1. Spirit Fanfics >
  2. A explosão da estrela >
  3. Capítulo Único

História A explosão da estrela - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Este é apenas um curto relato da morte de uma estrela, não é uma longa história, e não tem muito contexto, é apenas sentimentos trasnformados em palavras bonitas.

Capítulo 1 - Capítulo Único


 A noite fria aguçava a cruel escuridão que abraçava o fraco corpo deitado sobre os lençóis molhados com as lágrimas insistentes que pareciam nunca acabar. Apesar de o gélido vento que soprava por entre as cortinas, nada ali parecia machucar mais do que as lâminas imaginárias que rasgavam seu coração a cada mísera memória que surgiam em uma tortuosa coreografia, criada apenas para despedaçar o resto da esperança que existia naquele ser. O grito abafado se entrelaçava às palavras não ditas e a estrangulava trazendo um metálico e amargo gosto, que sempre acompanhava um dolorido nó em sua garganta. Mesmo que gritasse, mesmo que quebrasse tudo, nada pararia o desastre que acontecia no âmago do seu ser. A sensação de sangrar por dentro nunca sumiria, não importava quantas ataduras tentasse usar por fora. Aquela interminável agonia ressoava por todo o ambiente, por todo seu corpo e mente. As mentiras também pairavam no ar, lembrando-a tudo o que foi lhe tirado, lembrando tudo o que a levou àquele momento. Ao contrário de tudo que já lera sobre corações partidos e decepções, o sentimento não era frio e distante, ele queimava e estava ali querendo ser notado, ser sentido. E nem mesmo o frio poderia apagar aquela cruel chama que queimava em seu peito. Transformando em cinzas toda as coisas boas que existiam dentro de si, drenando toda a felicidade do seu ser e a transformando uma luminosa e imponente labareda. Era como se todo seu corpo fosse alimentado por aquele calor que nada tinha de acolhedor. Por mais que arranhasse seu peito, a ponto de deixar a pele escorregadia por causa do sangue que brotava dos caminhos feitos por sua unha, nada conseguia tirar aquela sensação de dentro de si. E então, em certo momento, o ser desistiu de lutar, ele apenas se deitou novamente se deixando ser consumido por todo aquele fogo enquanto fitava o céu imaginando se era essa a dor que as estrelas sentiam ao explodirem, e se de algum lugar distante, alguém também podia ver o brilho que existia ali antes de tudo morrer.  


Notas Finais


Penso em talvez escrever uma história baseada nesse pequeno conto, gostaria de saber se, quem leu, acha isso uma boa ideia.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...