História A Filha De Tony Stark - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Homem de Ferro (Iron Man), Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Bucky, Carol Danvers (Miss Marvel / Capitã Marvel), Clint Barton (Gavião Arqueiro), Dr. Bruce Banner (Hulk), Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Happy Hogan, James Rupert "Rhodey" Rhodes, Laura Barton, Loki, Maria Hill, Morgan Stark, Natasha Romanoff, Nick Fury, Pantera Negra (T'Challa), Pepper Potts, Personagens Originais, Peter Parker (Homem-Aranha), Pietro Maximoff (Mercúrio), Sam Wilson (Falcão), Scott Lang (Homem-Formiga), Steve Rogers, Thanos, Thor, Visão
Visualizações 13
Palavras 513
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Ficção Científica, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - Capítulo 9-Tônia


Tonia Stark...

Eu e Maya chegamos onde meu pai estava,encontramos o Mandarim,que nada mais era um cara contratado para falar que as explosões eram armações deles quando na verdade eram acidentes de pessoas que haviam passado por experimentos,nós lutamos com as pessoas armadas que estavam ali e encontramos o Rhodes,eu me feri,a armadura acabou a bateria e eu cai com tudo no chão,Maya esta usando seu poder para curar a perna que eu quebrei e papai foi ajudar as pessoas que estavam caindo do avião,depois fomos para um petroleiro abandonado,papai finalmente me contou que mamãe estava infectada,lutamos contra os infectados e no final da batalha,papai explodiu todas as suas armaduras,nos abraçamos e fomo embora,Maya voltou para Steve e eu para meus pais,pronta para achar Bucky.

Duas semanas depois...

Eu encontrei Bucky,estou vendo o sair de uma mansão agora,preparei uma armadilha para pega-lo e eu espero que funcione.

Bucky acaba sendo preso e eu injeto o sonifero rapidamente,o levo para meu jatinho,o mesmo da primeira em que o capturei,ele acorda e tenta me atacar,mas esta preso.-Olá Soldado,se lembra de mim?-Pergunto e ele me olha confuso.

-Quem é você?-Bucky me pergunta e eu me seguro para não chorar,ele percebe,ele pode não reconhecer meu rosto,mas reconhece minhas ações.-Eu...acho que me lembro de você,Garota de Ferro.-

-Era assim que você me chamava.-Digo tentando amenizar as esperanças,me sento ao seu lado e passo meus dedos em seus cabelos.-Se lembra de quando me levou para jantar?Ou de quando invadiu meu quarto e ficou escondido debaixo da cama para meu pai não te ver?-

-Eu disse que te amava.-Bucky diz e eu reconheço aquele olhar amoroso do meu soldado,eu não posso ter Bucky sem ter o soldado,não posso confiar nele sem confiar no soldado,eu preciso dos dois,um para me amar e outro para me proteger.

-Soldado Invernal,eu confio em você.-Digo e o solto,Bucky fica me olhando e me beija de repente,é maravilhoso.-Tem coisas que você não sabe e que não deve saber,é para te proteger,não quero que me esqueça.-

-Eu nunca irei esquecer minha garota.-Bucky diz e sorrio,ao lado dele me sinto tão amada e protegida,como se fosse especial,é tão bom,saber que ele me protegeria de quem me machuca-se,claro que nós sabemos exatamente como ele irá se vingar do cara.-Tonia,eu preciso ir,te vejo no quarto.-

-Estava com saudades das suas invasões.-Digo e libero a porta para ele.-Eu te amo.-

-Também te amo meu amor.-Nos beijamos pela última vez e ele se vai,volto para minha nova casa,já passou do natal,estamos indo para o ano novo,papai e mamãe parecem estarem distante.

-Onde estava?-Mamãe pergunta assim que passo pela porta,me assusto de ínicio mas logo me recupero.

-Na casa da Maya.-Sorte a minha que minha amiga vai confirmar,eu havia avisado.

Subo para meu quarto e começo a pensar,como Bucky irá me achar sendo que ele nem sabe onde moro?

Se bem que na outra vez ele não sabia também.

Me deito na cama e logo pego no sonho,eu sonho com um final feliz com meu soldado,mas não sei se é possível.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...