História A Dream Inside of Me - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Gravidez Masculina, Hobi, Hope, Hoseok, Jhope, Mpreg, Tae, Taehyung, Taeseok, Taetae, Uva, Vhope
Visualizações 89
Palavras 1.337
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu tô colocando os titulos iguais aos nomes dos episodios de Orange is the new black,o nome é uma coisa bem sem importancia que aparece mas vamos fingir que é tendencia :")

Então gente,eu demorei pra caramba por motivos de estar:
1)Estudando para o Enem,
2)Me iludindo com alguém que não deu certo DE NOVO(Daqui a pouco escrevo fic baseada em minha vida amorosa)
3)Bloqueio de imaginação

Estou escrevendo hoje para me distrair,eu perdi um parente bem próximo essa quinta-feira e foi um choque e tanto,fiquei bem mal mas estou tentando me recuperar me distraindo com as idiotices que sempre fiz.
É isto.Beijos galero.
Ou melhor,kissus

Capítulo 18 - Sushi e Yakisoba


Kim Taehyung


—Anjo.—Hoseok entrou no quarto.Eu ainda estava meio sonolento por algum remédio que me deram mas consegui ver bem quem era.Ele entrou devagar no quarto para que nossas bebês não acordassem,elas estavam em uma especie de cesta ao lado da minha cama.

—A enfermeira me falou...da cirurgia,e eu preferi trazê-las para cá.—Olhei para elas,que dormiam tranquilas.—O Yoongi é doido,pode querer fazer algo com elas.

—Claro...—Murmurou segurando minha mão e me dando um beijo.

—Onde estava antes de ir vir aqui?A enfermeira disse que você estava vendo as gemêas no berçário mas quando elas vieram para cá,você não estava.

—Estava conversando com a médica.Como se sente?

—Fora que meu corpo inteiro doi até quando eu respiro,estou ótimo.—Levantei a camisa para ver mais uma vez aquela cicatriz enorme que rasgava a extensão do meu abdomen.—Isso vai ficar feio para sempre.

—Não vai.—Hoseok ousou um pequeno sorriso,tentando me acalmar.Mas eu estava ciente de que a cicatriz duraria para sempre,me marcando de como quase morri.

—Pensa que é uma tatuagem para lembrar o nascimento das nossas filhas.

—Vou tentar.—Respirei fundo,tentando clarear as idéias.—Foi o Yoongi,não foi?Eu quase morri no parto por uma erro de uma enfermeira que tem o mesmo sobrenome que ele.Não foi coincidência e você sabe.

Hoseok concordou com a cabeça.

—Eu encontrei com ele lá embaixo.

—E o que vamos fazer?Temo ele tentar fazer algo com as meninas.—Olhei para elas que dormiam tranquilas.—Precisamos denunciar.

—Com quais provas?Não podemos acusá-lo sem provas.—Disse coçando a testa.Ficamos um tempo calado e pelo olhar do Hoseok,sei que planejava algo.

—No que está pensando?

—Em você.Senti sua falta.—Ele tentou contornar o assunto.No momento eu preferia esquecer e aproveitar os mimos mas aquele assunto não deveria ser esquecido,precisavamos dar um jeito no Yoongi.

—Também senti sua falta.—Resmunguei fazendo bico.Hoseok me abraçou e deu um selinho.

Logo depois,Jungkook e Jimin vieram nos visitar.Fiz questão de que a marca de nascença que elas tinham na boca igual ao do Hoseok fosse notada,Jungkook ficou meio desconfiado mas não falou nada.Jimin trouxe uma cesta com chocolates e balões.Um pouco exagerado?Talvez,mas eu gostava do jeito dele de se preocupar.

Mais tarde Namjoon e Jin apareceram.

—Temos uma boa noticia.—Jin disse colocando a caixa de chocolates na cama.Eles estavam levando chocolate por tortura ou o quê?Porque tão cedo eu não poderia comê-los.

—Me deixa advinhar.—Hoseok falou com um sorriso travesso.—Vão se casar!

