História A Escolha • Jikook • - Capítulo 50


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Tags Jikook
Visualizações 126
Palavras 1.096
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 50 - We all need some time ....


Desesperado, Hoseok caminhava com Jungkook apoiado em si em direção ao banheiro. O menino chorava como um bebê faminto, detonado e angustiado. Hope não entendia o que havia acontecido com o mais novo, do porquê de ele estar tão abalado.

  - Vem, Kookie! Estamos quase chegando. - Disse se esforçando para segurar o garoto em seus braços.

  - Vamos, entre no banheiro. - Disse dando leves empurrões no garoto para ele entrar no banheiro. Sem saber o que fazer, Hoseok pegou um punhado de água na mão e jogou no rosto de Jungkook.

O mais novo acabou se assustando e arregalou os olhos.

  - Ei, me fale o que houve com você. - Hoseok disse calmo, tentando não deixar Jungkook mais nervoso do que já estava.

  - E-Eu v-vi J-Jimin com Y-Yoongi conversando. - O garoto não conseguia segurar os soluços, mas tentou se acalmar para poder explicar para seu hyung o que tinha acontecido. - Eles estavam falando mal de nós, Hope hyung, disse que vocês me protegiam como ouro puro, e que ninguém via que quem mais sofria era ele...

Hoseok se assustou. Arregalou os olhos e balançou a cabeça.

  - Você está falando sério? Jimin dizendo essas coisas?...

  - Tenho toda a certeza do mundo, hyung.... - Fungou. - Eu tentei falar com ele, mas ele não me ouviu. Disse que todo mundo só estava olhando pra mim como um coitado e olhando pra ele com decepção. Ele falou que ninguém viu o quanto ele sofreu pelo choque de realidade, que não acha justo apenas eu se safar dessa história. Nesse discurso tosco e sem noção que ele fez, acabei ficando com muita raiva e o chamei de criança querendo chamar a atenção.... E ele retrucou dizendo que quem estava implorando atenção, era eu... - Hoseok prendeu a respiração.

  - Ele disse que eu não tenho mais nada haver com ele, que eu era apenas um mero conhecido. E ainda.... Disse que se ele esta falando com Yoongi era problema dele e não era pra se meter.

- Não, Jimin... - Hoseok passou a mão em seu rosto e suspirou. - O que houve com você?... - Disse baixinho.

Houve com silêncio curto depois da fala do mais velho.

  - Eu queria saber também... - Jungkook disse com sua voz normal, porém sentia-se seu desapontamento.

  - Está indo longe demais tudo isso! Temos que dar um basta!! - Hoseok se levantou com tudo, mas foi parado por Jungkook segurando sua mão.

  - E pra que?! Pra ele dizer as mesmas coisas que anda dizendo a dias?! - Hope abaixou a cabeça, o mais novo estava certo, Jimin não iria o ouvir. - Desgraçado...

  - O que disse? - O mais velho perguntou com um leve desânimo em sua voz. O moreno sorriu sarcástico.

  - Ele conseguiu, hyung. Yoongi esta acabando comigo ao poucos, está levando um dos meus bens mais preciosos. Sugando as coisas que me deixam feliz, que me prendam aqui. - Jungkook dizia com uma lágrima teimosa descendo sem que ele percebe-se. - Eu sei bem o que ele quer... Ele quer me ver bem longe daqui. Por isso aumentou a história com Jimin, era para que eu não voltasse mais ou algo do gênero. Yoongi quer fazer de novo, quer fazer com que eu fuja...

Hoseok ficou em silêncio. Não sabia o que dizer, era uma situação delicada de se falar. Mexia com algo do passado, algo do presente e que, de alguma forma, mexerá com o futuro.

O sinal do recreio tocou e Hope levantou devagar.

  - Vem, vamos falar com o pessoal sobre isso. - Estendeu a mão para Jungkook como um apoio para ele se levantar e o próprio aceitou de bom grado. Foram saindo do banheiro depressa, para que ninguém vi-se eles ali.


O resto dos meninos estavam no mesmo lugar meio isolado de sempre. A cara de Jungkook assustou os que estavam ali, causando uma preocupação maior entre eles.

  - O que houve? Por que estão com essas caras? Principalmente Jungkook. - Perguntou Taehyung com o semblante preocupado.

  - Explique para eles Kookie... - Hoseok disse indo em direção a Taehyung e o abraçando por trás.

Querendo ou não, isso afetou a Hope também. Já que conhecia Jimin a tempos, não a tanto quanto Tae, mas o suficiente para saber que o garoto estava acabado. Hoseok não sentia raiva, sentia angústia por não poder ajudar o garoto.

Jungkook contou aos meninos tudo que lhe havia acontecido. A expressão dos três ficará assustadas e totalmente surpresas. A cada palavra que Jungkook dizia sobre o que Jimin havia falado para ele, era uma facada no peito daquele que era seu melhor amigo de anos. Taehyung estava horrorizado. Onde estava seu melhor amigo? Aonde estava Park Jimin?

Ao final, todos estavam chocados. Era difícil proferir uma palavra depois da chuva de ácido que haviam recebido.

  - Ele está... Pior do que imaginávamos. - Disse Namjoon passando aos mãos no rosto.

  - Minie... - Taehyun murmurou baixando. Ele foi abraçado por Hoseok bem forte, ele sabia que o mais novo iria chorar ali mesmo.

  - Jimin, o que você está fazendo?... Parece que não ouviu nada do que eu lhe disse. - Jin disse para si mesmo. - O problema era que isso podia ser bem possível, levando as circunstâncias, era muito possível.

  - E mesmo assim... - Namjoon complementou. - Ainda é surpreendente e triste. - Suspirou.

  - Yoongi está conseguindo o que quer, ele está conseguindo me deixando infeliz aqui. Infeliz a ponto de eu não ter mais nada que me prenda e eu possa ir para o Japão com meu pai. - Disse com o semblante e voz neutra. Não tinha mais forças para chorar, ou choraria quando estivesse sozinho.


  - Eu acho que você deve fazer isso, Jungkook. - Namjoon disse de surpresa.

  - O que?! - Todos disseram em uníssono.

  - Não ir embora de vez para o Japão, mas passar uma semana lá. Você está precisando se distrair um pouco ou vai acabar enlouquecendo. Aproveite e se aproxime do seu pai, peça dicas para tentar sair dessa situação. Nós ficaremos aqui, observamos tudo o que Jimin fizer e tentaremos dar um jeito de acabar com isso.

  - Você tem razão, Nam. Faça isso Kookie!

Jungkook ficou receoso em fazer, porém viu que seria algo bom para ele.

  - Bom... Vou falar com a minha mãe para ver certinho as coisas.









Estava decidido. Jungkook iria passar uma semana com seu pai no Japão. Enquanto os seus amigos tentavam achar um jeito de acabar de vez com todo aquele fuzuê.











Contínua....





Notas Finais


Será que agora tudo isso vai acabar de vez? Tomara...


Quero meu jikook...



Espero que tenham gostado! Desculpe se tiver algum erro ou se não estiver bom o capítulo.



Beijos da tia Boomni e até a próxima! 💕💕❤💕❤💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...