1. Spirit Fanfics >
  2. A Gamer >
  3. Reencontro armado

História A Gamer - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Reencontro armado


MARI ON

Bom a gente havia terminado pelo boliche, e só vejo a mensagem do Plagg ou melhor da Tikki... Ela disse q foi mais cedo, humm tenho certeza q algo rolou entre esses dois, eu e Alya ficamos louca pra saber. Gente do céu q noite boa essa pqp..

Chegando no quarto eu acendo a luz e vejo a Tikki deitada, mas logo apago pra n acorda ela. Ent dei um sinal pra Alya pra irmos dormi e conversa só amanhã...

No dia seguinte

Mari: bom dia glr! – olho cada uma vejo as duas em seus celulares ainda deitadas

Alya: bom dia bela adormecida

Tikki: bom dia pra quem beijou um palhaço kkkkk – diz passando a mão no rosto dela em símbolo de ser no meu

Mari: ah me deixa, só tava curtindo a noite – pelo um lenço e começo a passar

Alya: Mas então como foi a noite de vcs?

Mari: a minha foi ótima!

Tikki: err foi indo

Alya: pois é amiga qq é isso – diz mostrando o celular – o Plagg? Hummm sempre soube ksksksk

Tikki: q nada! – diz com raiva – por sinal quase virei uma boneca pro amigo do seu amigo Mari, o Felix

Mari: como assim?

Ent a Tikki contou quase tudo, ela deixou de lado a conversa dela e do Plagg. Só deixou claro q o Felix n é uma boa pessoa. E q se n fosse o Plagg, provavelmente ela teria sido estuprada.

Mari: Amiga vc tá bem? – digo com preocupação nos olhos

Tikki: tô sim.. Rlx o Plagg me acalmou

Alya: CARALHO! O Adrien tem um primo desgraçado em!

Mari: n faz muita diferença dele.. – digo meio baixo

Tikki: como? – ela diz querendo q eu repita

Mari: nada n,  e ent Alya como foi sua noite – digo com um rosto safado

Alya: Foi boa né meu bem... Aí o beijo dele é tão fofo, chega até ser sinistro

Tikki: kkkk. Mas ent Mari e a sua

Mari: meninas como é bom relembrar o beijo daquele gostoso... – reviro meus olhos – Mano, simplesmente o beijo dele é muito bom é tão delicado, e gostoso, aii gente aquala pegada pqp, eu tava morrendo de saudades

Alya: eu vi, saíram parecendo q os dois tinham feito boquete na framboesa menstruada...

Tikki: CREDO ALYA!

Alya: kkkkk só vdds

Mari: aiai palhaça. Pior foi vc que tava comendo o cara na frente de todos e foda-se

Alya: ah mas o Marc é muito fofo – ela diz com as mãos grudadas no rosto – ele é um amor de pessoa, sonho em!

Mari: ah pra mim foi mais um pro histórico hehe

TIKKI ON

Tikki: kkkk

Em pensar que minha noite foi uma porcaria, ainda confessei algo que guardei sempre só pra mim

 Ela se pega olhando para seu joelho direito com uma cicatriz de 10 pontos.

Mas fico feliz em ver que elas se divertiram. Um dia tenho q contar para o Plagg q isso n é história q se espalhe, pq n duvido ele ficar contando pra aquelas putinhas dele...

Q.D.T

PLAGG ON

9PM

Plagg e seus amigos estavam na balada

Aff n consigo parar de pensar no caso da Tikki, isso deve foi terrível. Sei q vire e meche vivo com garotas, mas a maioria é galinha, e faz isso pq gosta sem precisar força ela, ela só se oferece como aquela tal de Lyla. Mas n sabia q a Tikki podia sofrer tanto, em meio aquela garota q só queria me socar...

Nino: oxi cara qq deu em vc q tá tão pensativo?

Plagg: tô normal pô

Nino: vc andou a trás da Tikki, n foi? – diz com uma sobrancelha levantada

Plagg: e se tiver qual o problema?

Adrien: cara vc tá parecendo um psicopata!

Nino: o Adrien tá certo – ele diz e olho com cara de tacho – mano a mina deve tá assustada! Vc fica seguindo ela por todo canto..

