História A Escolha do Amor - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags A Escolha Do Amor, Ame Sem Medo, Escolha Amar
Visualizações 9
Palavras 1.021
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Décimo quarto ato da história

Capítulo 14 - Ato 14 - Voando em Pensamentos


Anoiteceu e ainda estou na praia com as meninas, mas elas ainda estão sentadas na areia conversando, rindo, cantando, entre outras coisas a mais. E eu estou ainda nas dunas com meus pensamentos voando longe. Olho para o meu relógio de pulso e vejo que já são 19h30 e resolvo descer das dunas para chamar as meninas.

- Meninas, já está muito tarde. Vamos indo? – Digo acabando de chegar onde elas estão.

- Que horas são Andreia? – Pergunta Duda.

- São exatamente quase 20h. – Respondo.

- Então vamos meninas, porque ainda vou ter que preparar a minha aula para a EBD. – Diz Bárbara.

As meninas concordaram, então pego as minhas coisas que estavam com elas e quando estava prestes a ir para o carro, percebo que estou totalmente suja de areia. Então dou minha bolsa para Eryca segurar e começo a me limpar, mas sem sucesso. Meu Deus, parece que tem cola em minha pele, quanto mais tento me limpar, mais areia aparece em mim. Aí eu digo para as meninas:

- Olha, vou ter que ir ao chuveiro, pois tentei limpar a areia da minha pele e não saiu toda. Parece que tem cola na minha pele, Deus me livre.

As meninas começam a rir e elas assentem dizendo para eu ir para o chuveiro tirar toda a areia que está em minha pele. Então, pego minhas coisas com Eryca e vou até lá, ligo o chuveiro e tiro toda a areia da minha pele. Como sou bem precavida, trouxe uma toalha, então peguei a toalha e me enxuguei após fechar o chuveiro. Depois de totalmente seca, me escondo atrás de uma barraca mais próxima e troco de roupa. Coloco a roupa molhada dentro de uma sacola e meto logo dentro da minha bolsa. Vou até as meninas e Steffany começa a perguntar:

- Por que demorou tanto Dheia?

- Mermã, tive que me esconder em algum lugar para trocar de roupa.

- Tu só podes ser doida. – Ela começa a rir de mim.

- Tu achas que eu ia entrar no carro de Talyssa com a roupa molhada? – Olho bem sério para ela.

- É Andreia, você está certa.

Rimos de novo e as meninas nos chamam para ir embora. Eu, Eryca e Bárbara fomos no carro de Talyssa. Steffany e Duda foram no carro de Rayssa. Ainda bem que não fui porque as quatro iam me perturbar até dizer chega quando o assunto começava com Leandro e terminava com Ribeiro. A volta para minha casa foi tranquila, não toquei no assunto sobre Léo e nem as meninas falaram sobre ele. Elas me deixaram em casa e me despedi delas. Bárbara diz:

- Ei Andreia, tu vais para a igreja amanhã?

- Vou sim Bárbara. – Respondo.

- Então nos vemos amanhã, fique bem.

- Está bem, então tchau.

- Tchau. – As meninas dizem junto.

Sorri e entrei no meu condomínio, quando cheguei em casa, minha mãe estava deitada ainda no sofá, entrei, falei com ela e ela pergunta:

- Por que demoraram isso tanto?

- Ah mãe, foi porque combinamos de passar o dia todo na praia e não demos conta que o tempo passou rápido. – Digo rindo.

- Próxima vez não me deixa preocupada desse jeito.

- Está bem mãe. Vou tomar um banho.

Ela não disse mais nada, então fui ao meu quarto, tirei a sacola com a roupa molhada, fui até a área de serviço e coloquei de molho, depois voltei para o meu quarto, peguei a toalha, fui ao banheiro e fiz todo aquele ritual que não irei entrar em detalhes e fui tomar banho. Foi um banho bem demorado, para tirar até o último grão de areia que ainda há em meu corpo. Depois que terminei, vesti uma roupa confortável e fui comer alguma coisa. Olhei meu celular e vi que tinha várias mensagens, principalmente de Léo. A mensagem era a seguinte:

“Tenha um excelente dia minha princesa. ”

Sorri ao olhar a mensagem, então respondi:

“Obrigada meu amor, e que você tenha uma excelente noite. ”

Ficamos conversando pelo WhatsApp mesmo, daí falei sobre o meu dia na praia com as meninas e ele sobre a preparação para a tão sonhada formatura dele. Estou mais empolgada com a colação de grau dele do que ele próprio. Ele perguntou se as meninas estavam me perturbando por conta dele e eu disse que por milagre elas não me perturbaram. Ele riu e eu também me acabei de rir. Passaram-se três horas desde a hora em que cheguei da praia e estava caindo de sono, então me despedi dele e desliguei o celular e fui dormir.

No dia seguinte, acordei e fiz as mesmas coisas que faço todos os dias, tipo, limpar a casa e ajudar a minha mãe no que for necessário. Depois fui para o meu quarto e fiquei no celular. Vi Lucas online e resolvo conversar com ele. Ele perguntou o porquê de ter sumido e eu disse que estava afogada com trabalhos de faculdade e coisas da igreja e que ainda estava doente da gripe, se duvidar vai fazer mês que estou gripada. Falei de Léo para ele e ele falou da menina que ele conheceu no retiro da igreja dele. Fiquei extremamente feliz por ele e ele por mim. Daí conversamos sobre outros assuntos e depois ele saiu do Facebook.

Antes de ir me arrumar para a igreja, fiquei a tarde inteira do lado de fora para esfriar a cabeça, então li um livro, fiquei mexendo em meu celular, conversando com as meninas e também com Léo pelo WhatsApp e no mesmo instantes meus pensamentos voaram longe com tudo o que aconteceu comigo no ano passado e agora nesse ano. Digo que foi uma coisa de outro mundo, então resolvo entregar nas mãos de Deus tudo o que está acontecendo comigo neste momento, como seria a minha vida sem Léo aqui, como seria quando ele voltar de vez e, com tudo isso, falei: “Que seja feita a Tua vontade e não a minha”. Depois deu a hora de eu ir me arrumar e fui me arrumar e segui para a igreja


Notas Finais


Por enquanto Léo ainda prevalece nos pensamentos dela


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...