História A Dona da Porra Toda- Jungkook ( Repostando) - Capítulo 70


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 240
Palavras 896
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 70 - Capítulo LXX- Segunda temporada


Fanfic / Fanfiction A Dona da Porra Toda- Jungkook ( Repostando) - Capítulo 70 - Capítulo LXX- Segunda temporada

Aísha Narrando

Estávamos na praia, quando vimos os três babacas que talvez tenham nos drogado. Eu fui la falar com eles, e bati mesmo de frente, tenho medo de ninguém não.

Aísha- Era com você mesmo que queria falar. 

Davi-Estava com saudades amor. 

Aísha- Fala logo que droga vocês nos deram naquela noite.

Davi- Ta falando de que princesa, sei de droga nenhuma.

Aísha- Já sabemos de tudo, então acho bom assumirem que nos drogaram para nos levar pra cama. 

Mark e Vernon tinham chegado, e estavam presenciando a cena.

Davi- Não sei de nada, nunca nem vi, que dia foi isso.

Aísha- Cara de pau do caralho.

Dou um tapa bem dado no focinho desse traste.

Davi- Ta louca fia, ninguém bate em mim não. 

Aísha- Assume porra

Davi- Ta, eu e os meninos drogamos vocês e queríamos levar vocês pra cama, mas infelizmente eu não consegui te comer.

Aísha- Desgraçado

Eu vou pra cima dele e meto o cacete e ele vem e me bate.Pera ele me bateu, ah mais isso não fica assim. Eu avanço ainda mais e arranho sua cara. Alex me puxa pelos cabelos para me separar do amigo. Mas daí a Rosé começa a bater nele também, daí vem a Ayla e começa a meter porrada no Rafael.

Mark tenta nos separar mas não consegue.

Mark- Larga minha irmã desgraçado. 

Davi da um soco no Mark que ele sai cambaleando.

Porra o Davi tem acho que uns 23 anos e meu irmão 15, isso é injustiça, com mais raiva começo a bater e o safado me dá uns tapas também.

Covarde! 

Quando vejo o Hoshi chega e vem em nossa direção. E começa a socar forte o Davi e eles caem na porrada. Hoshi deixa o Davi caído no chão e vem em minha direção. Quando olho o Davi está com uma arma apontada para o Hoshi e eu dou um grito e só escuto o tiro.

Hoshi cai baleado.

Davi e os amigos fogem.

Eu comecei a chorar.

Aisha- Hoshi não me deixa por favor.

Hoshi- E-eu te a-amo

E ele desmaia.

Estamos no hospital a horas e não recebemos notícias. 

Já liguei para meus pais e os pais do Hoshi e eles estão vindo em um jatinho. Recebemos a notícia de que a bala se alojou na coluna cervical. E se ele sobrevier pode ficar paralitico.

Meu Deus o Hoshi não.

A cirurgia foi um sucesso e a bala foi retirada, mas os médicos ainda não sabem dizer se vai ficar sequela, tem que esperar ele acordar.

Dois dias depois

Nossos pais já se encontram aqui, e o Hoshi ainda não acordou.

Desde que aconteceu eu não sai desse hospital.

Tio Jimin e tia Jess choram muito e eu não fico atrás.

Hoshi acordou e fomos ver ele.

Aísha- Como ta se sentindo? 

Hoshi- To bem e pronto pra outra.

Aísha- Fala isso nem brincando. 

Hoshi- Aísha eu ouvi tudo e sei que você não transou com ele, eu sou um babaca mesmo, acreditei apenas no que meus olhos viram,  e eu estava errado.

Aísha- Vamos deixar essa conversa pra depois, você precisa descansar. 

Hoshi- Aísha eu dormi por dois dias, acho que já descansei suficiente, me perdoa amor.

Aísha- Te perdoar pelo que, por ter desconfiado de mim ou por você ter transado com aquele projeto de galinha pintadinha.

Hoshi- Ta falando da Paola? 

Aísha- Paola meu ovo, ta todo cheio de intimidade com a arara azul.

Hoshi- Tu tem ovo? 

Aísha- Não muda de assunto seu safado.

Hoshi- Amor, eu não transei com ela, foram apenas uns beijos, me perdoa amor e volta pra mim.

Aísha- Tu beijou a smurf, nunca mais beijo tua boca, você vai ter que desinfetar antes.

Hoshi - Nem um beijinho

 Aísha- Talvez um selinho

Me aproximo e dou um selinho que logo vira beijão. Senti saudades!

Aísha- Hey tua boca ta com gosto de puta.

Hoshi- Para amor e vem cá vem.

Nos beijamos e eu aliso seu rosto.

Aísha- Senti tanto medo de te perder.

Hoshi- Ja passou amor, mas eu to achando uma coisa estranha.

Aísha- Oque amor? 

Hoshi- Minhas pernas, faz tempo que não consigo mexer, achei que fosse por causa da anestesia ou remédios.

Meu Deus!

Aísha- Deve ser isso amor

Hoshi- Eu te conheço Aísha e você ta escondendo algo.

Aísha- Deixa de idéia amor, to escondendo nada não.

Hoshi- São minhas pernas, eu vou ficar alejado é isso. EU NÃO TO SENTINDO MINHAS PERNAS. 


Beatrice Narrando

Estamos no jatinho de meu marido indo rumo ao Brasil. Meu genro foi baleado e isso não ficará assim. Meu sangue ferveu na hora, poderia ter sido minha filha porra.

 E nada me tira da cabeça isso, esses bandidinhos terem drogado minhas filhas, isso não ficará assim, não mesmo.

Ninguém mexe com minha família e fica vivo para contar a história.

O Hoshi pode ficar paralítico e eu vou vingar isso. Esses caras não sabem com quem se meteu.

Mandei uma visão para meu parceiro aqui no Brasil. Ta ligado que eu saí dessa vida do crime, mas ainda tenho meus contatos.

Mandei a visão pro Ferrugem e ele ficou de saber quem são esses futuros moradores do inferno.

Meia hora depois o ferrugem me liga.


* Patroinha consegui a ficha dos filha da puta

- Rápido meu parceiro, assim que gosto. Passa a fita aí.

* Davi, Rafael e Alex são apenas pau mandado do K7 dono do Vidigal. Mas pela minha informação o k7 ta sabendo que eles mexeram com tuas crias não.

- Vou bater um papo com o k7. Te devo essa meu parceiro.

* As ordens patroa. Precisando estamos a disposição.



Morro do Vidigal lá vou eu. Acho que vou gostar de torturar esses malditos. 


Notas Finais


Gente é o seguinte, o próximo capítulo seria uma tortura bem pesada da Trice. Mas estou pensando em não publicar ou editar e diminuir nas paradas, o spirit pode excluir novamente a fic por isso, vou pensar se edito ou público assim mesmo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...