História A filha de Tony Stark - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Capitão América, Gavião Arqueiro, Homem de Ferro (Iron Man), O Incrível Hulk, Os Vingadores (The Avengers), Pantera Negra, Thor, Viúva-Negra (Black Widow)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Clint Barton (Gavião Arqueiro), Dr. Bruce Banner (Hulk), Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Howard Stark, James Buchanan "Bucky" Barnes, James Rupert "Rhodey" Rhodes, Jane Foster, Laura Barton, Loki, Nakia, Natasha Romanoff, Nick Fury, Pantera Negra (T'Challa), Pepper Potts, Personagens Originais, Peter Parker (Homem-Aranha), Pietro Maximoff (Mercúrio), Sam Wilson (Falcão), Sharon Carter (Agente 13), Shuri, Steve Rogers, T'Challa (Pantera Negra), Thor, Zuri
Tags Capitão América, Homen De Ferro, Hulk, Steve Rogers, Thor, Tony Stark, Vingadores
Visualizações 56
Palavras 3.101
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Científica, Hentai, Luta, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bora pra continuação do capítulo anterior! Desculpa a demora, imprevistos!!
Boa leitura!!

Capítulo 20 - Primeiro missão Part.2


Fanfic / Fanfiction A filha de Tony Stark - Capítulo 20 - Primeiro missão Part.2

Antes...

- Você está brincando com ela Carter, Crystal não é de brincadeira. Vi ela lutar ontem e pode ter certeza que você morreria em poucos minutos e com certeza Crystal não cria remorso com suas vítimas.

- Eu não tenho medo dela. - Disse Carter séria para Sam.

- Mas deveria. Crystal é pior do que você imagina quando ela quer. Crystal pode ser um doce de menina que se preocupar com o bem estar de todos, mas quando ela entra numa briga ela não sai sem uma vitória.

- Não estou preocupada.

- O recado está dado Carter, depois não adianta chorar. - Disse Sam levantando da cadeira e seguindo até onde Crystal havia ido.

Agora...

Crystal estava sentada em uma cadeira observando dois seguranças que estavam um pouco distante dela. Sam apareceu e sentou ao seu lado.

- Sei que você se controlou para não atacar a Carter.

- Eu não me importo mais com ela.

- Está tudo bem? - Perguntou Sam olhando para onde Crystal não parava de olhar.

- Eles estão muito estranhos e eu nunca os vi aqui. 

- Você está com a adrenalina no corpo ainda, você acha que tudo agora é suspeito. - Disse Sam sorrindo e se levantando da cadeira.

- Não é adrenalina Sam e sim intuição. - Disse Crystal levantando e indo para a direção oposta onde os seguranças estavam.

- Se acham suspeitos porque não foi até eles? - Perguntou Sam seguindo Crystal. 

- Porque seria muita idiotice. Precisamos falar com o Fury e com Steve. 

- Como vamos fazer isso? - Perguntou Sam olhando para trás e vendo que os seguranças andaram para mais perto da porta onde estavam os outros seguranças da boate detidos.

- Eu não sei, precisamos chamar os outros aqui. - Disse Crystal mexendo em seu celular e mandando mensagem para Clint avisando o que estava acontecendo.

- A primeira equipe acabou de chegar. - Disse Sam olhando para a janela vendo o Quinjed pousar.

- Você fica aqui que eu vou falar com eles. - Disse Crystal. - Se eu ficar vão saber que nós estamos desconfiados deles.

- Claro, aja naturalmente com eles quando você chegar lá. - Disse Sam sorrindo para disfarçar.

- Pode deixar Falcão. - Crystal também riu e seguiu até o elevador. 

Depois de cinco minutos Crystal chegou até o Quinjed onde todos ainda estavam lá dentro. Crystal entrou rápido e segurou Thor que já estava saindo do mesmo.

- O que foi Crystal? - Perguntou Thor.

- Precisa ficar aqui. - Crystal encarou Thor e depois Tony. - Eu acho que tem soldados da Hidra como segurança da base. 

- E como você tem certeza? - Perguntou Bruce.

- Jarvis? - Chamou Crystal.