Plagg: é talvez, teve um dia q eu vi ela voltando no carro do Sass, ela me viu e logo se virou de costa q nem um robô e saiu andando num desespero

Nino: mano cê tá assustando a mina

Adrien: se bem q dá um clima bom pro cara chegar nela kkk

Nino: Adrien tu tá aprontando algo?

Adrien: n jamais – a gente já sabia q ele tava mentindo então olhamos para ele fixamente q ficou com uma cara meio de quem aprontou – tátá só pedi ajuda da Marinette pra algumas coisas

Nino: Que tipo de ajuda irmão? – diz meio nervoso

Adrien: n sei se vcs lembram da tal Kyoco que meu pai queria q queria, q eu ficasse com ela.. – assentimos com a cabeça – ent ela marcou um encontro, só q ela n falou se  podia ou n levar um amigo, ent pensei em levar a Marinette pra fingir ser minha namorada. Questão de escolha dela, ou eu fala sobre o dia pra as amigas dela ou ela faz isso dentre outras coisinhas..

Plagg: nossa vc é nojento!

Adrien: olha quem fala, quem tava seguindo a mina q nem um psicopata

Plagg: isso foi pra segurança dela, e pra variar ela tava com seu priminho tá! Que quase fez a msm merda q faz com as outras

Adrien: n me diga... – cortado pelo Plagg

Plagg: exato!

Nino: pera ae! As meninas estavam com eles?!

Plagg: corrigindo... Tikki tava sozinha com o Felix, a Marinette sumiu do nada e sumiu com o Nathaniel, e a Alya tava pegando o Marc na frente de todos

Adrien: PERA AE! A MARINETTE SAIU COM O NATHANIEL!??

Plagg: n sei se vc lembra mas a Marinette é bem próxima dele

Adrien: ss mas....

Nino: engraçado, pq vc tá tão preocupado assim com a Marinette? – diz com uma cara de intenção

Adrien: err.. pq assim e..e q... Vai cuidar da vida de vcs! Dá licença – ele sai e vai atrás de alguém pra pegar

O Nino acompanhou o Adrien pra pista. Eu ien esse Adrien, mais bipolar q tudo.

Ele diz isso enquanto via o Adrien dando em cima de outra.... Plagg ficou só na mesa de bebidas...

MARI ON

7PM

Passou alguns dias e o encontro e combinado de Adrien e Mari chegou. Era durante o jantar Mari ent já havia se arrumado e estava preste a sair. Ela tava bem normalzinha de calça jeans e uma blusa normal com casaco.

Alya: onde vc pensa q vai? – ela diz e eu logo paro na porta

Mari: vou dar uma olhada nos negócios da faculdade, tenho q ir buscar umas coisa, e fiquei enrolando. Tenho q ir agr, se n perco essa porra de presença

Alya: ah só, vai logo pq lá fecha 9

Mari: se vc deixar.. – ent a Alya aponta para a saída

Eu logo cheguei embaixo e vi o Adrien no carro. Caralho q carro era um Nero, pqp.

Adrien; boa noite donzela – diz enquanto abria pelo lado de dentro

Mari: oi – digo friamente e me sento

Adrien: ent vai ser o seguinte – eu fui colocando o sinto enquanto ele dava a partida – vc vai ter q fingir ser minha namorada

Mari: pq tá carente?

Adrien: se esse fosse problema pegava outras qualquer

Mari: tá. Mas pq eu e pra q?

Adrien: vc, pq vc msm disse q n quer q as outras saibam do segredo. E pq eu n quero namorar com essa menina q é toda fria, pensando bem até q vc me lembra a ela

Eu desvio o olho dando uns 180 graus pra cima e fico observando a vista até chegarmos no local.

Chegando lá Adrien avista a garota.. PERA! Kyoco?!

Adrien: Oi Kyoco essa é – é atrapalhado pel Kyoco

Kyoco: Marinette! – diz com os olhos cerrados

Mari: Kyoco – digo friamente

Adrien:  vcs já se conhecem? – elas olham para ele com cara de ¨n percebeu?¨ -  ah que bom. Kyoko ela é minha namorada

Kyoco: oi?!

