História A garota de óculos •| Imagine Kim Taehyung |• - Capítulo 59


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Esquizofrenia, Imagine Taehyung
Visualizações 736
Palavras 1.599
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi oiee ^^ Espero que gostem♡

Ps: LEIAM AS NOTAS FINAIS. Tem recado la embaixo

Capítulo 59 - Livre.



POV. (S/N)


Ele disse aquela maldita ultima frase e logo notei sua boca ser preenchida com um pouco de sangue e ele logo cospí-lo, quase como uma tosse,  fechados lentamente os olhos. 

E o desgraçado ainda morreu sorrindo.


Caí de joelhos ao seu lado no chão  e deixei que o canivete escurregasse de minhas mãos sem que eu o percebesse,  me permitindo respirar descompassadamente, sentindo meu peito ser contraído aos poucos. Me mantive parada encarando minhas mãos trêmulas e a imagem empalidecida de seu rosto agora sem vida. 

Levei as mãos  à  boca e tranquei os olhos fortemente, tentando acalmar meu corpo e convencer meu coração  de que aquilo realmente foi o certo a se fazer. 

Olhei por algums segundos aquela imagem e senti um embrulho no estômago, uma vontede imensa de vomitar e chorar. Apertei meu peito enquanto respirava pesado, tentando evitar as lágrimas  que tentavam cair... provocando apenas uma forte tosse entalada em minha garganta. ele não  as merece, mas mesmo assim, uma delas ousou escorrer. 

Evitando olhar seu rosto, tateei-o à procura das chaves, quando finalmente as achei em um de seus bolsos. Com as mãos  trêmulas, segurei-as entre meus dedos quase sentindo o mínimo peso delas me puxar para o chão, como se toda a força que eu sentia se espalhar pelo meu corpo há alguns segundos tivesse simplemente sumido. Levantei do chão  sentindo minhas pernas fraquejarem, caminhei lentamente até a porta,  me apoiando pelas paredes. Ao finalmente dar de encontro com a mesma, saí  do quarto evitando olhar para dentro dele e tranquei a porta, me escorando na parede e largando um suspiro pesado. Eu comecei a escorregar um tanto rápido e iria ao chão  se não  fosse MinHori ao me seguarar. 

- ______ você  conseguiu!! - ela susurrou muito animada. - graças a deus, que bom, que bom!! - falou me abraçando e eu apenas sorri. Ela me "levantou" e logo seus olhos me encararam. - eu peguei as roupas, ande venha, você  precisa se trocar. - assenti e ela me levou até  um corredor um pouco escondido. 

Caminhamos cautelosamente até  chegar a um grande banheiro, provavelmente destinado praticamente apenas para os funcionários, já  que os internos estavam sempre trancados nos quartos. Gostaria de poder ajudar a tirar essas pesssoas daqui também... 

Entramos no banheiro e Hori me entrega um conjunto de roupas brancas. Entrei em uma das cabines e me troquei rapidamente, me vestindo como uma das enfermeiras do local. 

- perfeito... ninguém vai te conhecer. Agora vamos. - ela fala e eu assinto. 

Saímos  do banheiri e segui Hori por diversos corredores do local. Eu estava morrendo de medo que me descobrissem, maa por onde passávamos, as pessoas não  pareciam notar nenhuma diferença. 

Andamos por mais alguns minutos até  que eu já  podia ver a porta da saída de trás.

Senti meu peito se encher de euforia ao ver aquela porta... alegria... felicidade... ansiedade... esperança... eram esses os sentimentos que agira fluíam todos juntos em perfeita harmonia no meu corpo... 


Finalmente... estávamos quase lá...


Eu já  me sentia livre. 


...





POV. TAEHYUNG 


quase quatro...

Ainda sem nehum sinal de ______... eu já  estava começando a ficar preocupado. 

Descemos do carro e olhei de relance a entrada do traseira do hospital e... Jesus...  ela tava vindo... e correndo.. sorrindo... feliz. 

- Gente olha lá!... - falei apontando e todos olharam.

Hoseok: aquela... é a ______?! 

Yonngi: é  ela sim! O que ela está  fazendo aqui fora?! - ele perguntou confuso. Pois é, os unicos que sabiam que a ______ fugiria éramos  eu e o Namjoon, mas a feliciade foi nítida  nos olhares dos outros. 

Jin: ela está  fugindo?! 

Jimin: mas é  claro que está!! - jimin falou indo em direção ao portão, mas parando ao se aproximar. - ah não...  - ele falou e sua expressão  foi de completo desespero.

Jungkook: o que foi Jimin?! 

Jimin: eles... eles as viram... mas elas não  viram eles.. precisamos fazer alguma coisa ou ela será pega novamente!! - ele gritou aterrorizado se referindo aos seguranças que tinham as visto. Logo me desesperei ao notar que o loiro falava a verdade. - eles vão  atrás  delas! Precisamos entrar lá! - o Park fala afoito, logo entrando pelo portão  e correndo na direção  dos segurunças, sendo seguido por todos nós.

Yoongi: Jimin espe... - ele é  enterrompido por um grito da ______. Quando olhamos, eles as tinham pêgo e agora estavam segurando as duas, forçando para que entrasem novamente no lugar.

- EI VOCÊ, SOLTEM ELAS AGORA!! - Jimin hyung grita dando um soco no cara que segurava a mulher desconhecida. 

Corri até ______ e fiz o mesmo com o cara que a segurava, já  estou cansado desses filhos da puta colocando as mãos  na minha garota.

Ele caiu no chão desacordado e eu segutei _____ nos meus braços. Ela começou a tossir, pois ele antes estava a apertando pelo pescoço.

- você  está  bem??! - falei enquanto ela tossia e tentava recuperar o ar.

