1. Spirit Fanfics >
  2. A Empregada - Imagine Kim Taehyung >
  3. A gente pode namorar?

História A Empregada - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 39


Escrita por:


Capítulo 39 - A gente pode namorar?


Fanfic / Fanfiction A Empregada - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 39 - A gente pode namorar?

<Narradora on>

Jk: E agora? A choi não está em casa, e...Eu não sei cuidar de bebê...O que devo fazer? - ele pegava o bebê no colo -.

Sn: Cuidar você não sabe, agora fazer você sabe, né? - já estava ficando irritada -.

Th: Sn? - ele chamava atenção dela -.

Sn: Desculpa...Kook, dome lá em casa hoje, leva o Jong-in também. 

Th: Verdade - o Tae afirmava, mesmo não achando certo -. Vamos nenem? - falava para Jong-in -.

Jong-in: Appa, ele é tio? - referia a Tae -.

Jk: Sim, ele é o seu tio.

Todos entraram no carro e foram em direção da casa de Kim Taehyung. Taehyung e Sn estavam preocupados, achando que Choi tinha fugido, o que era uma possibilidade.

Quando chegaram na casa de Tae, arrumaram o quarto de hóspedes para os dois, e depois foram jantar.

A Sn explicou para a Tia Luiza tudo o que aconteceu e da suspeita que ela tinha da mãe do menino ter fugido. Fizeram o jantar, se sentaram em volta da mesa e começaram a comer.

Todos estavam impressionados com a forma carinhosa que JungKook estava cuidando de Jong-in, dando comida na boca dele e limpando a sua pequena boca. 

Depois que terminaram de comer, foram tomar um banho pois o dia foi bem cansativo e eles queriam descansar.

Kook e Jong-in foram tomar um banho. Kook deu banho no menino, mesmo não sabendo direito, tendo todo cuidado possível.

Sn deu um banho em Yeon Bora, depois deu de mamar e botou a menina para dormir, enquanto Tae ia tomando banho. Logo depois que Tae terminou o banho, foi a vez de Sn tomar o seu relaxante banho.


<Quebra de tempo> 

(04:45) Sn acorda assustada com os choros de Kim Tae Yeon Bora.

Sn: Tae? A Yeon está chorando - tentava acordar o menino -.

Th: Voce escutou eu falar que não foi eu? Aigoo... - falava ainda dormindo -.

Sn: Tae? Se tá dormindo? - não teve respostas -. Aff - ela se levanta e vai para o quarto do lado pegando a sua bebê que chorava -. O que foi amor? - se sentava e começava a dar de mama para a criança-. Filha, toma - a bebê rejeitava e continuava chorando -. O que será isso? - falava preocupada -. 

Sn estava realmente preocupada com a bebê. Não sabia o que fazer, a Yeon só chorava mais. Ela estava cansada de tanto andar para um lado e para o outro com a bebê, tentar da mamar, ver se a fralda dela estava suja...Mas nada, a bebê não mostrava nada, apenas chorava sem parar. Depois de minutos tentando acalmar a Yeon, Tae aparece na porta esfregando os seus olhos e com o cabelo bagunçado. 

Th: Amor, o que aconteceu? - entrava e olhava Sn desesperada com a bebê -.

Sn: Eu...Eu não sei, ela não para de chorar, já conferi tudo, não tem nada - Tae olhava a bebê-.

Th: Me de ela - ele pegava a criança -. Uma vez a tia Luiza me disse que bebês sentem cólica, deve ser isso, né? - ele botava a bebê em uma posição na qual ela parava de chorar -. Esta vendo? Desse ser isso mesmo.

Sn: Eu não sabia disso...- ela estava encantada -.

Th: Mesmo nós sendo adultos, quem vai ajudar a gente a crescer vai ser ela, sabia? - Sn olhava para ele e dava um sorriso orgulhosa -. Olha só, será que ela ainda se lembra? - Tae começava a cantar a mesma música de quando ela estava na barriga ((a de sua preferência)) e a bebê sorria -. 

Sn: Nossa, já dá para mim fugir e você cuidar dela - falava brincando, mas Tae levou a sério-.

Th: Tá maluca? Nem brinca com isso...

Um tempo depois eles voltaram a dormir, levando um "ninho" de bebê para o quarto e botando a Yeon para dormir lá. 


(10:45) Sn acorda exausta, depois da primeira vez que a bebê acordou, ela ficou acordado toda hora.

Se levantou vendo Tae com olheiras e foi para o banheiro fazer as suas higienes. Depois que saiu do banheiro, encontrou Tae sentado na cama com Yeon em seu colo.

Um tempo depois desceram encontrando Jong-in e JungKook sentados em volta da mesa da cozinha vendo a tia Luiza preparando o café da manhã. Logo se sentaram também.

Th: Bom dia - todos se cumprimentavam-. Jk, conseguiu alguma noticia da Choi? 

Jong-in: Appa, a omma vem hoje? - falava mexendo no pezinho de Yeon -.

Jk: Eu vou te levar na casa dela, está bem? - passava a mão na cabeça dele, bagunçando o cabelo do pequeno -. Não Tae, não consegui nenhuma notícia dela, vou na casa dela hoje levar o Jong-in - Sn fazia uma cara, tipo "Deu merda" -.

Jong-in: Appa, ela é a minha irmã? - falava da Yeon -.

Jk: Não...- Sn cortava ele -.

Sn: Ela é a sua prima, e sabe, eu tenho uma missão para você, está bem? - ele acentia com um sorriso no rosto -. Eu quero pedir que você cuide e proteja a Yeon, está bem? 

Jong-in: Como vou fazer?

Sn: Assim, quando alguém menino for bater nela, você protege ela, quando algum menino pedir ela em namoro, você não deixe.

Th: Isso aí, pode bater nesses meninos - falava revoltado -.

Jong-in: Tá bom. Quando ela ficar grande, a gente pode namorar? - falava feliz -.

Sn: Só se vocês dois quiserem.

Th: Não, não vai poder. A Kim Tae Yeon Bora está proibida de namorar.

Jk: Gente? - ele ria -. Calma.

Depois que eles terminaram o café, JungKook e Jong-in foram até a casa de Choi...

.

.

.

.


Notas Finais


Depois que escrevo, não leio as minhas histórias, então me perdoem qualquer erro de escrita.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...