- Sim senhorita Crystal.

- Preciso que vasculhe o sistema de  segurança da base e procure por algum programa que tenha o invadido.

- Sim senhorita Stark.

- Crystal o que realmente está acontecendo? - Perguntou Tony.

- Quando chegamos da missão de Nova Jersey colocamos os cinco seguranças que conseguimos prender em uma sala, Steve e Fury estão lá e não saíram mais. Eu e Sam já batemos na porta e Fury só diz que esta ocupado. - Crystal parou por alguns segundos pra pensar, mas depois continuou a falar. - A Carter, ela disse que queria falar com o Steve sobre algo sério.

- E o que ela queria falar? - Perguntou Natasha. 

- Eu discuti com ela e sai de perto da sala. Foi quando eu vi os dois seguranças me olhando. 

- Tem algo errado. O Capitão conseguiria se livrar de cinco homens num piscar de olhos. - Disse Bruce. 

- Eles colocaram alguém na mira e fizeram chantagem com o Capitão e Fury. - completou Natasha.

- Mas quem seria? - Perguntou Bucky.

O celular de Crystal vibrou, a mesma enfiou a mão no bolso, mas em vez de pegar o seu celular achou um dispositivo diferente.

- Acabamos de achar o alvo. - Falou Crystal mostrando o dispositivo e guardando novamente no bolso. - Então era por isso que eles estavam me cuidando o tempo todo. 

- Dirá isso agora do bolso. - Falou Tony indo em direção a Crystal.

- Ainda não, tem alguns soldados na parte de cima dos prédios. - Falou Crystal.

- Como sabe? - Perguntou Natasha.

- Pessoal, a área de cima está limpa! - Falou Clint pelo comunicador.

- Gavião. - Riu Natasha ao ouvir a voz do amigo. 

- Agora vocês precisam me ajudar. 

- Estamos nessa juntos. - Falou Bucky bagunçando os cabelos de Crystal.

Crystal tirou a jaqueta colocando em cima de algum lugar do Quinjed, apertou o dispositivo de sua pulseira para abrir seu traje assim como Natasha também fez. Thor pegou seu martelo e Bucky recarregando sua arma.

- E pra onde eu vou? - Perguntou Bruce.

- Pra longe deste Quinjed. - Disse Crystal. - Não sabemos se isso que tem na jaqueta é uma bomba, então é melhor evitar para que você não se machuque. 

- Saímos todos juntos e Bruce leva o que fomos pegar e esconde bem longe daqui. - Disse Tony e Bruce concordou com um aceno d cabeça. - Crystal qual a sala que eles estão? 

- Primeiro andar B37. - Disse Crystal seguindo os demais que saiam da Quinjed. Wanda vôo até Crystal parando em seu lado. - Achei que só Clint tinha vindo.

- Pietro e Peter também estão lá em cima. Achei melhor ajudar vocês aqui, Clint viu mais duas naves se aproximando no raio de cinco quilômetros. 

- Ainda não sei como ele consegue enchergar essas coisas. - Falou Crystal adentrando a base junto de todos.

- Não é a toa que me chamam de gavião. - falou Clint. 

- Pronto, agora se achou o Legolas. - Falou Tony.

Crystal riu e conferiu suas duas abas que estavam postas em sua coxa, colocou seu arco nas costas que havia ganho de Clint.

- Onde você conseguiu isso? - Perguntou Tony.

- Clint me deu antes de sair para a missão.

- Agora o senhor Legolas anda dando presentes? - No comunicador deu pra se ouvir as cidades de Clint.

- Qual é Stark, não vamos dar de pai ciumento agora. - Resmungou Natasha dando uma leve risada. 

Crystal olhou para um lado rapidamente vendo um volto logo atrás de Natasha, Crystal puxou rapidamente seu arco, atirou rapidamente em direção a Natasha que acertou um dos soldados bem na testa fazendo Natasha a olhar rapidamente.

- Você está maluca? - Resmungou Bucky. 

- Tenho boa mira. 

- Pessoal, acho bom vocês andarem de pressa porque tem mais soldados indo em sua direção. O Falcão está sendo atacado por cinco no corredor B. 

