História A feiticeira da capa amarela - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), K.A.R.D, Mitologia Grega
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Feitiçeira, Jimin, Jungkook, Lobos, Magia, Taehyung, Vampiros
Visualizações 28
Palavras 1.718
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Fantasia, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Booooooa tarrde ♡
Capítulo novo na área
E tem luta heiiin
Uma lutinha básica.

Capítulo 16 - Um novo dom?!...


Fanfic / Fanfiction A feiticeira da capa amarela - Capítulo 16 - Um novo dom?!...


_ Eu vou avisar para familia dela _ jonny falou depois de esperarmos uns 30 minutos na sala de espera.


_ Eu vou com você _ kerina levantou.


_ Acho melhor você ir para o dormitório descansar, pelo que conheço você não vai sair daqui até ela acordar _ foi em direção aos copos para pegar um pouco de água.


_ Ainda bem que você sabe _ sorriu fraco _ Então prefiro ir para casa da minha vó.


Jonny assentiu com o copo de água na boca. E então, kerina olhou para mim e disse _ Se você quiser ir embora taehyung, pode ir _ apoiou as mãos nos bolsos de trás da calça _ e muito obrigada por me… ajudar.


_ É cara _ jonny veio em minha direção estendendo a mão e me puxando para um abraço com tapas nas costas _ muito obrigado, acho que sem você a haile estaria em uma situação pior.


_ Eu fiz o que deveria _ sorri com os lábios e me direcionei a kerina _ Antes de ir preciso disso _ levantei a mão mexendo os anéis com o polegar.


_ Já te falei que não está aqui comigo.


_ E onde está?


_ Em um lugar que sem mim você não vai conseguir pegar _ começou a andar para fora.


_ Que clima é esse pessoal? _ perguntou confuso _ Do que vocês estão falando? _ Começou a acompanhar a Kerina ainda perguntando _ Kerina você roubou algum anel do taehyung?....


E saíram em direção ao estacionamento, minha camisa estava ensopada de sangue e para não assustar as pessoas na rua, fechei os botões do sobretudo.


“Onde diabos estaria esse anel?” essa pergunta viajava pela minha cabeça enquanto eu saia do hospital, “Bom… as informações que tenho é que está em um lugar onde eu não consigo pegar sem ela”... “ E que lugar seria esse?”.


De repente um carro passou do meu lado e buzinou, eram haile e jonny, assim nossa conversa anterior começou a passar como flashback em minha cabeça:



_”Então prefiro ir para casa da minha vó”


_”Se você quiser ir embora taehyung, pode ir”


_“E onde está?


_ Em um lugar que sem mim você não vai conseguir pegar”


O sangue esfriou e o cérebro estava dizendo “Seria uma boa opção seguir esse carro”, e foi o que eu fiz… Pelas escuras árvores eu corria, sempre observando o carro.



Taehyung off



Autora on


De dentro do carro, kerina na maior parte do tempo olhava para janela, observando as árvores escuras com a sensação de estar sendo seguida. O cheiro também lhe era familiar mas pelo fato de ser novata não sabia distinguir o cheiro da terra, da madeira, do perfume…


Minutos depois o carro parou em frente a casa de sua avó, Elizabeth macmillan, e enquanto kerina tocava a campainha ela sentia a mesma sensação, agora de ser observada.


_ O que faz aqui a essa hora kerina? aconteceu algo? _ a vó perguntou abrindo a porta.


_ Haile se feriu feio e agora está no hospital _ ela entrou.


_ Haile sua amiga? _ a mais nova assentiu e então sua avó lhe confortou com um abraço.


Kerina começou a contar toda a história enquanto sua avó fazia um jantar quentinho. Até que minutos depois começaram a ouvir fortes barulhos vindo da sala de porções lá debaixo.


As duas rapidamente foram até lá, mas quando chegaram encontraram a porta trancada e os barulhos aumentavam.


