História A Escuridão Entre Dois Mundos - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Inuyasha
Personagens Personagens Originais
Tags Inuyasha, Misterio Oculto, Youkai
Visualizações 10
Palavras 1.075
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ola seus lindos como estao?

Sei que estou em falta com vcs

Peço desculpas.... esta uma correria final de semestre na faculdade

mas prometo que dando um tempinho postarei com mais frequência.

Boa leitura.<3


Musica tema: https://www.youtube.com/watch?v=TssRYNXkdkw

Capítulo 22 - Nem Sempre o Destino Estará a Seu Favor


Fanfic / Fanfiction A Escuridão Entre Dois Mundos - Capítulo 22 - Nem Sempre o Destino Estará a Seu Favor

Saio de la fazendo o salto que uso em um dos pés mas o som da bota ecoar no local.

Caminhando com dificuldade ouço que estou sendo seguida e vozes acompanha os passos. Chegando  no ultimo degrau me apoio no corrimão. Aquela sensação de novo não.  ME arrepio a espinha.

 

____________Começo do  Século XX______________

 

Desfruto meu delicioso drink enquanto aprecio do alto do maior prédio uma vista exuberante. O vento frio pega de leve minha pele e a agua da piscina esta agradável. Hoje aprendi a dominar o que sou, meu poderes não  causam mais a destruição como antes. A classe e a elegância se ponderaram mais a meu favor. A cada dia me torno um novo eu, deixando o dia que se passou para atrás.   Sou cercada de lembranças mistas e místicas, onde ate parece um conto de fadas para menininhas dormirem.  Vivo sem me permitir sentir... Apenas vivo e faço tudo sem nenhum menor tipo de sentimento. Frieza, ironia, desprezo e sombrios som os temperos que compõem uma orquestra de Elegância, Sensualidade, Nobreza, Superioridade construído num corpo estrutural com míseros detalhes de pura sofisticação, Digna no cargo Deusa.... Essa é a pessoa em que me tornei.  Desfruto  de todo o poder e soberania que o dinheiro me proporciona, ver os outros sofrer é uma das minhas distrações no momento, seja dor física, psicológica ou ate mesmo sentimental. Dama Indomável. A mulher Mais Friamente perspicaz e calculista. Dor para quem já fez muitos sofrer me faz distrair.

- Pelo visto hoje a dama esta relaxada... – Diz Jamie entrando na ala vip da piscina.

-Nada melhor que beber um digníssimo  vinho 1945 Petrus tinto com essa vista maravilhosa, após presenciar um massacre sanguinário que durou mais de 3 semanas... – digo bebendo mais um gole do vinho.

- Evoluiu muito Prodigio, estou admirado.... Se  fosse um mortal poderia dizer  você me deixa com um tesao da porra.... – Diz Galadriel com sua arrogância e astucia para me tirar do meu ceu que era a pouco antes dele aparecer. Jamie o olha feio.

- Se é Macho de verdade,como diz valorizando o que tem no meio das pernas, repete o que disse-  Digo ainda de costas para eles.

- Você é um tes.... – Em segundos finco o punhal de brasas nele que sangra e reclama amargamente.  Esse punhal não o mata mas tira suas dadivas de anjo por alguns dia ou semanas sei la.

- Merda Hime, além de estragar minha camisa preferida ainda por cima ficarei semanas como um invalido. – diz ele chateado enquanto tira o punhal e eu caminho ate a cadeira colocando o ropao e me sentando na cadeira.

- E me qual a novidade nisso tudo? você sem foi invalido mesmo – Falo com desdém enquanto coloco mais vinho na taça.

- Vai deixar ela falar assim com você ? – Entra outro estranho que agora que percebo sua presença no recinto.

- Não sou louco de mexer com essa ai.... Mas se estiver afim vai em frente – Diz Galadriel enquanto Jamie senta do meu lado rindo e o rapaz se aproxima.