- estou sim... obrigada.. - ela fala e me abraçando estremamente apertado. - Hori você  está  bem?! - pergunta se referindo à  mulher que estava sendo ajudada por Jimin. 

- estou sim _____, obrigada. E obrigda também sehor... - disse querendo que Jimin falasse seu nome. 

Jimin: .... Jimin. - ele fala e ela sorri. - não  há  de quê. 

Jin: pessoal, é  melhor irmos logo antes mais alguém  chegue... - jin fala e nós  assentimos. 

Corremos de volta até  o carro. já  fora do Manicômio, todos foram abraçar a ______, e inclusive alguns dos mebinos e ela mesma choraram.

Jungkook: ah _____... você  não  sabe o quanto fez falta.. - kook disse enquanto se abraçava a ela, que retribuia fortemente. 

S/n: eu também  senti muito a falta de vocês kookie...

Jin: como você  está  princesa..? - perguntou afagando os cabelos da mesma. 

S/n: bem omma! - ela diz rindo. 

Hoseok: sua desmiolada, quase me matou do coração! Por que não  nos contou que planejava fugir? - perguntou enquanto a abraçava e repreendia ao msmo tempo.

S/n: desculpa hobi... eu não  queria por vocês  em risco. 

Jimin: minha baixinhaa - ele grita enquanto faz uma abraço misto junto com Hoseok e ______, logo Yoongi se junta a eles. 

Yoongi: a próxima vez que encostarem um dedo em você acho que eu do uma voadora... - ele fala e escuto a risada baixa da ______. 

Namjoon: acho que deu minha vez né...  - ele disse dando um sorrisinho fofo e logo a ______ retribui. Ela correu e pulou em seus braços, dando um abraço apertado.

S/n: obrigada Namjoon... por tudo.... - fala e percebo ele a apertar mais. Aquilo me deixou um pouco... eu não  sei... com um pouco de raiva.. sei lá... talvez ciúmes.

Namjoon: de nada minha linda. - ele beija o topo da cabeça dela. - pode contar comigo sempre ok? - ela assente. Ele susurra algo em seu ouvido e ela sorri, logo se separando dele e vindo ao meu encontro. 

Ela inclina a cabeça para o lado e me mostra um sorriso doce, abrindo os braços em seguida.  Eu retribuí  seu sorriso e a carreguei pela cintura, girando-a no ar enquanto a abraçava e ouvia aquela risada gostosa... aquela risada que não  ouvia há  muiti tempo. Coloquei-a no chão, a abraçando normalemnte. 

- eu senti tanta falta disso... - susurrei em seu ouvido.

S/n: disso o que..? - ela devolve o sussurro.

- de tudo... da sua voz, dos seus olhos, da sua alegria, do seu sorriso.... senti falta de você. - falo e sinto ela intensificar o abraço. 

S/n: eu também senti. 

Ficamos alguns segundos apenas nos abraçando. Até  sermos interrompidos. 

MinHori: pessoal, eu sei que.. vocês  estavam com saudade uns dos outros e tudo, mas eu acho que deveriam sair logo daqui... sabe, por precaução, é  melhor irem embora logo... - ela fala e todos nos concirdamos. Parecíamos ter esquecido disso. 

Jungkook: quem é  ela _______? - perguntou um pouco desconfiado encarando a mulher. 

S/n: essa é  MinHori. Ela foi minha psicóloga aqui dentro... ela quem cuidou de mim nos piores momentos... - falou com uma voz um pouco triste e notei que ela olhou de relance para Namjoon, que também  a olhava. Isso me incomoda.... o que ele sabe..? - ela também  se arriscouvpara me ajudar a fugir. - vi um sorriso surgir em sus lábios. - e além  de tudo, ela é  minha amiga. - ela fala e logo a abraça. - obrigado por tudo Hori... 

MinHori: não  foi nada pequena... - ela beija o topo da testa da ______. - agira vão. Saiam daqui. Mantetemos contato, eu prometo. - ala falou sorrindo e deu uma piscadinha pra _____, que riu levemente com o ato da mais velha.

Assim que todos entramos no carro, Namjoon deu paetida e nós  saímos daquele lugar. Após  alguns segundos, senti um clima pesado... como se uma energia negativa aparecesse. Olhei _____ que estava do meu lado observando a paisagem que corria rápido pela janela. 

Silêncio. 

Ninguém  dizia nada... não  faço idéia  do por quê...

Mas acho que... alguma coisa ainda incomodava minha pequena. 

- ei... está  tudo bem? - perguntei alisando seu rosto levemente, pondo uma mecha de seu cabelo para trás  da orelha. Ela sorriu... mas no fundo de seus olhos, vi um pequeno fio de tristeza...

- ta tudo bem sim. ..... - ela fala e recosta a cabeça sobre meu ombro.

Comecei a passar meus dedos por entre aqueles longos fios, desembaraçando cada um deles e sentindo sua maciez sob minha pele... Até  sentir ela suspirar pesado. 

- tem algo te encomodando.... o que foi? - perguntei já  com a certeza que algo a entristecia. 

- tae.... - ela faz uma pausa. - eu queria ver a minha mãe....










Notas Finais


Ai ai.... _____ livre está♡

Gente, no fim dessa semana começam as minhas provas (quinta) e eu realmente vou precisar estudar MUITO, ent provavelmente não vai ter cap nem nessa semana nem na outra (até terça). Mas a boa notícia é que depois disso eu finalmente vou estar de FERIAS!! ent vou me dedicar mais à fic♡♡ estamos chegando na reta final, ent n me abandonem pff♡♡

Obrigada por tudo, eu amo vcs demaiss!! ♡♡♡ até o próximo.♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...