_ No meu quarto… a chave está no meu quarto _ subiram as escadas de de forma rápida e assim que chegaram encontraram todos os colares pendurados na parede com um brilho intenso,  estavam tão forte que era difícil abrir os olhos.


_ Um vampiro _ a vó falou assim que viu os colares.


_ Kim taehyung _ kerina sussurrou e correu novamente para porta da sala de porções _ Kim taehyung eu sei que você está aí… Não se atreva a tocar no anel _ gritava.


_ Aah então meu instinto estava certo _ sua voz estava mais grossa que o normal _ O anel está aqui _ algo quebrava lá dentro.


Com rapidez elizabeth chegou e abriu a porta encontrando tudo espalhado no chão, vasos quebrados, porções derramadas e o baú… aberto ele havia arrancado a tranca do baú.


_ Quando você falou que só conseguiria o anel com sua ajuda, eu pensei que fosse mais difícil _ sorriu com as presas enormes, colocando o anel de meu pai no dedo anelar.


Elizabeth com ligeireza tirou uma faca afiada das botas que usava e disse _ Devolve esse anel.


_ Você deve ser elizabeth… _ parecia tranquilo.


_ Como sabe? _ kerina perguntou.


_ Meu tio me contou, fazia parte da família mais idolatrada de feiticeiros… estou certo?


_ Larga esse anel taehyung _ a mais nova começou a se transformar com o olhar acinzentado.


_  Sempre achei uma grande mentira essa história de feiticeiros pararem de envelhecer aos 30 anos, mas agora percebi que é uma grande verdade _ sorriu.


Kerina já transformada correu e pulou em cima de kim taehyung fazendo ele bater as costas contra uma das prateleiras de sua avó, rapidamente o vampiro a jogou para cima e ela caiu na mesa de madeira no centro da sala. Elizabeth com a faca aproveitou que taehyung se levantava e perfurou as costas na altura do ombro.


_ Agora só me resta sugar essa sua alma empoderada de raiva _ ela procurava seu colar no pescoço, mas não encontrava.


_ Com isso? _ o ferido levantou o colar que surpreendentemente estava em sua mão.


_ C-co-como?


_ As pessoas acabam esquecendo coisas facilmente _ ele ajeitou as costas com a faca cravada à ela.


_ Aaaaaaaa _ kerina chutou a parte de trás de seu joelho e ele caiu novamente, agora ela estava sentada na curva de suas costas apertando o pescoços de kim com as unhas enormes e com a outra mão tirou a faca devagar fazendo o mesmo sentir a lâmina deslizar em sua carne.


Elizabeth correu até suas gavetas para procurar restos de porções ou seus poderosos anéis. O vampiro com um movimento rápido virou- se e enfiou as presas afiadas na mão de kerina, fazendo a mesma gritar de dor e se afastar.


Já de pé, olhando intensamente para os olhos da mais nova, ele disse _ Mianhae…. (desculpa)_ e pulou uma janelinha, por onde havia entrado.


Kerina rapidamente foi em direção a uma capa amarela que havia pendurada no cabideiro, a vestiu e foi até sua vó.


_ Vó… eu te amo _ e também pulou a janela, indo atrás do vampiro.


“As pessoas me perguntam por que sou apaixonada por amarelo, e agora eu respondo… Pois na maioria dos filmes, o amarelo quer dizer vingança… uma doce vingança”


Autora off

[No casarão]


Jungkook on


{Dias atrás...}


Algo de errado estava acontecendo comigo, eu via coisas… como se fosse visões, flasbacks, sonhos, não sei….


_ PARK JIMIN _ acordei assustado, completamente molhado de suor.


O sonho dizia basicamente que algo faria park jimin cair do penhasco imenso que ficava próximo ao casarão. Levantei e fui direto para o chuveiro, terminando desci para o café da manhã encontrando apenas Ágatha.


_ Por que tenho a impressão que você viu um fantasma? _ perguntou mastigando um pedaço de maçã.


_ Eu tive um sonho estranho _ colocava comida em meu prato.


_ Sonho ou pesadelo?