- Bundão....- Jamie o zoa

- Vou te mostrar o bundão – Jamie se levanta e fica perto da piscina esperando Galadriel

- Crianças não briguem – digo calma – Se matem...hahahaha – Eles me olham assustada fazendo com que ria mais alto ainda

- Galadriel esta certo a bela dama é muito calculista e perspicaz.... Alem de ter uma beleza dos Deuses – diz o rapaz se aproximando de mim e estende a mao- Deixe- me apresentar: Vicente D’Angelo Santis. Muito prazer- me olha.

- 3 coisas: 1º Foda-se quem tu es, 2º Foda-se o que lhe trás aqui  e 3º e não menos importante Foda-se todos vocês – me levanto passando por ele, indo em direção para a sala central enquanto Galadriel é tapeado e cai na piscina.

- Chaveirinho mais respeito pleases... – Diz com sua voz meiga de cachorrinho pidão.

- Vai se ferrar não vou ajudar em porra nenhuma.... JÁ disse hoje é minha folga e vocês imprestáveis estão estragando-a...- digo irritada como de costume.

-  Filippo e Leonora devem estar orgulhosos de como a filha esta nesse momento – Diz o tal Vicente. Viro-me já na minha verdadeira forma indo em direção a ele mas Jamie é mais rápido e me segura.

- Não ouse falar dos meus pais seu estrume ambulante. Não sabe do que sou capaz e não medirei forças para lhe mostrar- Cacete porque esse idiota conseguiu em segundo me fazer voltar a ser o que era antes, como posso perder o controle tao rápido assim.... Caio em si e endireito minha postura – Como conhece meus pais? E como fez isso?

-Apenas uma palavra Seu Guardião.- Diz sereno aqueles olhos azuis penetrantes me encara.

Do nada minha força se vai meu nariz começa a sangrar me desespero pois sei o motivo. Ou talvez não.

Estou sentada no com a mao no nariz para tentar estancar o sangue. Entretanto ele se abaixa e coloca a mao no meu ombro. Seu toque é diferente, ele é diferente.

- Calma tudo vai ficar bem pequena Hime.

 

 

________ Agora______________

 

Sinto sua presença.

- Sempre atrevida ne prodígio. – Desgraçado

Olho imediatamente para o lado do chafariz com puro ódio nos olhos. E assim todos saem.

-Galadriel- Diz o Topetudo e o Sabichão ao mesmo tempo.

Era so o que me faltava esse idiota aparecer..... Mas pera como é que eles se conhecem....????

- Por que esta aqui e como se conhecem – Digo rude.

- Ola Deyce estou bem muito obrigado por perguntar – diz debochado.

- Quero ver se terá a mesma astucia em alguns segundos depois que.... – Sou impedida por Jamie

- O que veio fazer aqui? – Diz Jamie e Robert sérios.

- Vim Ve-la Hi... Deyce – o idiota quase falou meu nome cacete. – Fiquei preocupado – Vejo sinceridade nas suas palavras – Fiz uma promessa que iria te proteger.

Rio de forma debochada e friamente.

- Parabens pelo seu serviço de merda emplumado. – digo indo em direção do carro mas Robert me para. Puxo meu braço rudemente e me viro vendo toda a família ali Jamie. Steven já esta no carro e o ligou.

- Já disse não tenho mais nada com sua família, e quanto você desapareça do meu caminho antes que eu chute seu traseiro emplumado angelical. – dito isso ouco alguém protestar mas entro no carro fecho a porta, Jamie faz o mesmo.

E assim saímos dali deixando um monte de rostos haverem moscas e se questionando.

 


Notas Finais


Esse foi bem simples mais de leve o ep

pois tem muitos novos personagens que estao a surgir....

Simples mas feito com carinho.

Ate domingo postarei outro sem falta... bjkas Seus lindos

Quem é nov e puder favoritar para acompanhar a fique autora ficara muito feliz....

Bjkas <3 Ate


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...