História A filha do vilao - Capítulo 11


Escrita por:

Visualizações 42
Palavras 849
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Policial, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - O admirador secreto


Eu estava sentada em frente a minha penteadeira penteando meu cabelo quando Julian entrou.

-Sally.Tem um buque de flores endereçado a você na caixa de correio.

Desci e fui ate a caixa de correio. Era um buque de rosas. Quem será que me enviou?Scourge?Shadow?Manic? Pois eles tem me cantado com frequência. Três dias depois em que eu estava levando Jules e Gerald para passear os três apareceram na minha frente. Olhavam pra mim e no lugar de seus olhos haviam corações. Vi que se aproximava em alta velocidade um cavaleiro misterioso em seu cavalo. Tive que empurrar os três para o lado pra que o tal cavaleiro misterioso passasse. O tombo fez os três voltarem a si.

-Porque você nos empurrou princesa?

-Vocês estavam tão hipnotizados por mim que nem perceberam que alguém se aproximava.

Se desculparam e eu retornei para o castelo com Jules e Gerald. Quando entramos eu vi que ele estava na sala do trono.

-Quem é ele Elias?

Antes que Elias pudesse dizer seu nome ele virou pra trás e pensou que eu fosse apenas uma mera habitante.

-Como se atreve a entrar nos domínios de sua majestade humilde camponesa?

Antes que ele pudesse pegar a espada para tentar me expulsar viu meu anel e também a minha espada.Olhou pro anel e pra espada de Elias e depois pra mim de novo.Charles,julian,ivo e Antoine apareceram. Ele olhou um por um e os reconheceu.

-Charles?Julian?Ivo?Antoine?São vocês?

-Sir ray?

Ele tirou seu capacete e depois se curvou. Viu que ao lado de Julian e de Charles estavam seus filhos Jules e Gerald já quase adultos.Vanilla estava a segurar a pequena bernadette de apenas dois meses no colo. Elias mandou Antoine levar sir ray para o local aonde ficavam todos os cavaleiros do castelo.

-Siga-me.

Mostrei o local a ele. Era parecido com um estádio de futebol. Tinha vários cavaleiros duelando entre si em cima de seus cavalos e no chão. Ele viu que quando algum cavaleiro ou cavalo se machucava todos os outros paravam o que estavam fazendo e o ajudavam a se levantar ou o carregavam para a enfermaria e depois retornavam ao que faziam. Peguei o apito que tenho pendurado em meu pescoço e ao apitar todos eles pararam e fizeram varias filas. Fui com ele ao local em que se fazia as inscrições.

-Você deve assinar seu nome e escolher a categoria em que vai treinar.

Ele assinou e escolheu a categoria duelar no cavalo. Deixei ele lá e fui para o quartel. Chamei manic,scourge e shadow.

-Soldados manic,shadow e scourge se apresentando senhor.

-Há boatos no castelo de que alguém esta enviando para sally cartas e buques de flores. Eu quero que descubram quem esta fazendo isso.

-Sim senhor!!!!

Fizeram continência e começaram a investigar. Duas semanas depois conseguiram descobrir quem era.

-Jules? Já era de se esperar pois ele passa mais tempo pegando as rosas do canteiro e escrevendo mensagens de amor ao invés de continuar aprendendo a ser como o pai. O que tem a dizer em sua defesa?

Ele não disse nada e eu chamei Charles que deu uma baita bronca nele.

-Você sabe muito bem que devemos respeitar a hierarquia da pirâmide do castelo.

Mostrei a ele o cartaz da pirâmide que ficava na área restrita do escritório.

-Nossa posição na pirâmide é embaixo de suas majestades e acima de Julian e Gerald.

Ele obrigou Jules a replantar as rosas que arrancou do canteiro e depois a passar horas a ler os livros de química do escritório.

-Espero que isso faça esse menino por a cabeça e a sua função na pirâmide no lugar.

Duas semanas depois notei que Elias e vanilla estavam a olhar para bernadette que estava muito doente.

-O que ela tem Charles?

-Me passem a lanterna detectora.

Me entregaram a lanterna e eu passei a luz pelo corpo dela.

-Epa.Pneumonia.

Eles deixaram sally no comando e levaram ela de carruagem para o hospital. Entraram correndo na recepção.

-Majestades?

-Não da tempo de explicar. Chamem um pediatra.

O pediatra apareceu e fomos com ele para o setor de pediatria.

-O que ela tem?

-Pneumonia. Charles verificou usando a lanterna detectora.

Colocamos ela na incubadora e o pediatra começou a examina-la.

-Ela terá que ficar aqui ate se livrar da pneumonia.

Retornamos ao castelo. Os outros viram que voltamos sem bernadette.

-Posso tomar conta dela enquanto estiver no hospital.

-Obrigado bunnie.Mas acho que devemos deixar essa oportunidade para Rouge.

-Eu???

-Sim. Pois em breve você,Gerald e Jules irão substituir seus pais na tarefa.

Olhamos pra nossos pais e vimos que Antoine tinha razão pois os cabelos deles já estavam brancos. Eu aceitei e fui em direção ao hospital.

-Como a senhora se chama?

-Rouge. E vim tomar conta da bernadette.

Ela disse que estava no primeiro quarto do segundo andar e fui ate lá. Vi que ela estava acordada na incubadora. Levantou o braço esquerdo.Um medico entrou no quarto e disse que dentro de alguns dias ela receberia alta.Fiquei aliviada. Três dias depois bernadette recebeu alta e eu levei ela no colo de volta para o castelo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...