História A Garota Invisível ( Imagine Yoongi - BTS) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Tags Bts, Suga, Yoongi
Visualizações 146
Palavras 1.011
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


É a quarta fucking vez que eu tento lançar esse capitulinho 🤦🏻‍♀️🤦🏻‍♀️

Hora de bugar!!! 😉

Boa leitura 📖

Capítulo 6 - Selinho


Fanfic / Fanfiction A Garota Invisível ( Imagine Yoongi - BTS) - Capítulo 6 - Selinho

 

BigHit - Sala de ensaio - 02:56 P.M.


 

Sentia cada gota de suor fluir corpo abaixo e molhar minhas vestes, a respiração descompassada como se corresse milhas e milhas para alcançar algo e não alcançado nada, a garganta seca como um deserto, mãos apoiadas em meus joelhos me dando apoio para não cair de cansaço, e a cabeça livre de qualquer pensamento, como se estivesse mergulhado em um mar de esquecimento. Assim me sinto, ao dançar incessantemente por duas horas seguidas, posso até dizer que me sinto uma pessoa liberta de problemas, sejam eles quais forem, mas me sinto desprendido.     

Filmava-mos o Dance Practice da coreografia de DNA, que já se encontrava afamada há alguns meses, desde seu lançamento.

Todos se encontravam sentados naquele chão de madeira clara, recuperando o fôlego da última passada. Os staffs conversavam por detrás das câmeras, discutindo com o coreógrafo, se teríamos que filmar a coreografia outra vez. Eu e, acredito que o restante do grupo, estava rezando para que fossemos liberados, estávamos um caco.

Ainda aguardando a decisão, escuto a porta da sala sendo aberta e duas mulheres entrando nela. A primeira, aparentemente era alguma staff nova ou algo do gênero, não lhe dei muita atenção, já que a outra era ninguém mais ninguém menos que a garota Min. Ela caminhava logo atrás da outra moça que entrou junto com sigo e assim, a acompanho com o olhar, vendo que os meninos ao meu redor, faziam o mesmo.

Me questionava o por que dela estar ali, já que não trabalha na empresa. Paro de dar importância aos meus pensamentos e na moça Min, para escutar as conclusões dos garotos.

-Staff nova? - Jimin sussurra interessado, assim como toda mulher bonita que vê.

-Bonita, não? - J-Hope complementa as conclusões, me fazendo sentir um leve ciúmes, por estar falando da mulher na qual eu estava supostamente me “apaixonando”.

Porém, um súbito pensamento me vem à cabeça, me levando a pensar se eles finalmente a estavam vendo. Cutuco Jin, que estava ao meu lado e ele depressa direciona sua atenção a mim.

-É essa… - escaneio os outros, confirmando se mais alguém prestava atenção em minha fala - É essa a garota que te contei! - ele olha novamente para a moça, que agora se encontrava sentada, novamente, ao lado da nova staff, em um dos sofás que haviam ali.

-A que apareceu em seu estúdio aquele dia? - confirmo sua pergunta, ao balançar positivamente a cabeça - Uffa! Já considerava a hipótese de que você estava enlouquecendo! - colocou a mão em meio a seu peito, em sinal de alívio.

-É Hyung… eu também! - defiro um riso abafado - Me sinto mais aliviado em saber que todos a veem também! - admito, agora escorregando meu corpo ao chão, me levando a relaxar completamente.

“Menos um problema em minha vida!” penso, enquanto devaneio olhando para a luminária simples no teto da sala.

 

Yoongi’s studio - 09:12 P.M.

            

Sentado em frente ao meu computador, repetia os meus atos de alguns dias atrás, e tentava criar algo, mas por incrível que pareça, nada vinha. Pensei que com a aparição de Min a todos os outros membros, eu me sentiria menos louco e conseguiria voltar a escrever, porém vejo que não é assim que a fila anda.

Bati minha testa algumas vezes na mesa, esperando alguma ideia mostrar-se presente, no entanto, outra coisa se mostrou presente.

-Não precisa se martirizar tanto assim Yoongi! - sua doce voz, irrompe no local, me levando estreitar a postura no assento, guiar minha cabeça a tela do computador, mas sem prestar atenção no que estava a minha frente.

-Não vou nem perguntar como entrou aqui, pois ja sei a resposta… - viro a cadeira olhando para ela, assim vislumbrando que seu olhar em mim.

-Pela porta! - Dissemos em uníssono e rimos logo em seguida.

Era confortante olhá-la e não ter medo que fosse um fantasma, ou apenas algo da minha mente. Permiti a mim mesmo, vislumbrar seu rosto e reconhecer o quanto era bonita, com traços leves e finos e um liso e longo cabelo.

-Viu a nova staff, bonita, não? - pergunta me olhando inocentemente com um sorriso singelo, sem emanar um pingo de ciúmes.

-Não consegui reparar muito nela… - ela tomba a cabeça para o lado, mostrando duvida. - Você me roubou toda a atenção! Assim como a dos meninos… - comento enciumado, a vendo franzir o cenho.

-Eles olhavam para ela, isso sim! - gargalha - Também… até eu a olharia… ela é linda! - admite, ainda sem conter ciúme algum aparente.

-Você é mais! - defendo a garota, a vendo levantar do chão onde se encontrava sentada e caminhar até mim, seguidamente se sentando em meu colo.

-Não se fixe muito a mim… - segura minha cabeça com as duas mãos, selando nossos lábios rapidamente - Talvez deva focar em alguém melhor! Ela parece ser uma boa pessoa! - solta um riso nasal e olha para baixo, soltando suas mãos de meu rosto. A encaro, com o cenho franzido, perdido em suas palavras.

“Cheguei perto de me declarar indiretamente a ela, e ela me bombardeia com essas palavras… será que ela já tem alguém?”

Ela levanta de meu colo, repetindo o carinho em meu rosto. Me deixo levar por seu toque macio, e fecho meus olhos para ter mais proveito.

-Min… você… - começo a pergunta, ainda de olhos fechados, mas sem sentir mais seus toques, mas alguém abre bruscamente a porta, sem bater.          

-Falando sozinho Yoongi? - o som da voz de Namjoon realizando tal questionamento, me faz abrir os olhos e procurar a garota, que não estava mais lá. - Quem é Min? Está falando com você mesmo? - zoa, após analisar o estúdio e cegamente, não ver ninguém ali, além de mim. - Já estamos indo para casa, vai nos acompanhar? - confirmo rapidamente e o vejo fechando a porta.

De novo ela havia sumido de repente, sem dizer uma palavra ou fazer um ruído sequer.

“Ele não a viu?”

“ Onde ela está?”


Notas Finais


Espero que tenham bugado pelo menos um pouquinho hahahha

Obrigada (o) por ler

Qualquer sugestão ou dúvida é só comentar ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...