1. Spirit Fanfics >
  2. A filha do meu padrasto-noart >
  3. Jack

História A filha do meu padrasto-noart - Capítulo 22


Escrita por:


Capítulo 22 - Jack


Fanfic / Fanfiction A filha do meu padrasto-noart - Capítulo 22 - Jack

Sina's pov

- pai?-- pergunto entrando no quarto dele e de Wendy--

Já faz alguns dias que voltamos para Santa Mônica, eu e Noah mantemos nosso relacionamento em segredo. Apenas nossos amigos sabem disso.

- oi filha! Venha aqui!-- ele diz batendo na sua perna. Sento no colo dele e vejo que deus olhos estão vermelhos--

- o que aconteceu papai?

- sua avó está doente!-- ele disse. E senti meus olhos lacrimejarem--

- vovó Marie?-- ele assente. Marie é a minha vó por parte de mãe--

- nós vamos ir vê-la. Já falei com a Wendy! Fale para o Noah.-- assinto e saio do quarto--

***

- escapei!-- disse Noah abrindo a porta a porta do meu quarto e se jogando na cama em seguida-- O que tá fazendo princesa?

- ah...só estudando.

- vai fazer faculdade mesmo?

- sim, quero garantir o meu futuro.-- digo meio sem graça--

- o que foi? Aconteceu alguma coisa?-- ele senta na cama--

- minha avó...ela tá doente. Nós vamos ir para a Alemanha visitar ela!-- digo e dou um sorriso triste--

- por que não me falou antes?

- por que eu fiquei sabendo hoje Noah!-- digo já chorando e ele solta o ar do pulmão--

- vem cá!-- ele se arruma na cama e abre os braços. Me sento no colo dele e o mesmo agarra a minha cintura-- Desculpa meu amor.-- ele beija a minha bochecha--

- tudo bem!-- dei um selinho nele-- Temos que fazer nossas malas.

- uhum! Mas eu tô gostando de você no meu colo!-- ele beija meu pescoço--

- Noah...-- resmungo--

- hum?-- ele continua beijando meu pescoço e meus ombros--

- você tem que parar meu amor!-- digo arfando--

- por que? Tá tão bom!

- e se...?-- ele me interrompe--

- e se a gente continuar?-- ele sorri malicioso--

- agora não. Não tô com muita cabeça pra isso! Mas você já me distraiu um pouco.-- beijo o canto da boca dele e saio do colo de Noah--

- um pouco? Amor, eu tiro a sua distração com unhas e dentes.

- vai fazer sua mala vai!-- jogo uma almofada nele--

***

- tá nervosa?-- Noah pergunta segurando minha mão--

- um pouco. Logo nós pousamos em Berlim e temos que pegar mais um vôo para Karlsruhe.

- puta merda, meio longe né?-- dou uma risada--

- é... é longe mesmo!

- muita gente da sua família mora lá?-- Noah pergunta--

- bastantinha.

Noah's pov

Sina e Peter ficaram bem mal por causa da vó dela. Eu não entendi direito, claro, é família mas Sina estava desesperada.

Depois de longas e longas horas de vôo nós finalmente chegamos em Karlsruhe, alguma coisa assim, a cidade natal de Sina.

Pegamos um táxi. O motorista parou no endereço que Peter deu, era uma casa bem grande e muito linda. No jardim tinha uma árvore super alta e grossa com um balanço pendurado.

Saímos do táxi com nossas malas e entramos na casa. Por dentro era mais lindo ainda. 

Tinha algumas pessoas na sala.

- Sina!-- gritou uma garota e veio correndo abraçar minha "irmã"--

- Lizzy?-- perguntou Sina saindo do abraço e olhando para a garota--

- a própria!-- ela disse alguma coisa em alemão--

a| não vou ficar escrevendo em alemão, tô com preguiça de usar o Google tradutor ;-;

- meu Deus!-- Sina fala em alemão e ri-- Noah, essa é a minha prima Elizabeth, Lizzy esse é meu meio irmão, Noah!-- dessa vez Sina disse em inglês--

- o meu inglês é péssimo, por isso falei em alemão com a Sina!-- Elizabeth cora--

- e essa é Wendy, mãe do Noah!

- Sininho?-- perguntou um menininho de cabelos negros e olhos verdes como os meus--

- oi meu amor!-- Sina se abaixa para abraçar o pequeno--

- quem é esse, Sininho?

- esse é meu meio irmão, Noah.

- e aí carinha?-- me abaixo também--

- oi, eu sou o Jack.-- o garotinho diz--

- ele é meu afilhado!-- Sina diz e eu assinto--

- pode ir no balanço comigo, Noah?-- Jack diz com os olhinhos brilhando--

- claro! Vamos lá fora!

- depois eu brinco com você madrinha!-- Sina assente e nós dois vamos para o jardim--

Sento ele no balanço e dou leves empurrões.

- quantos anos você tem Noah?

- eu tenho dezessete. Logo faço dezoito anos!-- digo ele se espanta--

- tudo isso? Eu só tenho seis... é a mesma idede da minha madrinha.

- a é? E quem é a sua mamãe?

- minha mãe é prima da tia Sininho!

- aaah, entendi.

- a minha bisa tá doente, por isso vieram pra cá?

- isso mesmo. Sua madrinha estava bem triste!

- sabia que você parece o namorado da tia Sina?

- por que Jack?

- sei lá, vocês dois ficam tão lindo um do ladinho do outro!-- ele junta os dedos indicadores e eu rio-- Mas ela é sua irmã agora.

Não sei por quê, mas tive a sensação de que algum dia Jack vai me chamar de padrinho ou tio. 


Notas Finais


-🌺


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...