História A Filha do Chefe - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 174
Palavras 946
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom mais um cap ai pros ceis sz, eu não sei oque escrever aqui :v
Espero que gostem, e desculpem os erros.

Capítulo 6 - A Festa - Parte 2


Fanfic / Fanfiction A Filha do Chefe - Capítulo 6 - A Festa - Parte 2

No elevador não falamos um com o outro, Jimin apenas mexia em seu celular. Confesso que algumas vezes tentei ver com quem que ele estava falando, mas deixei de curiosidade na hora que o elevador chegou na garagem. Saimos do elevador e fomos para o carro de Jimin, na hora que eu vi o carro dele pude ter certeza que esses meninos faziam muito sucesso. O carro era uma Lamburghini na cor azul, fiquei de boca aberta ao vê-la.

-Ta impressionada Yuna? - perguntou Jimin - Quer dirigir? - ele estendeu a chave para mim.

-Estou muito impressionada. E eu até que queria... mas eu não sei dirigir - disse e olhei para baixo meio envergonhada.

-Qualquer dia eu vou te ensinar okay? - ele estendeu o dedo mindinho para mim - É uma promessa! - ele pegou o meu dedinho e apertou, pude notar que Jimin tem mãos de bebê, pequenas e delicadas.

    Ele sorriu para mim e abriu a porta do carro, eu entrei e ele fechou a porta, Jimin deu a volta no carro e entrou também, colocamos o cinto de segurança e Jimin ligou o carro e então saímos para fora da garagem. Já na rua eu olhava pela janela do carro e Jimin ficava de olho no volante, já estava bem de noite, acredito que já devem ser umas 00:30 nas regras meu pai dizia para mim não fazer nada do que estou fazendo, mas hoje é o meu primeiro dia aqui, e eu mereço me divertir.
Enquanto eu fazia uma trança em meu cabelo, Jimin ligou o rádio e começou a procurar uma rádio boa, até que ele achou uma, e cara.. TAVA TOCANDO A MINHA MUSICA!
Comecei a cantar e Jimin me olhou e começou. Quando a musica acabou Jimin já estava chorando de tanto dar risada e eu também, minha voz é muito boa, só que não.
-Meu deus, você é uma ótima cantora - ele parou de rir.

-Eu sei, eu sei.. depois te dou um autógrafo - ri - Jimin você tem o endereço da festa? - perguntei, pois todos já tinham ido para lá e só faltava a gente e eu não me lembro do Suga ter dito pra ele aonde era.

-Suga me disse aonde era quando eu e você estavamos no elevador. Já estamos na rua da festa.

Ele desligou o rádio e então consegui ouvir uma musica alta vindo de alguma casa daqui. Jimin estacionou o carro, desceu e abriu a porta para mim

-Obrigada, Sr Cavalheiro - disse e dei um beijo em seu rosto, o mesmo ficou com certa vergonha e fechou a porta do carro.

No jardim da casa onde era a festa, tinha pessoas se beijando na grama e copos de cervejas espalhados pelo chão. Eu e Jimin entramos dentro da casa e fomos andando vendo o local, tinha pessoas se beijando em todos os lugares. Haviam luzes coloridas iluminavam uma pista de dança meio que improvisada, tinha poltronas e sofás espalhados e mesas com comidas e muitas garrafas de bebida alcoólica. Enquanto andavamos um cara de mais ou menos 24 anos me parou.

-Ei gata, dança comigo? - pensei em aceitar e quando eu ia dizer sim Jimin tomou a frente.

-Vaza mané, ela é minha namorada! - Jimin disse e pegou a minha mão.

-Foi mal ai cara - disse o rapaz se afastando e indo até outra menina.

-Ué Jimin, o que foi isso? - perguntei

-Não quero você andando com esse tipo de gente Yuna - ele disse e soltando minha mão, e passando seu braço pelo meu ombro - Vamos achar os meninos gata.

Continuamos a andar procurando os meninos, até que os achamos em um sofá todos já estavam alterados, principalmente Suga que na hora que cheguei gritou "Olha elaaaa" e veio se jogando em cima de mim, Jimin se soltou de mim e segurou o Suga.

-Jimin me solta cara! Eu quero dar um abraço na Yunaaah - ele gritou o meu nome e umas pessoas que estavam passando olharam para gente.

Jimin o soltou e suga se jogou em mim soltando todo o seu peso, ele era bem pesado para alguém que parecia ser só pele e osso.

-Suga! Você vai me fazer cair - disse rindo por que o mesmo estava com uma cara hilária.

Arumei ele em mim colocando passando o braço dele pelo meu ombro.

-Yuna, vamos beber! - disse ele me levando pra longe dos meninos, suga fazia força para me levar até a mesa de bebidas.

Quando ele conseguiu me fazer chegar na mesa, Suga pegou logo duas garrafas de Vodka Absolut.

-Agora vamos voltar para perto dos meninos suga! - disse e sai puxando ele.

Quando voltamos, notei que  Taehyung, Jimin e Jungkook haviam sumido. Vi Namjoon e Jin estavam conversando enquanto bebiam alguma coisa em copos vermelhos, e J-hope estava na pista de dança com varias meninas ao seu redor.
Sentei me com suga no sofá e o mesmo já foi abrindo e tomando um gole de uma das garrafas que tinha pego, ele tomou três goles da bebida e passou a garrafa para mim. A principio exitei pois nunca tinha bebido nada alcoólico, mas depois dele insistir tomei um gole da bebida. Aquilo desceu queimando na minha garganta, mas mesmo assim quando suga me oferecia mais eu tomava sem pensar duas vezes.
     A cada gole que eu tomava daquele líquido eu me sentia mais animada. Depois de vários e vários goles eu já estava vendo as coisas girando. Assim que Eu e Suga terminamos a garrafa, eu o obriguei a ir dançar comigo. Fomos escorando um no outro até a pista dança.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...