História A escolhida - Capítulo 12


Escrita por:

Visualizações 28
Palavras 865
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Científica, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Lembre-se, nem tudo contado nesta história, está presente na vida real.

Capítulo 12 - O poder


Fanfic / Fanfiction A escolhida - Capítulo 12 - O poder

Maria Clara está com 5 meses de gestação. Todos já sabem. Apesar de Paulo não concordar com essa situação, decide não interferir até que a criança nasça, ele pede para que Maria Clara não conte a ninguém quem é o pai. María não está feliz, ela não tem vontade ser mãe, não agora. Isso faz com que ela não goste daquela criança, não como deveria gostar, ela não gosta a ponto de dizer que abondonaria a menina inocente. 

Paulo crítica muito Maria Clara pelo o que está acontecendo e tenta bolar um plano para que ninguém possa descobrir a origem da criança. 

Acho que foi de tanto Paulo críticar que semanas depois Letícia procura Gustavo:

- Eu não sei o que está acontecendo! 

Gustavo- Como assim? 

Leticia- Muito enjôo, muita preguiça, dores... Enfim, estou me sentindo muito mal. 

Gustavo da risada da cara de Letícia! 

Leticia- Do que você está rindo? 

Gustavo diz ainda rindo:

- De você!- ele dá uma pausa, e continua- Letícia, você pode só estar grávida! 

Leticia se assusta:

- Gravida? Mais eu não posso engravidar! 

Gustavo- Lógico que pode! 

Leticia- Não... você não está entendendo! 

Gustavo- Como assim? O que quer dizer com isso? 

Leticia pensa... E resolve deixar quieto:

- Esquece! Pensei em inúmeras responsabilidades! 

Gustavo- Foi com o Lucas neh? 

Leticia- Gustavo! 

Gustavo- Que foi! Eu estou só tomando cuidado! 

Leticia- Hahaha engraçado! Você sabe que só me deito com ele. 

Gustavo olha torto para ela...ainda zuando com sua cara!

Leticia percebe a brincadeira e diz:

- Paraaa! Você sabe que isso é sério!

Gustavo- Ta, ta... Eu sei! 

Leticia- Preciso ter certeza! 

Gustavo- Eu vou te ajudar! Relaxa...!

Depois de Letícia ter a certeza de que realmente está grávida, ela começa a manter isso em segredo! Até que um dia, sua mae começa a reparar em coisas e comenta: 

- Você anda engordando de mais sabia?!

Leticia tenta ignorar...mais sua mãe persiste:

- O que está acontecendo? Você está muito diferente!

Leticia vai contar a verdade, mais sua mãe a interrompe:

- Filha! Eu sei que deve estar nervosa, afinal daqui três meses você completa 16 anos e aí será dona de tudo isso. Sei que é uma enorme responsabilidade, mais não mude quem você é! 

Leticia desiste de contar! Aceita o conselho de sua mãe! 

Dois meses se passa, obviamente sua barriga já está visível. Sua mãe começa a desconfiar...ainda mais...! 

Stefany- Letícia, você não tem nada para me contar? 

Leticia nunca sabe o que dizer quando sua mãe pergunta isso...! Mais agora ela contou! Ela disse:

- Mãe, eu estou grávida! 

Stefany não sabe o que fazer... Naquele momento quer bater em Letícia, mais ao mesmo tempo dar parabéns, ela está feliz, mais ao mesmo tempo preocupada, muito preocupada. 

Leticia- Não vai dizer nada? 

Stefany- Sim! Arruma suas coisas.

Leticia- Como?

Stefany- Amanhã! Amanhã você viaja para o Brasil! 

Leticia- Eu não quero ir! 

Stefany- Mais você vai! E só vai voltar quando essa criança nascer e você encontrar alguém para cuidar...! 

Leticia- Não! Eu não posso fazer isso! Eu não quero fazer isso! Até porque como vou me tornar líder se vou estar longe?

Stefany- Você tem duas opções: Ou deixa esse criança no Brasil e volta para assumir as suas responsabilidades... Ou você abre mão de tudo e ainda encara seu pai sozinha! 

Leticia- Eu não vou para o Brasil! Eu encaro meu pai SOZINHA, e abro mão de uma responsabilidade que eu nunca pedi para ter do que de outra responsabilidade, muito melhor e mais agradável! 

Stefany- Então ta bom! Acha que pode fazer tudo isso sozinha...? Então vai fazer! Só que bem longe daqui...! 

Leticia- O que você quer dizer com isso?

Stefany- Não vai viajar para o Brasil? Okay ... Eu respeito! Mais então vai sair desta casa...e vai ser agora! 

Leticia sai...sem pegar nada...sem olhar para trás! Ela bate na porta da casa de Lucas a mãe dele atende e pergunta o que aconteceu?, Leticia conta que contou a sua mãe sobre a gravidez e ela a expulsou de casa. A mãe de Lucas fica muito surpresa... Ela não sabia de nada...! 

Leticia- Lucas não te contou nada? Nada mesmo? 

Ela balança a cabeça dizendo que não! 

Leticia pede para que ela converse com o filho, a mãe de Lucas pede para ela ficar, mais Letícia agradece, e sai... Vai até a casa de Grazi.

Leticia conta a Grazi o que aconteceu e pede pelo menos por um tempo, abrigo. 

Grazi- Eu nunca te negaria isso! Você me acolheu a anos atrás, lembra? Minha vez de retribuir! 

Elas se abraçam. 

Leticia completa 16 anos, sua força, seu poder, só crescem... Ela não consegue controlar... Ela precisa se ligar a natureza, ela precisa completar o ritual. 

Leticia procura sua mãe! 

Stefany- Eu disse que não queria te ver mais aqui!

Leticia- Se você quer me vê morrer, parabéns, está no caminho certo! 

Stefany- Como assim morrer? 

Leticia- Se eu não iniciar o ritual, eu vou morrer e comigo vou levar toda a família e todos desta alcatéia...pessoas que estão ligadas a outras, de outras alcatéias, e quem assim, de um por um... Todos vão morrer, se eu morrer! Então se é exatamente isso que você quer... Você vai conseguir! Eu não sei a troco do que... Mais vai conseguir!!!


Notas Finais


Perdão por qualquer erro!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...