História A Empregada e o Gângster (Suga) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, Red Velvet
Personagens Irene, Jackson, Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 635
Palavras 1.223
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Capitulo IV


Fanfic / Fanfiction A Empregada e o Gângster (Suga) - Capítulo 5 - Capitulo IV

Jeon jungkook on

Meu nome é Jeon jungkook tenho 20 anos e dirijo uma das maiores Gang da Coreia do Sul, mais não por muito tempo, pois a verdadeira herdeira é minha irmã gémea S/n, que foi levada pela família Min a muitos anos atrás, o que fez minha família odiar o Sr Min e odiar sua família, não tivemos nenhuma ideia de onde ela estava, mais sabíamos que estava viva

Quando eu tenhi 17 anos me apaixonei perdidamente por uma menina da escola,o nome dela era Yeri (foto de capa )  ela era uma menina muito difícil,mais depois de um tempo consegui a conquistar, nos amávamos mais ela me contou uma coisa que dificultou muito nosso namoro, ela era uma Min, se meus pais soubesse iriam a odiar, quando completei 18 anos finalmente contamos para ele a verdade eles não aceitaram muito bem, obrigaram a me separar dela, ate descobrirem que ela estava grávida, foi muito difícil convencer eles mais no final eles aprovaram, mais a família dela não

Jisso começou a morar com a gente nos iríamos nos casar, estavamos felizes ate seu pai começar a nos ameaçar, já o odiávamos por ter sequestrado minha irmã,e depois ate sua própria filha começou a odialo também, então para acabar com àquilo ele propôs um "tratado de paz" então ela inocente foi ate la, ele disse que poderíamos ficar junto mais ela teria que deixar de ser uma Min ela foi ate sua casa para assinar o contrato mais ele não deixou ninguém a acompanhar e naquela noite ele matou sua própria filha por poder, então nos odiamos a família Min e prometemos vingança

Então uns tempos atrás descubrimos que minha irmã estava de volta a Coreia e esse tempo todo ela estava escondida no Brasil, mais o pior foi ter descoberto que ela foi vendida para Min Yoongi, eu estou atrás da minha irmã e vou fazer de tudo para a recuperar, logo terei informação de onde Yoongi mora e teremos um grande ataque pq já descubrimos que ele sabe que estamos indo atrás dele

Jungkook off

Seul:29/04/2018 segunda-feira 00:00

Estava no meu quarto novamente sem um pingo de sono, fazia muito tempo que eu não dormia direito ou comia, comecei a me drogar, tomava pilhas de remédio por dia, me mutilava para ver se a dor passava mais isso não acontecia,eu passava quilos de maquiagem só para cobrir os cortes no meu braço, eu me sentia um lixo e o Yoongi fazia tudo piorar, me tratava como se fosse nada, muitas vezes me batia e agora vivia trazendo mulheres para a casa e aquilo por mais que eu não queria me machucava

Mais conseguir achar um lugar onde me sentia super bem, quando estava andando no jardim um dia, ouvi vários latidos que vinha de um lugar todo fechado do jardim quando entrei la dei de cara com dois pitbull na hora pensei “fudeu de vez ”

Mais ao contrario deles me atacaram, ele chegaram perto de mim e começaram a pedir carinho,eles eram as coisinhas mais fofa do mundo,na suas coleiras estavam seus nomes, Jack e marco eles me passavam segurança e proteção e aquilo me deixava bem, então toda vez que estava mal eles me animavam e me faziam me sentir protegida ao contrario daquele que me machuca e mesmo assim não consigo o odiar

Sim isso mesmo que vcs estão pensando eu me apaixonei por aquilo que mais me machuca aquilo que me destrói dia pós dia, hora por hora, minuto por minuto, aquilo que me prendeu sem se importar com nada, aquilo que faz meu coração cada dia mais ficar quebrado e sem esperança de ser feliz novamente, aquilo que me tirou o que mais eu tinha de precioso o meu sorriso, aquilo que faz meu coração acelerar cada vez mais quando o vejo, aquilo que me faz me odiar e odiar não conseguir o odialo, aquilo que destruiu meu psicológico e me deixou assim, aquilo que se chama Min Yoongi

De vez em quando de noite consigo o ouvir tocando seu precioso piano e aquilo me acalma, pois me lembro de mim tocando o meu piano aquilo me levava para outro lugar e me deixava plena eu sentia saudade de tocar novamente, então o ouvindo tocar me fazia lembrar da minha felicidade e era a única coisa que me fazia sorrir, mais o dia amanhece e começa tudo novamente a dor volta, as feridas abrem e o apocalipse dentro de mim começa, de vez em quando me pego me perguntando o por que de não ter me matado até agora e não acho resposta e fico me perguntando

O porque de ficar viva ? O porque de não conseguir lutar ? O porque de não conseguir deixar de amar ele ? E o que mais me corrói, O porque disso acontecer logo comigo ?

Perguntas que nunca serão respondidas, mais todo mundo tem sua cota e a minha já estava chegando no fim, eu ia tacar o foda-se em tudo e joga tudo para o ar

Estava pensando em um jeito de me matar ate que ouço o barulho do piano

S/n - novamente Min Yoongi esta tocando de novo

Então levantei da cama foi ate a porta do meu quarto e sai como todas as noites que o Yoongi tocava me sentei na escada que dava de frente a sala onde se encontrava o piano

E la estava Min Yoongi sentado no seu piano e cantando, tenho que assumir sua voz é linda e isso me deixava cada vez mais apaixonada por ele, sua voz suava calam mais carregada com um pouco de tristeza ou culpa, parecia que ele cantava como se fosse para se desculpar com alguém, como se estivesse se culpando e a única maneira de se livrar disso seria cantando e a música era linda porem triste, vi que o mesmo acabou de tocar e fecho seu piano e iria se levantar, então rapidamente me levando e fui para o meu quarto mais antes fui impedida pela a voz grossa e roca dele me chamando

Yoongi - S/n S/n novamente me espionando, venha dessa aqui

Esperei alguns segundos e desci as escadas indo em sua direção, eu estava de pijama (foto de capa ) então quando apareci na sua frente vi o mesmo morder os lábios ele ainda estava sentado em seu piano então me deu um espaço e mandou eu sentar ao seu lado e assim fiz

Yoongi - pq me observa tanto tocando ? Toda a noite que eu toco consigo a ver me observando

S/n - me desculpa senhor não era minha intenção, só que quando toca, me sinto novamente em casa, pois sempre antes de dormir costumava me sentar em meu piano e tocar e isso me acalmava e ouvir o senhor tocar também me deixa calma ( falo meio triste recordando do meu passado, ainda estava com medo dele então mantinha um espaço entre a gente e me mantinha encolhida )

Yoongi - calma não precisa ter medo, não irei fazer nada com vc

S/n - como posso confiar em vc ?

Yoongi - não pode, mais nessa noite farei um tratado de paz, bom já que gosta tanto de tocar porque não toca uma música para para mim ?

S/n - claro (então me aproximei mais dele para poder tocar melhor )…


Notas Finais


Bom mochis ai esta o capitulo prometido espero que gostem !!! No próximo é hot, espero que vcs tenham um ótimo domingo e um feliz dia dos pais ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...