1. Spirit Fanfics >
  2. A Filha do Máscara Da Morte >
  3. Capítulo Quinze

História A Filha do Máscara Da Morte - Capítulo 16


Escrita por:


Capítulo 16 - Capítulo Quinze


Fanfic / Fanfiction A Filha do Máscara Da Morte - Capítulo 16 - Capítulo Quinze

 

 

 Um novo dia começou, no mundo inferior, os espectros continuavam com seus afazeres, Olmir agia como se nada tivesse acontecido, fato que causou  certo desconforto  no jovem príncipe do inferno, mas resolveu não comentar nada.

- Senhora Perséfone, senhora Perséfone!_ um dos servos chegou gritando desesperadamente.

A deusa estreitou o olhar, detestando a gritaria.

- Pare de gritar e diga logo o que está havendo!

- A deusa Atena está aqui, e quer uma audiência agora mesmo com a senhora..._ falou rapidamente.

Perséfone arqueou uma das sobrancelhas, tentando imaginar o porque dela ter aparecido lá daquele jeito, tão de repente.

Se levantou e seguiu para o hall de entrada, vendo a lilas e Shion.

- Ah que devo sua visita aqui, Atena?

- Serei direta com você._ disse._ Dê uns tempos para cá, os espectros tem rondado meu santuário o que causou bastante alarde por lá. Mas os últimos acontecimentos me deixaram bastante aborrecida, a filha de um dos meus santos dourados desapareceu, e tenho forte pressentimento de que ela está aqui.

Perséfone não deixou de soltar uma gargalhada.

- Como pode achar que eu tenha mandado sequestrar a filha de um dos seus dourados? Estou fazendo de tudo para trazer Hades de volta, jamais quebraria meu juramento por um motivo tão fútil desses! E quanto aos espectros, alguns fizeram questão de passar por cima de minhas ordens e esses foram castigados severamente!

- Entendo que não possa ter nada haver com isso, mas mesmo assim espero que me entenda, estamos, principalmente o pai dela, preocupadíssimos, já em dois dias que ela sumiu e com o dia de hoje está se completando o terceiro._ estendeu um papel contendo uma imagem da garota._Veja, ela não parece nem um pouco familiar?

A imperatriz abaixou um pouco o olhar para vê-la, e com isso, acabou soltando um suspiro de frustração.

- Sim, eu a vi sim. Mas mandei devolvê-la rapidamente.

- E por que deveríamos confiar em você?_ o canceriano disse raivoso se aproximando.

- Giovanni._ Saori tentou chamar sua atenção.

- Ora que insolente! Não tem o porque de eu mantê-la aqui, muito menos de estar mentindo sobre tal coisa!

 

Um pouco distante, Olmir estava escutando tudo. Não pode deixar a surpresa de lado ao escutar que a garota era a filha de um cavaleiro de ouro, então era por isso que dizia aquelas coisas.

Pobrezinha...

Agora estava no fundo de um rio e ninguém jamais a encontraria.

 

- Eu exijo, olhar em todos os lugares!

- Atena, por favor controle seu cãozinho! E o que te faz pensar que pode sequer me exigir isso?

- Eu sou o pai da garota que seus espectros maledettos raptaram!

Conforme ele falava, se aproximava mais e mais da deusa a sua frente, sua raiva estava falando mais alto.

Vendo que ele poderia atacá-la, Saori e Shion entraram em sua frente o parando. Saori não deixou de notar o menino que estava ao seu lado.

- Por favor irmã, ele está desesperado, a filha pode estar morta agora. Tenha um pouco de compaixão._ Saori pediu.

Decidiu apelar para o lado maternal de Perséfone.

Não que fosse de sua conta, mas perséfone se compadeceu levemente com a situação.

- Tudo bem... sejam rápidos!_ se virou e saiu do local.

 


Notas Finais


Olá pessoal, tudo bem com vocês??

Então esse capítulo foi pequeno pra manter vocês curiosos e curiosas ksksks, desculpee.
espero que gostem, até o próximo.

Me digam ai, já sentiram o cosmo hoje???


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...