História A Filha do Alfa - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Companheiros, Lobisomem, Magia
Visualizações 5
Palavras 1.590
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Tá atrasado? Sim, com certeza, mas eu peço desculpa e tenho motivos para o atraso:
1- fui visitar minha vó e onde ela mora não pega internet nem sinal de celular, ela tá com o joelho machucado faz tempo e agora começou a fisioterapia
2-minha mãe não tá bem e pior que pra melhorar ela vai ter que fazer uma cirurgia que o bendito do SUS nem marcou ainda.
3- Dias 22 e 23 desse mês tem uma prova na minha escola pra algumas séries, a minha vai fazer e vai cair conteúdo do 6° ao 9° ano, pra revisarmos a tarde tem um monte de grupo de estudos, pra ter uma ideia, só essa semana teve 7, sendo que dois deles eram de aulas duplas. Ainda não contente, minha escola agendou as últimas provas do ano pra depois dessa prova, dia 24 já tem prova dos professores 😥, como eu falo pra minha amiga, as vezes eu acho que eles pensam que nós somos maquinas que fazem o que eles querem e só vive pela escola.
Bora pro capítulo que isso ficou muito grande já.

Capítulo 7 - Capítulo 6


Já se passou um mês desde que descobri que Leandro é meu companheiro, nossa relação melhorou muito e todo mundo já sabe disso, a Alexi também contou para o Carlo naquela noite sobre eles serem companheiros.

Hoje é a Lua de Sangue, acabei de acordar e tudo isso veio na minha cabeça, eu preciso morder o Leandro, se não a marca não vai aparecer, ele aceitou até bem demais toda essa coisa de virar alfa de uma alcatéia.

- July, levanta menina!- falou Alexi me chacoalhando

- Já levanto sua chata- falei jogando meu travesseiro nela

- Lua de Sangue... tá preocupada?- perguntou Alexi

- Sim... mesmo que ele tenha aceitado, eu ainda não o mordi- falei e suspirei

- Ele te ama, vai deixar você morde-lo, quer prova maior?- falou Alexi e eu sorri

- Eu também o amo, não é esse o problema- falei e me espreguicei

- Vamos, tá na hora do café- falou e eu saí do quarto com ela, encontramos os outros sentados na mesa da cozinha

- Bom dia dorminhoca- falou Izael para mim

- Para Iz, nem dormi tanto assim- falei e ele sorriu

- Vem comer July- falou Emily e eu fui até ela

Bem, nesse mês nós encontramos uma cidade do reino dos elfos que nos recebeu muito bem quando explicamos nossa situação, inclusive ficaram muito felizes quando Emily lhes mostrou a coroa dos magos que ela roubou da mãe, descobrimos também que a capital de Mirior (reino dos elfos) fica bem perto daqui, Max ficou muito feliz de saber que sua companheira estava à quilômetros daqui, Ruby sentiu sua dona e saiu correndo assim que chegamos, ela sumiu e não sabemos muita coisa de como ou onde ela está. Aqui nós moramos em uma casa relativamente grande, afinal somos dez pessoas, que o líder local nos emprestou, conseguimos alguns trabalhos e estamos ganhando o suficiente para sobreviver. Como já disse antes, hoje é a Lua de Sangue, daqui a pouco eu vou falar com o Le sobre bem... a mordida e a marca.

- Calma July, ele nos ama e eu tô doida para conhecer o lobo dele- falou Mel na minha cabeça

Kiara estava ao meu lado, acho que eu nunca disse, mas nossos lobos protetores ouvem nossos lobos internos, as vezes é bom, outras isso é horrível, teve uma vez que a Mel sem querer falou mal da Ruby e do Ruf, nem lembro o que foi direito, mas a Kiara ouviu e ficou muito brava comigo e com a Mel. Voltando ao dia de hoje, o sol brilhava lá fora e nós já tínhamos terminado de comer, Leandro estava sentado na varanda de seu quarto (que ele divide com Carlo e Brandon, o Alon, o Max e o Iz dividiam o outro quarto, enquanto as meninas ficaram no mesmo quarto), Alexi e Carlo estavam no quintal fazendo alguma coisa e os oitros estavam na sala assistindo TV. Fui até Leandro e parei ao seu lado.

- Oi Ju- falou ele antes de dar um beijo em minha bochecha

- Le, hoje é a Lua de Sangue...-falei e percebi ele ficar mais tenso

- Eu sei...- falou ele suspirando- sei também que você tem que me morder

- Isso mesmo- falei e ele me abraçou de lado

- Como...como você vai me morder?- perguntou ele, não entendi, achei que ele soubesse como é

- Como assim? Você no sabe como é a transformação para lobisomem?- perguntei e ele assentiu- okay, eu te mordo em alguma parte do seu corpo, automaticamente você já vai ser considerado lobisomem ou híbrido nesse caso, porém a transformação real demora algumas horas para acontecer, se eu não me engano 8 horas após a mordida a transformação esta completa

- Só?- ele perguntou e eu assenti, claro que se eh quisesse poderia ter falado bem mais, só que... pra que complicar?- achei que fosse mais complexo

- Eu esqueci de uma coisa, durante o período de transformação é melhor a pessoa estar inconsciente, pois a dor pode ser muito grande- falei e ele pareceu se preocupar- calma, dizem que a dor se compara com a da primeira transformação, eu já me transformei e dói muito, mas é suportável após algum tempo

- Quando você vai me morder?- perguntou ele

- Assim que você quiser e deixar- falei e ele sorriu, me beijou e olhou para os meus olhos fixamente

- Pode me morder agora se quiser- falou ele fechando os olhos meio tenso

Me aproximei de seu pescoço, permiti que meus dentes se tornassem dentes de lobo e o mordi, senti ele tremer e tentar abafar o grito que saiu mudo, ele tremeu mais um pouco e caiu em meus braços inconsciente. Sorte que eu sou loba, porque ele era pesadinho, pelo amor da Lua, coloquei ele em sua cama e beijei sua testa, saí do quarto e fui ver como estavam Alexi e Carlo, mas nem precisei procurar muito, assim que saí do quarto, Alexi veio até mim.