Jin e Namjoon se olharam e viraram os rostos.Hoseok me olhou meio desconfiado,sabia que errou feio.

—O Yoongi se demitiu.Disse que vai embora do país.

—Que maravilha!—Sorri sem conseguir esconder meu alivio.

—Mas assim,sem mais nem menos?—Meu marido questionou.

—Como assim,sem mais nem menos?Ele tem motivos de sobra para ir embora.—Respondi.—Um deles é que ninguém gosta dele.

—Verdade.—Jin concordou,baixando a cabeça logo depois que o Namjoon lançou um olhar de reprovação em sua direção.—Que foi?É verdade mesmo,quase ninguém gostava dele.

—Melhor assim,que ele vá embora e fique bem longe das minhas filhas.

Namjoon andou um pouco até as bebês com um sorriso no rosto.Não é por ser pai nem nada,mas eram as bebês mais lindas que eu já havia visto.

—Quais os nomes mesmo?—Namjoon perguntou.

—Dawon e Eunjin.

Jin se aproximou olhando para elas e depois para mim.—Ótimos nomes.E quem é quem?

Considerando que elas eram iguais não dava pra dizer quem era quem,ainda nem haviamos decidido isso.Hoseok olhou para mim esperando uma resposta mas eu também não sabia o que dizer.

—Bom...elas são iguais.Não é algo fácil de decidir.—Hobi soltou coçando o queixo.

—Deviam fazer colares com os nomes,ou as letras.—Jin recomendou e era uma ótima idéia.Ia adotar com certeza,até porque eu nunca fui muito bom cim rostos,imagina com rostos iguais.


           [Três Dias Depois]


—Elas combinam com o quarto.

Hoseok observava Dawon e Eunjin da porta do quarto,havia colocado na cabeça que elas embelezavam tudo.Se estava nos braços de alguém,a pessoa se tornava mais bonita e se estivesse em algum dos comodos,o lugar se tornava lindo.Ele estava dizendo isso desde o momento que colocamos elas no táxi,saindo da clinica,até quando colocamos elas no berço.Era um pai coruja daqueles.Obvio que eu também estava babando por elas,mas passar três dias em uma cama comendo comida de hospital,sem sal nem açúcar,tinha me deixado cansado.

Deixei Hoseok olhando as meninas e fui tomar banho de verdade(já que eu ficava com vergonha das cameras da clinica).Depois do banho vesti uma roupa confortavel e me deitei na cama com um pouco de dificuldade por causa do corte que ainda doia.Não demorou muito para meu marido aparecer e sentar ao meu lado na cama.

—Está com fome?Quer comida?—Perguntou enquanto brincava com meus dedos,enroscando os seus aos meus.

—Por favor.—Pedi manhoso.—Comida de verdade.Pede frango frito ou sei lá.

—Não vou pedir,eu mesmo vou cozinhar.

—Está querendo me matar?

Hoseok franziu a testa,sei exatamente o que se passava em sua cabeça "Está duvidando de mim?"

—Você está duvidando de mim?—Perguntou.Automaticamente comecei a rir.—O quê?O que foi?

—Ai Hoseok...

—Não entendi qual a graça em eu cozinhar.

—Você é péssimo.—Falei tentando respirar normalmente,estava sem folego de tanto rir.A ideia de Jung Hoseok cozinhando sem destruir a cozinha era surreal.

—Pois fique sabendo que eu vi uns vídeos e aprendi a cozinhar algumas coisas.—Levantou com uma postura bem confiante,eu estava quase acreditando que ele ia fazer algo decente.—Eu vou fazer alguma coisa para a gente e te provar que posso ser bom na cozinha.

—Vai lá,Aprendiz de Ana Maria Braga*.

—O quê?

—Nada!

Enquanto Hoseok cozinhava sei-lá-o-quê,eu aproveitei para ficar na cama respondendo algumas mensagens e comentários na foto das bebês que eu havia postado antes de sair da clinica.O mundo precisava ver minhas bebês e eu precisava ficar me gabando de como eram lindas.