- E ele ainda achou que eu estava maluca. 

- Eu estou sendo atacado, mas ainda escuto você.

- Quer um prêmio por isso? - Perguntou Crystal jogando mais duas flexas na direção oposta de onde tinha jogado a outra. - Onde surgiu tanto soldados?

- Eu não sei. - Falou Tony atirando mais em dois que estavam segurando Natasha. - De nada ruivinha. 

- Cadê o Thor? - Perguntou Natasha assim que revirou os olhos pela fala de Tony.

- Destruindo as naves da Hidra. - Disse Bucky atirando em mais alguns soldados.

- Wanda vem comigo. - Disse Crystal. - precisamos subir. 

- Eu, Bucky e Stark vamos ficar aqui. - Disse Natasha. Quando Wanda e Crystal estavam subindo as escadas ambas sentiram um vulto entre elas.

- Achei que teria de pedir para você descer pra ajudar. - Falou Crystal para Pietro que tinha passado entre elas.

- Peter ficou lá em cima ajudando o senhor mandão. - Disse Pietro acertando alguns socos em dois seguranças que estavam indo em direção a Wanda assim que chegou no topo da escada.

- Ok, os dois não vão começar agora. - Resmungou Crystal jogando um dos seguranças contra a parede com seu poder, e Wanda lutava contra mais dois. - Falcão, conseguiu falar com o Fury?

- Não, a porta está trancada e só ouvi barulhos lá dentro.

- Jarvis, o que está acontecendo? - Perguntou Crystal impaciente acertando mais um segurança com sua arma.

- Estou tentando invadir novamente o sistema da base senhorita. Está quase pronto. 

- O galera, tem mais duas naves pousando. - Disse Tony e neste momento foi ouvido o grito do Hulk e uma nave se partindo no meio.

- Agora o verdão entrou em ação e ganhamos a luta. - Disse Pietro pelo comunicador fazendo todos rirem. 

- Senhor Stark, o senhor não vai gostar do que está acontecendo dentro da sala. - Disse Jarvis.

- O que foi Jarvis? - Perguntou Tony.

- Loki está com o Capitão e o diretor. - Falou Jarvis e neste momento foi ouvido um enorme barulho de vidro se quebrando. Thor havia invadido a sala pela janela no momento que escutou o nome Loki.

- Loki é o irmão do Thor? - Perguntou Wanda chegando mais perto da porta. 

- É agora fica aqui com Sam e Pietro que eu vou entrar. - Disse Crystal forçando a porta para entrar e conseguiu.

Thor e Loki brigavam, socos eram de ambas as partes. Crystal correu até onde estava Steve e Fury vendo ambos desmaiados, Crystal fechou o punho com tanta força fazendo o resto dos vidros se partirem em mil pedaços. Crystal se virou para onde estava Loki caído no chão limpando uma gota de sangue que escorria pelo santo de sua boca, levantou a mão em direção a Loki o colocando preso na parede sem conseguir mover um músculo de seu corpo.

- O que você fez com eles? - Perguntou Crystal brava e com a voz alta.

- Eles só estão dormindo. - Disse Loki com um sorriso sinico.

- Eu posso te sufocar Loki, não brinque comigo. - Disse Crystal.

- Agora vocês abriram creche irmão? Que má escolha.

- Crystal é melhor que você Loki. Ela tem um bom coração. - Falou Thor seguindo até o amigo que estava acordando. - Capitão, está tudo bem? 

- Está sim, o que está acontecendo? - Perguntou Steve levantando da cadeira.

- Hidra e Loki. - Resumiu Thor. - Todos estão lá em baixo lutando contra um pouco pequeno exército da Hidra.

- Agora eu lembro, Loki veio aqui atrás dos arquivos que dá a localização de uma Pedra chamada Akila. - Disse Steve indo até seu escudo. - Diz que os arquivos estão seguros. 

- Estão sim. - Disse Thor.

- O segundo andar está limpo. - Disse Wanda pelo comunicador.

- Então desce porque aqui ainda não. - Respondeu Bucky.

- Vocês dois cuidam do Loki. - Disse Steve. - Vou descer para ajudar. 