- July, então...- ela falou meio receosa- ei queria saber se você podia transformar o Carlo em híbrido igual você e o Leandro...

- Por que?- perguntei meu espantada- não que eu me recuse, mas eu queto saber o porque dessa decisão

- Eu não quero tirar a magia que ele tem, só que eu sempre sonhei com o dia que eu e meu companheiro ganharíamos as nossas marcas...- respondeu ela, ao terminar ela suspirou e abaixou seu olhar para o chão

- Tudo bem Alexi, mas traz ele pro quarto, pra colocar ele e o Le no mesmo quarto- falei e ela sorriu descendo para buscar Carlo

Fiz a mesma coisa com Carlo, nada mudaria por eu ter mordido ele, porém ele me consideraria sua alfa, ou luna... aff, tanto faz. Se eu fosse criar uma alcatéia eu a chamaria de Garra de Prata.

- Bom nome July- falou Mel e eu sorri

- July?- me chamou Iz aparecendo na porta- eles foram mordidos?

- Sim Iz, você sabia que isso iria acontecer- respondi

- Sabia, mas achei que esperariam a próxima lua de sangue- falou ele

- Esperar pra quê?- perguntou Alexi

- Sei lá, se conhecer melhor?- falou ele de braços cruzados

- Iz, você ainda não achou sua companheira, aposto que quando você a achar vai querer uma marca o mais rápido possível- falou Max aparecendo do nada

- Isso mesmo Max- falei, ficamos conversando mais um pouco até que os dois avisaram que eles e os magos sairiam e não sabiam que horas iam voltar

Ficamos eu, Alexi e nossos companheiros desacordados por mais algumas horas, estava quase anoitecendo quando Leandro se levantou meio assustado, corri até ele preocupada.

- July, eu acho que não tô bem- falou Leandro e eu sorri

- Por que?- perguntei

- Sei que lobisomens tem um lobo dentro deles, mas não ouço nada- falou Leandro

- July, fala pra ele que antes dele conversar com o lobo dele ele, e o Carlo também, precisa provar sua lealdade a sua alfa, ou seja, você- ouvi Mel falar em minha mente

- Okay...- falei e olhei para Leandro- Le, segundo a Mel, antes de falar com seu lobo, você precisa provar sua lealdade ao seu alfa, no caso, eu

- Você é minha alfa?- perguntou ele

- Sim, eu te mordi e sou uma alfa- respondi e ele assentiu

- Como eu provo minha lealdade?- perguntou ele

- Fala pra ele se ajoelhar na sua frente e te chamar de alfa ou luna, deve ser o suficiente para o lobo falar com ele- falou Mel

- Segundo a Mel, você tem que se ajoelhar na minha frente e me chamar de alfa ou luna- falei e ele assentiu, Leandro se ajoelhou na minha frente e olhou bem nos meus olhos

- Luna- falou ele e de repente ele adquiriu uma expressão de espanto- okay lobo chato... Alfa

- Pronto, agora o Carlo também tem que fazer isso- falei ao ver que Carlo havia acordado

Carlo se ajoelhou e me chamou de Alfa, afinal vimos que os lobos não queriam me chamar de Luna.

Ficamos no quarto mais um pouco, eu estava explicando o pouco que eu sabia sobre híbridos como eu, Mel me ajudou um pouco, quando dei por mim, olhei lá fora e vi a lua muito vermelha... começou.

- Alexi, a lua- falei e ela seguiu o meu olhar, assim como Carlo e Leandro

-Vamos dormir gente, amanhã se tudo correr bem teremos marcas lindas- falou Alexi, todos assentimos

- Boa noite- falamos nós quatro assim que deitamos nas respectivas camas

Acordei e senti algo em minha cintura, abri meus olhos e vi o braço de Leandro me abraçando, me virei para ele e beijei seu rosto tentando acorda-lo, vi que ele abriu seus olhos e sorriu

-Bom dia Ju- falou ele e me deu um selinho

- Vem, vamos tomar café- fui me levantar e senti algo arder em meu braço direito, Leandro pareci ter o mesmo problema com seu braço esquerdo, olhei para meu braço e vi uma tatuagem de loba laranja, branca e um poico de azul, já Leandro tinha um lobo cinza, branco e azul, os dois pareciam brincar um com o outro.

-Que marca linda!- falei e Leandro sorriu

- Sim, mas a gente não ia tomar café?- falou Leandro e eu assenti

Alexi e Carlo ainda dormiam na outra cama, eu e Leandro descemos e não vimos ninguém, apenas um bilhete na mesa.

"Meninos, não sabíamos que horas voltaríamos, então já deixamos o café pronto.

  Ass: Emily"

- Ela age como uma mãe de vez em quando- falei e Leandro concordou

Comemos calmamente, no meio do café, Alexi e Carlo desceram de mãos dadas, com suas marcas expostas

- Marca linda, miga- falou Alexi e eu ri

- A sua também- falei

Terminamos de Comer, o resto do dia foi simplesmente nós quatro assistindo TV


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Se eu atrasar de novo me desculpa, esse é o cap da semana passada, o dessa semana eu vou ver pra postar no meio da semana.
Bjs e saionara minna.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...