1. Spirit Fanfics >
  2. A Garota da Floricultura- Now United >
  3. Rosas Brancas

História A Garota da Floricultura- Now United - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Então aí está mais um capítulo para vocês!

Capítulo 2 - Rosas Brancas


Fanfic / Fanfiction A Garota da Floricultura- Now United - Capítulo 2 - Rosas Brancas

 

Rosas: São clássicas, cultivadas desde a antiguidade, e combinam com pessoas românticas por seu formato delicado. As pessoas mais sonhadoras devem utilizar as amarelas para harmonizar os ambientes à sua volta. Já as mais meigas e doces devem recorrer às rosadas. E as mais calmas, devem preferir as rosas brancas.

 

...

 

Quando cheguei ao apartamento percebi que estava sozinha novamente, eu fico tão triste com as atitudes dele... poxa! Estamos em Veneza, na cidade do amor onde ele me deixa sozinho e vai cuidar do trabalho, sei que ele não pode abrir mão dos próprios gostos apenas por eu não gostar, mas eu sempre abro mão de coisas por ele e nunca o mesmo nem tenta retribuir!

Não quero um relacionamento assim, eu quero amar e quero ser amada... amo muito o Indra porém estou cansada, namoros não são fáceis e quando apenas um lado está colaborando com o relacionamento ele fica ainda mais difícil. 

Eu realmente não sei como manter esse namoro que claramente apenas eu estou me esforçando, ele nunca me escuta, ele nunca passa o tempo comigo! Quer saber? Estou em Veneza, uma das cidades mais lindas do mundo e eu vou aproveitar cada momento que com ou sem o Indra.

Pego minha bolsa e saio sem rumo, a única coisa que eu quero é pensar em outras coisas e aproveitar essa viagem.

QUEBRA DE TEMPO...

Estava andando normalmente até passar na frente de uma floricultura, a mesma era tão linda que eu me senti sendo puxada para entrar o local e assim eu fiz. 

Entrei e percebi que tinha alguns clientes e algumas atendentes, comecei a andar no local que tinha belas flores, estava perdida nós meus pensamentos até sentir alguém me cutucar, olhei para trás e não vi ninguém.

XXX: Aqui embaixo!- olhei um pouco para baixo e vi duas garotinhas muito fofas.

Shivani: Estão falando comigo?- perguntei sem entender.

XXX: Estamos sim... deixe-me nós apresentar, eu sou a Kiara e ela é a Kira- falou a menina que parecia ser a mais velha.

Kira: Nossa, você é tão linda!- falou a outra enquanto me encarava sorrindo.

Shivani: Obrigada, vocês duas também são muito lindas.

Kiara: A gente está te olhando desde que você entrou na loja, você parece meio pensativa.

Kira: Está triste?

Shivani: Não, estou apenas olhando as flores...- sou interrompida por uma garota que aparentava ter a minha idade.

XXX: Kira e Kiara, vocês não estão incomodando a nossa cliente não né?

Shivani: Oh, não elas não me atrapalham em nada, pelo contrario elas duas são muito simpáticas e ótimas atendentes.

Kiara: Está vendo Rita? Como a linda princesa Shivani disse não incomodamos a ninguém!- a garotinha disse afrontando.

Rita: Sinto muito por isso, elas são minhas irmãzinhas e não param quietas, sabe come são crianças.

Shivani: Sem problemas, a floricultura é da sua família?

Rita: Sim e o restaurante ali na frente também é...- Rita é interrompida por Kira.

Kira: Gostaria de ficar para jantar com a gente?

Kiara: Verdade, com certeza a mamãe vai amar conhecer você Shivani.

Shivani: Acho melhor não, não quero incomodar!

XXX: Com certeza não vai incomodar- disse uma mulher loira alta se aproximando.

Kira: Mamãe, eu estava dizendo que ela é linda, ela é linda não é mamãe?

XXX: Sim Kira, agora vá com suba com a Kiara e vão se arrumar para o jantar!- ela diz e as garotinhas saem correndo. 

Rita: Mãe essa é a Shivani e Shivani essa é minha mãe Elisa!- após a filha falar a mulher pega e aperta a minha mão.

Elis: Fique para jantar, sempre tem lugar para mais um!

Shivani: Eu não quero incomodar.

Elis: Eu vou insistir, não será incomodo.

QUEBRA DE TEMPO...

Havia acabado de jantar e a Rita quis me acompanhar até a saída, um fato muito interessante é que a família dela é formada apenas por mulheres... todas são divorciadas, achei muito interessante e eu adoraria escrever sobre isso.

Shivani: Rita eu posso te perguntar alguma coisa?

Rita: Pode, claro que pode- estávamos paradas na frente da floricultura, que ainda funcionava.

Shivani: Queria saber se eu poderia escrever sobre a sua família, sei que isso pode parecer estranho e eu entendo completamente se você recusar!

Rita: O que? Claro que pode escrever sobre a minha família, inclusive seria uma honra que você escrevesse sobre a minha família.

Shivani: Sério?

Rita: Claro, venha amanhã que eu te conto a história da minha família bem detalhada! 

Shivani: Virei, agora eu tenho que ir - na hora que me virei para sair sinto que bati em algo ou melhor em alguém, com a batida rapidamente eu cai no chão.

XXX: Você está bem?- devido a queda a única coisa que eu consegui ver foi as belas rosas brancas que o garoto segurava que caíram junto comigo. 
 

 


 

 

 


Notas Finais


Pois é isso pessoal!
Irei postar um capítulo novo hoje ou amanhã, então já sabem... fiquem ligadinhos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...