- Você está com a Hidra? - Perguntou Thor para o irmão.

- Não, eles são Mirdgardianos que pensam muito baixo. - Falou Loki com desgosto.

- Então o que você quer aqui? - Perguntou Crystal. 

- O amigo de vocês já falou, a Pedra Akila.

- O que diabos é isso? - Falou Crystal irritada apertando mais Loki.

- Se... você...continuar... apertando... deste...jeito... não conseguirei...falar. - Falou Loki sendo sufocado por Crystal. Crystal suspirou e afrouxou um pouco, mais do que deveria, o aperto em Loki. - Preciso da pedra e você não precisa saber para que. - Disse Loki.

- Eu juro que vou te matar. - Quando Crystal iria apertar novamente Loki o mesmo sumiu. - O que? 

- Você o soltou de mais. Vou atrás dele. - Crystal concordou.

- Alguém me ajuda, estou sendo atacado. - Pediu Peter pela comunicador, Crystal foi até a janela quebrada vendo Peter sendo atacado por três homens.

Crystal mirou em um deles e acertou uma flecha, o segundo homem foi acertado pela flecha de Clint e quando Crystal mirou e atirou no último antes da flecha acertar a cabeça do mesmo foi ouvido um grito de Peter.

- Peter, está tudo bem? - Perguntou Crystal.

- Tá..eu.. acho. - Respondeu Peter um pouco fraco.

Crystal saiu correndo pela porta indo em direção ao andar de baixo.

- Tem alguém perto do Peter? - Perguntou Crystal.

- Estamos todos ocupados. - Resmungou Sam depois de levar um soco.

- Alguém precisa ajudar o garoto, ele tá perdendo sangue. - Disse Clint acertando mais alguns alvos.

Crystal correu mais rápido e assim que foi correndo acertava alguns soldados com suas flechas e outras com uma arma. Assim que Crystal parou na porta viu hulk destruindo mais uma nave da Hidra e voando um pedaço em direção a Peter que iria ser morto se Crystal não tivesse conseguido pegar o pedaço da nave no ar, Crystal jogou o pedaço da nave em cima de alguns soldados da Hidra os matando. Crystal correu até Peter e precionou o sangramento que Peter tinha sobre o abdômen.

- O que está sentindo Peter?

- Dor. - Falou Peter, Crystal revirou os olhos e mirou em um soldado que se aproximava atirando na cabeça.

- Sem ser a dor, está sentindo mais o que?

- Tonturas e uma vontade imensa de dormir.

- Tente ficar acordado. Isso é pela perda de sangue, sei bem como é. - Crystal olhou para trás e viu hulk andando de um lado para o outro, Natasha e Wanda aparecendo na porta de entrada da base. - Nat precisamos do Bruce.

- Já estou indo. - Disse Natasha seguindo até Hulk com uma calça na mão.

- Cadê o Thor e meu pai? 

- Foram atrás do Loki. - Disse Steve indo em direção a Crystal e Peter.

- Ei, não dorme fica comigo. - Disse Crystal.

- Eu não sei se vou aguentar. - Disse Peter ficando com o rosto pálido. Crystal tentava manter o controle para não assustar o amigo, mas acabou deixando escapar uma lágrima.

- Fica comigo por favor, tenta manter os olhos abertos. - Disse Crystal séria secando rapidamente o rosto. Depois de cinco minutos Bruce aparece ao lado de Crystal sem camisa e assumindo a pressão feita no ferimento de Peter.

- Vai ficar tudo bem. - Disse Bruce conseguindo estancar o sangue.

- Eu posso dormir? - Perguntou Peter fechando os olhos lentamente. 

- Não fique acordado. - Respondeu Bruce pedindo ajuda para Steve pegar Peter para levar pra enfermaria da base.

- Bruce qualquer coisa me fala. - Disse Crystal e Bruce concorda, Peter havia desmaiado e Steve andouais rápido.

- Então conseguiram pegar ele? - Perguntou Natasha.

- Não, o homem rena fugiu. - Disse Stark guardando sua armadura.