Adrien: conheci ela no meu ensino médio, gostei bastante do seu jeito misterioso – ele diz passando a mão nos meu ombros e olha pra mim com uma cara de ¨finja¨

Mari: Aiiiww ele é um amorzinho né fofo – digo fingindo e apertando suas bochechas com uma das minhas mãos

Kyoco: humm

Adrien: vcs se conheceram a onde?

Kyoco: estudamos no ensino fundamental juntas, por sinal ela era bem tímida.. N achei q fosse conhecer vc, sendo uma pessoa totalmente o contrario

Adrien: gosto dessas assim

Mari: Kyoco, boi sonso ferrão nele, 2bj

Kyoco; humm

Esse jantar foi uma grande porcaria. O ódio q eu tinha pela Kyoco só foi piorando, e para variar ela falou como eu era quetinha e bláblá. Ela tinha era inveja de mim pq os meninos todos queriam me pegar, e ela ver o Adrien comigo fez com ficasse com mais raiva, tirei minhas vantagens nisso kkkkk. Ficava grudadinha no Adrien, passava a mão em seus cabelos, tudo q eu falava de vida dizia sempre ao lado dele kkkkk ADOREI VER A CARA DAQUELA VACA, O CIUMES SÓ ROLAVA....

E ent aquela noite acabou dps de 1h30m de janta...

A gente tava do lado de fora, a Kyoco ainda n tinha saído

Adrien: Nss até q fingiu muito bem

Mari: eu sei! Sou uma atriz perfeita

Adrien: ata

Mari: olha tu para, q to te aju – ele me para com um beijo logo percebo q ele tá olhando pra trás e olhou pra mim dnv e fechou os olhos.

Logo percebi q ele tava disfarçando. Ent fingi tb. Só vejo a Kyoco entrando em sua limosine vermelha, e me afasto dele dps q ela se vai.

Mari: aff q saco! – digo revirando os olhos

Adrien: começo a pensar q vc tava era gostando... – ele diz tentado irritar ela

Mari: dá licença – eu pego e saio andando para ir embora

Adrien: vai de à pé msm?

Mari: cuida da sua vida! – eu disse ainda andando

Quando vejo se n instantes dps só vejo o Adrien no carro e me seguindo com carro a 5km/h

Adrien: olha acho q n é uma boa ideia vc ficar andando sozinha n, entra no carro logo!

Mari: n vlw –

Adrien; tem medo de ser assaltada n? ou pior estuprada?

Mari: no quesito assalto, q se foda é só um celular. Estrupo o cara n é nem doido, pq ele q vai ficar sem pinto!

ADRIEN ON

Ave credo q menina loka.

Adrien: vou continuar te seguindo assim ent, pra prevenir né. N quero ser chamado de babaca

Mari: pois vc q lute

Adrien: são 19km daqui pros dormitórios

Mari: só assim emagreço

Adrien: pra dps sumir? – ela para e me olha com uma cara de tacho – Kkk. Anda entra logo aqui!

Ela ent atravessou a rua e entrou no carro

Adrien: ficou com medo de sumir?

Mari: só dirige! – ela estava colocando o sinto

Adrien: mas ent, qual sua relação com a Kyoco, apesar de n parecer boa. Mas pq?

Mari: ela sempre teve uma invejinha de mim, principalmente pq os cara sempre viam me pegar... msm eu sendo tímida na época do fundamental

Adrien: ui toda rolada ela

Mari: No meu grupo de amigos me chamavam de Mari da rodinha larga kkk, saudds

Adrien: tu acha isso bonito?

Mari: é mais ou menos kkk é q era engraçado. O Sass era chamado de Sass pentelho de mel. Tinha outra amiga q era a Daizzi q era chamada de Daizzi chupeteira.

Adrien: vcs tinha quantos anos?

Mari: acho q uns 13 à 15

Adrien: ave credo, q criançada pervetida

Mari: tu já viu as de hj? Q tem filho? N chega nem perto da minha época

Adrien: aiai

Se bem q rodinha larga, humm curioso.

Chegamos no apê dela, ela desceu e agradeceu. Ent fui para o meu

Nino: e ent como foi lá?

Adrien: cê n faz ideia do q descobri da Marinette, e ainda q a Kyoco odeia ela. Escolhi a garota certa para esse caso

Nino: aí sim, jogou oq sabe!

Adrien: claro – pisco pra ele



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...