História A Garota Do Capo (JB) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXID, EXO, Got7
Personagens Chen, Hani, JB, Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Kris Wu, Lisa, Moonbin, Rosé, Sanha, Yugyeom
Tags Drama, Got7, Romance
Visualizações 32
Palavras 402
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie💛.


Boa leitura.

Capítulo 5 - Capítulo 5 Cinco.


Até que JaeBum apareceu e me tirou dos braços de Park, transferiu socos em sua face e jogou-o no chão, logo em seguida me abraçou, deixando-me estática. 

-P..Por favor, nunca mais faça isso, me deixa preocupado... 

Não estou entendendo nada. Por que ele se preocuparia comigo? Aliás, nem lhe dei toda essa liberdade de ficar me abraçando. Não estou gostando muito disso.

-O..O que? Ya! Por que estava preocupado comigo e por que está me abraçando? 

-É que... E..Eu... Ah,  desculpa. - Disse e desfez o nosso abraço, percebi que o mesmo estava corado,  e eu não estava diferente. 

-Tudo bem, pode deixar que eu levo ele na enfermaria, aproveito e coloco um curativo em meu braço. E antes que pergunte... Estou bem e ele. - Apontei para Park - Não irá me machucar, tenha certeza,  sei me defender. 

-Tem certeza disso? Não era oquê me parecia aquela hora...

-É que naquela hora, estava em um momento de fraqueza. 

-Hum... Então 'tá. Vou indo,  até. 

-Até... 

Fui até o ser que estava no chão e tentei acordá- lo com tapinhas fracos no rosto. Até que o mesmo acordou. 

-Jay? 

-Hum... M..Mi Cha? Você? 

-Não imagina, é o Obama! Claro que sou eu,  idiota. 

-Nossa,  só fiz uma pergunta. - Começamos a nós encarar. - Me desculpe Mi Cha, eu não queria fazer aquilo,  me perdoe por favor! - Se ajoelhou em minha frente. - Eu imploro! 

-Oh! 'Tá bom, não precisa fazer isso, levante-se. 

-Obrigado! - Falou e deu um sorriso tímido. Mas logo depois,  gemeu de dor. - Aish! Meu rosto! 

-Acho melhor cuidar desses ferimentos logo, venha comigo. 

-Sim... Obrigad..

-Não precisa agradecer. 

Falei sorrindo. 

                                (...) 

Depois de sair da enfermaria,  já tinha batido o terceiro horário. Fui em direção a sala de Biologia e dei três toques na porta,  que logo foram correspondidos com um "Entre". Quando entrei,  a professora me olhou com o cenho franzido e Hani um pouco assustada, enquanto outros tinham um olhar malicioso em cima de mim,  pelo simples fato de estar com os seios quase pulando 'pra fora do uniforme,  odeio olhares assim... Aish!  Por isso que eu usava um suéter... 

-Querida, já faz 7 minutos que a aula começou, onde você estava? 

-E.. Err,  eu estava na direção resolvendo algumas coisas, desculpa. 

-Não tem problema querida,  agora apenas sente- se em seu lugar e pegue seu livro na página 73.

- Sim senhora. 

                                  

 

 


Notas Finais


Bye💙.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...