- O que é a tal Pedra Akila? - Perguntou Crystal para Thor.

- Essa pedra é muito poderosa, a pedra dá muito pode, consegue viajar pelo espaço com ela e o principal, imortalidade. - Respondeu Thor.

- O que realmente Loki que com ela? - Perguntou Pietro.

- Dominar o universo. - Disse Natasha. - Loki só quer isso.

- E como vamos achar essa tal Pedra? Podemos destruir ela. - Disse Tony. 

- Impossível destruí-la. A Pedra assim como da a imortalidade ela também não se destrói.

- E como é dá tudo isso pra pessoa? - Perguntou Crystal.

- Só precisa ter ela consigo que ela dará tudo isso.

- Ok, vamos procurar uma merda de uma pedra que sei lá diabos criou pra ferrar mais ainda coma terra. Me lembre de esfaquear essa pessoa quando descobrir quem criou.

- A pedra Akila foi criada na explosão de duas estrelas. Ela era uma das jóias trancadas no cofre de meu avô, mas ela sumiu e pelo jeito veio parar aqui na terra. - Falou Thor.

- Como vamos achar a localização da pedra? - Perguntou Clint.

- O arquivo que vocês foram buscar, lá está a localização da pedra. Ouvi Loki falar isso.

- E onde está a pasta? - Perguntou Wanda.

- Bruce, demos para ele. - Falou Natasha seguindo para dentro da base.

- E você deu para ele antes dele ficar verde ou depois? - Perguntou Pietro.

- Antes, dissemos para Bruce esconder a pasta antes de virar o verdão. - Disse Tony.

Todos seguiram até a enfermaria e lá está a Peter em uma maca recebendo sangue e em uma poltrona Carter recebia soro em sua veia. Steve estava sentado ao lado de Carter conversando com a mesma e Bruce atendendo Peter.

- Gente cadê o Sam e o Bucky? - Perguntou Crystal virando para Natasha e Clint.

- Eles foram até o depósito junto de Fury para pegar mais suprimentos para atender Peter.

- Que susto, achei que tinha acontecido algo. - Falou Crystal. - Bruce precisamos saber onde você quardou a pasta.

- Está em baixo do carro do Fury bem longe da entrada da base. - Respondeu Bruce. Pietro foi e voltou até o estacionamento em estandes de segundos.

- O que tem na pasta? - perguntou Carter.

- Ainda não sabemos. - Disse Tony e Clint o encarou. Tony cochichou um "não confio nela" e Clint concordou.

- Vocês estão todos bem? - perguntou Bruce encarando alguns contes no rosto de Crystal e Natasha.

- Isso não é nada. - Falou Crystal se aproximando de Peter acariciando os cabelos do mesmo fazendo Steve bufar. - Colo ele está?

- Está bem, fraco pela perda de sangue, mas bem.

- Que bom. Preciso comer algo, estou com fome. - Falou Crystal.

- Aqui está as coisas que precisa. - Disse Sam largando uma caixa em cima da mesa de Bruce e Bucky fazendo o mesmo com sua caixa.

- Vocês cuidem de seus ferimento e depois temos um reunião importante. - Falou Fury saindo da enfermaria mexendo em seu celular. 

Crystal largou seu arco em cima da mesa e apertou seus dispositivos tirando sua roupa de combate.

- Alguém sabe se o refeitório está aberto?

- Está sempre com fome Crystal? - Perguntou Natasha.

- Meu amor, eu como pior que um leão. 

- E ainda consegue ser essa coisa linda. - Falou Bucky apertando as bochechas de Crystal.

- Se não quiser perder o outro braço acho melhor não falar isso de novo. - Disse Tony para Bucky fazendo todos rirem.

- Gente eu vou comer, se quiserem vir junto. - Falou Crystal indo até a porta, mas parou na mesma. - Bruce você quer alguma coisa?

- Qualquer coisa Crystal. Também estou com fome. 

- Irei te trazer assim que fizer. - disse Crystal que se virou e todos a seguiriam. - Depois eu que sou a morta de fome. - Falou Crystal rindo sendo acompanhada por todos.


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Até o próximo! Comente suas opiniões!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...