História A filha do meu padrasto - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Drama, Lgbt, Romance
Visualizações 24
Palavras 470
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, LGBT
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Pansexualidade, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Algumas frases que são citadas na história são retiradas de escritores, séries, músicas dos quais eu admiro, por tanto qualquer semelhança não é mera coincidência. Vocês também poderão ver no decorrer da história textos relacionados a sexo, mas com nenhuma intenção de apologia ou algo do tipo.

    Peço para que sejam um pouco paciente comigo, comecei recentemente e reconheço que tenho alguns erros de português. Sintam-se livres para compartilharem suas opiniões comigo, ficarei feliz em ouvi-los.

Capítulo 1 - Quem somos


Fanfic / Fanfiction A filha do meu padrasto - Capítulo 1 - Quem somos

Desde a infância presenciei minha mãe (Helena Lombardi) dar tudo de si, ela sempre pareceu alguém esforçada, decidida e capaz de qualquer coisa. Minha mãe trabalha como psicóloga em consultório próprio e têm bacharelado em biotecnologia. Ela de fato é minha maior inspiração.

Apesar de ter tido minha mãe, meu melhor amigo Bruno e minha amiga Larissa (Que por acaso são pessoas incríveis), eu sinto muito a falta do papai (Estevan Lombardi) apesar de não ter lhe conhecido, no entanto eu procuro não perguntar sobre ele para a mamãe, de alguma forma me sinto mal. Sempre foi só nós duas em casa, sabe? Meu pai faleceu antes mesmo de me conhecer, deve ter sido muito difícil para minha mãe e é por isso que não toco nesse assunto, embora ela compartilhe algumas histórias deles antes da tragédia acontecer.

Fico feliz em saber que ela está sob os cuidados do Sr.Giovanni Marino ou só Giovanni... (como ele prefere que eu chame-o). Desde que ele e a mamãe se conheceram ela passou a sorrir mais, como se tivesse recuperado o sentido da vida (não que ela não tivesse). Estão juntos a quase 2 anos, nós nos mudamos para o apartamento dele em Juiz de fora há mais ou menos 1 ano e 3 meses

Giovanni é um cara legal, de bom humor, extrovertido e quase sempre misterioso. Ele é dono de restaurantes Italiano, formado em gastronomia e Administração. Eu sinto um pouco de vazio vindo dele, mesmo sendo um cara que tenha uma vida invejável; talvez seja a relação com a sua filha. Sim, o Giovanni tem uma filha de 17 anos, por coincidência a mesma idade que a minha, eles não tem uma relação muito afetiva creio eu, já que ele não fala tanto dela e nem sinal de ligações ou algum outro tipo de comunicação. Ao que parece algo muito grave aconteceu no passado dele, não sei o que é, mas algo me diz que vou descobrir em breve.

  A filha dele se chama Bianca Marino. Bianca mora na Itália com a mãe, (PS: O Giovanni também é Italiano) nós nunca nos vimos ou nos falamos, já vi algumas de suas fotos (aquela típica stalkeada) e confesso que ela é realmente linda, espero poder conhecê-la algum dia.

E finalmente... Quem sou eu? Bom, eu me chamo Heloísa Lombardi. Eu cresci com minha mãe em uma cidadezinha em Minas, não tenho nada de especial, ouço bastante elogios em relação a minha aparência e personalidade, mas ainda me sinto um alguém totalmente deslocado como se não pertencesse ao meu grupo social de amigos. Sinceramente? Eu me dou melhor com os animais, é isto. Talvez eu deva me casar com um cachorro e adotar um Hamster (meu Deus, eu não curto zoofilia, perdoa pai). É isto... Você terá mais oportunidade de nos conhecer no decorrer dessa história.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...