Pedi delivery de comida japonesa,caso as habilidades do Hoseok não funcionassem como ele achava que iria.Passei no quarto das bebês para olhá-las de novo e fui até a cozinha ver o progresso da comida.

Ao chegar lá,sabia que tinha feito o certo pedindo o delivery:Hoseok estava encarando uma panela cheia de verduras cortadas e vi agua fervendo no fogão, mesmo sabendo que algo estava errado,dei uma de desentendido.

—E então,chefe?

—Eu juro que segui a receita certinho...mas...mas eu estou esquecendo alguma coisa.

—Por acaso...ia fazer bibimbap?

Ele respondeu com a cabeça.Seu olhar estava totalmente confuso.Apesar de ter tentado,Hoseok não fazia ideia do que estava fazendo.

—Checou se temos pasta de pimenta vermelha?Não lembro de ter comprado na ultima vez que fizemos compras.

Ele correu para procurar e como eu previ,não tinhamos a pasta.

—Ainda bem que pedi comida japonesa.—Falei rindo,enquanto ele limpava uma mancha de molho da camisa.

Hoseok me encarou como se fosse me matar.

—Você não confiou em mim.

—Confiei sim,mas A)Imaginei que você faria pouca comida e não encheria minha barriga,B)Eu estava com saudade de comida japonesa e C)Nós dois sabiamos que você cozinhando não ia dar certo!

—Tá bom...Ok.—Hoseok tirou o avental que estava usando,vai cozinhar um bibimbap e já estava se achando um chefe de cozinha.Arrastou uma cadeira e se sentou.—Então,o que pediu?

—Yakisoba.

—Como sempre.

—Sei lá,sushi.

—Você é bem chato.—Ri indo até ele,me sentei vagarosamente em seu colo.—Eu pedi sushi para você,sabia que ia fazer birra.

—Você sabe que eu prefiro sushi.—Disse dando um beijinho em meu rosto.

—E você sabe que eu nem posso comer essas coisas.

—Eu sei,desculpa.Já foi tudo resolvido.

Ficamos um tempo em silêncio,só esperando a comida chegar.E quando finalmente chegou,Hosoek quase voou no entregador.

—Calma...a comida não vai fugir!—Reclamei andando até o sofá.

—Mas vai esfriar!Prefiro comida quentinha,fresca!

Estava tudo tão tranquilo,parecia que estava tudo como antes.Até uma das gemeas começar a chorar.

—É a sua vez,eu passei a maior parte da madrugada tentando fazer a Dawon dormir.

Conseguiamos indentificar a Dawon da Eunjin,graças a brilhante ideia do Hoseok de fazer uma tabela com quem usava tal cor,por exemplo:era terça-feira,dia da Eujin usar branco e a Dawon amarelo.Não era muito estiloso mas até as pulseiras com as letras iniciais de seus nomes ficarem prontas dava para o gasto.Não tinhamos mais nenhuma visita para receber então não precisavamos arrumar elas.

—Aish... Ele levantou largando os hashis descontente.Foi até o quarto e depois de alguns minutos voltou.—Dawon não quer ficar no berço,chorou quando a coloquei de volta.

—Ela quer ficar com o pai,ué.—Dei ombros,comendo meu yakisoba.

—Mas você também é pai.

—Com o pai Hoseok,já passou nove meses grudada em mim.

Meu marido revirou os olhos.

Alguns segundos em silencio e Eunjin começou a berrar no quarto.

—Ah não acredito...—Resmunguei levantanso para ir buscá-la.

—Bem feito!

—Cala a boca!


Notas Finais


*Gente a piada da Ana Maria Braga foi péssima hsushs Nem se considera piada mas eu juro que tava engraçado na minha mente quando eu escrevi

Qualquer erro aí é culpa de quem revisou o capitulo.Ou seja,eu mesma.

Até o próximo galero,kissus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...