_ Sei lá _ comecei a comer _ Parecia real, muito real.


_ Iiiii bruxaria _ mordeu o último pedaço.


_ Bruxaria?


_ Sim, eu já ouvi uma história parecida _ levantou e se inclinou na mesa como se fosse me contar um segredo _ Visões…


_ Visões? _ parei de comer na hora.


Ela afirmou com a cabeça e continuou o “segredo” _ Dizem que só os mais sortudos conseguem esse dom…


_ Sério? _ me empolguei.


_ Não _ bagunçou meu cabelo _ Eu estou zuando _ começou a rir andando para o lado de fora.


_ Aiiish _ reclamava, indo atrás da mesma.


Assim que cheguei do lado de fora do casarão, vi de longe vanz e jiminie disputar por um cordeiro, típica brincadeira que fazíamos quando não havia nada para fazer. O mais impressionante era que jimin estava com exatamente a mesma roupa do meu sonho.


_ Ali _ apontei para eles _ Jiminie está com a mesma roupa.


_ Sério? _ Ágatha olhou para eles.


_ Sim _ observei um golpe que jimin deu no vanz _ E eles estão… à 15 metros do penhasco…


No mesmo instante saí correndo para lá, mas já era um pouco tarde, vanz empurrou jiminie e ele deslizou até o início do penhasco. Então, a terra deslizou.


_ PARK JIMIN _ cheguei no lugar e agarrei o braço do mesmo.


Ele, ofegante, rapidamente segurou mais forte minha mão. Seus pés balançavam, seu corpo pesava, minha mão juntamente com meu braço tremiam.


_ Jungkook-ah _ ele rapidamente olhou para baixo.


_ Segura aqui _ lhe estendi minha outra mão.


_ Eu não consigo _ ele tentava, mas o corpo balançava mais.


_ VANZ… eu preciso…. da sua… ajuda _ tudo tremia, eu já não aguentava mais.


_ Eu Não mandei ele ser tão descuidado _ vanz falou sorrindo.


_ VAAANZ… rápido _ eu tentava puxar jimin


_ Jungkook não me deixa cair _ jimin segurou mais forte.


Foi então que escutei meu pai, jung hoseok, dizer _ Jungkook?! _ e correr até nós, logo puxando jiminie junto comigo.



○●○●○●○



_ Visões?! _ meu pai falou confuso.


_ Sim meu irmão, ele disse que viu jiminie cair do penhasco e estava com a mesma roupa _ tio namjoon cruzou a perna, sentado na poltrona da sala.


_ Mas como? Ele é… é um vampiro _ sentou se.


_ Talvez com o processo da transformação ele tenha adquirido esse dom _ foi a vez de tio yoongi.


_ Tudo foi muito real no sonho, e jimin está exatamente do mesmo jeito _ eu disse aleatoriamente olhando para um quadro _ Mas eu evitei, por isso não aconteceu exatamente igual.


_ Então, vamos esperar por uma próxima… uma próxima _ fez uma pausa _ o que quer que seja isso…



{Agora...}


Eu e jimin estávamos na floresta, explorando alguns pequenos lugares estranhos com a lua iluminando. Até que comecei a sentir uma dor estranha e fina em meu cérebro.


_ Aiish _ sentei em uma pedra enorme mais próxima.


_ Jungkook? O que foi? _ jimin se aproximou.


_ Eu… aiish _ a dor aumentava _ Uma dor…


Com um suspiro, meus olhos arregalaram e olhando para um ponto fixo, o sonho havia voltado.


_ Aquela coisa voltou? _ eu ouvia jimin perguntar mas não conseguia responder _ Jungkook?


E então, o sonho sumiu e eu voltei ao estado normal respirando forte.


_ Taehyung está voltando….




Notas Finais


JEOON JUNGKOOK TEM VISÕES?
Hmmmm isso explica aqueles olhos arregalados nas fansings kkkk
Coitado do jiminie
E esse desgraçado do vanz nem ajudou
Espero que tenham gostado❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...