Você acha que vai oque? Transar comigo pra estarmos bem? Esta enganada! - Jennie iria se levantar novamente mais eu a empurrei de novo na cama. - Me deixa S/n!

- Não Jennie! Não até você parar com esse ciúmes! E sim, agente vai transar, sabe por que? Porque você está molhada apenas de eu tocar em você... - subi na cama ficando por cima de Jennie, com uma de minhas mãos acariciei as coxas de Jennie, de vez em quando subindo e encontrando seu sexo encharcado. - Porra...

- Faça melhor que Yoongi. - Jennie disse com o tom mais arrogante e provocativo seu, mais ainda sim foi sexy o bastante para me fazer perder o controle.

- Porra Jennie! Não meta o nome desse cara aqui! - deixei um tapa em sua coxa, e um gemido saiu de sua boca. - Você gosta não é?

- Cala boca desgraçada...

  Ponto de Vista - Kim Jennie

Com pressa, S/n beijou meu pescoço, chupou e mordeu me causando varias ondas de sensações sexuais, céus, eu odiava S/n, odiava, e amava. S/n atacou meus lábios formando um beijo totalmente obsceno, que foi de imediato retribuído por mim, enquanto nossas línguas dançavam, suas mãos passeavam pelas minhas coxas, e por fim chegaram ao laço do roupão, o qual ela tratou de desatar e tirar o roupão de meu corpo me deixando totalmente nua.

S/n separou o beijo, e com a respiração ofegante ela começou a fitar meu corpo com admiração, droga, eu estava em chamas!

- Fique de bruços! - ela ordenou.

- Não sigo suas ordens Park! - me sentei na cama.

- E nem eu as suas Kim, agora se deite de bruços e me deixe te foder... - S/n sussurrou perto de meus lábios, causando uma pontada em meu ventre.

Me deitei de bruços, estava exposta para S/n, e isso me excitava cada vez mais. Senti um tapa estalado ser desferido em minha nádega esquerda, mais esse não foi o único, outros tapas vieram, e eu enlouquecia a casa tapa, não iria segurar meus gemidos, nem se eu quisesse segurar.

- Ah porra, você e tão gostosa... - senti os lábios de S/n distribuírem beijos nos locais que foram acertados os tapas.

- Filha da mãe... - minha respiração estava irregular, mais não, eu não estava nem um pouco cansada.

Resolvi acelerar as coisas, empurrei S/n com para trás com um de meus pés, me ajeitei em uma posição onde eu ficava totalmente empinada para S/n, podia sentir seu olhar se perder em meu sexo.

- Porra Jennie, não faz isso... - murmurou.

- Não gosta? - ri ironicamente mais logo um gemido escapou de minha boca, ao sentir a língua de S/n em contato com meu íntimo. - Oh! S/n...

S/n movia freneticamente e com intensidade sua língua sobre os lábios de minha intimidade, uma de suas mãos apertavam minha coxa, enquanto sua língua tratava de me deixar louca, S/n começou a me chupar com total intensidade, céus! O som de sua sucção era totalmente excitante!

- Ah! Merda S/n! Isso! Chupe! Ah Deus! - agarrei com meus dedos o lençol da cama o apertando contra os mesmo, e S/n continuava a me chupar do modo mais delicioso que podia existir.

Meu corpo estava começando a tremer, meus gemidos e minha respiração estavam totalmente longe do meu controle, S/n sugou fortemente meu sexo e isso foi o suficiente para eu alcançar meu orgasmo, céus, eu podia cair de fraqueza ali mesmo.

Senti as mãos de S/n alisarem minhas costas até chegarem em minha bunda, para logo em seguida eu sentir seu membro me invadir.

- Porra! Ah! Oh filha da... - esse com toda certeza foi o gemido mais alto que eu dei até aqui.

Seu membro saia e entrava apressadamente dentro de mim, me enlouquecendo de vez, e pra me levar ao caos S/n deslizou sua mão até meu íntimo e começou a estimular meu clitóris, e de vez em quando o pressionando com força, fechei os olhos os espremendo pelo tamanho prazer que sentia, céus, aquele quarto era com toda certeza o inferno.

Podia sentir meu interior esmagar o membro de S/n, porra, eu estava completamente fora de mim naquela hora. S/n passou a me transferir estocadas brutas oque me fazia revirar os olhos e sentir meu sexo pulsar.

- Deus S/n! E-Eu vou gozar! Ah! - avisei entre gemidos.

S/n começou a me estocar em uma velocidade mais do que o suficiente para me fazer soltar um gemido alto e atingir meu orgasmo, e logo depois veio o de S/n, que senti me preencher.

- Porra Jennie... - S/n saiu de dentro de mim, me deitei na cama e S/n logo se deitou ao meu lado, me meti em seus braços rapidamente, esperando nossas respirações se regularizarem.

- E-Eu te amo...sim, eu realmente te amo... - susurrei e S/n riu meio abafado.

- Eu também te amo Kim, amo muito. - disse após selar nossos lábios.

Céus, essa mulher ainda será minha perdição.


Notas Finais


oi rsrs.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...