História A Garota Suicida - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Conquista da Honra
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Ameaça, Assédio, Drama, Romance, Suícidio, Suspense
Visualizações 53
Palavras 671
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - De repente é amor?


Fanfic / Fanfiction A Garota Suicida - Capítulo 7 - De repente é amor?

Eu.. Desde que te conheci eu sempre pensava.. Porque eu fico nervosa perto de você? Porque você me faz tão bem? Será que eu te amo? E agora eu sei a resposta pra tudo.. Eu também te amo.. Também sempre te amava, só não conseguia enxergar.. Estava cega pensando que gostava do Matheus.. Mas eu sempre gostava de você.. Então sim! Eu aceito os seus sentimentos.. E também te darei uma chance.. (eu dou um sorriso envergonhado.. Ele retribui o sorriso e me beija novamente.. Dessa vez eu não fiquei tímida eu mostrei tudo que eu sentia naquele beijo.. Eu o beijei a inda mais apaixonada cada vez mais.. Ele colocou a mão na minha cintura fazendo eu ficar mais perto dele.. Para não ter nenhum espaço entre os nossos corpos, eu passo a minha mão em volta da sua nuca.. E a gente decidiu parar, para recuperar o fôlego.. Depois ele passa o braço em volta do meu ombro.. Ficamos um tempo assim, depois resolvemos voltar.. Levantamos e andamos de mãos dadas, até em casa.. Chegando lá a gente se despediu eu dei um selinho e depois entrei em casa toda sorridente.. Subi para o meu quarto, e depois fui tomar um banho.. As vezes minhas costas, meus braços, minhas e todo meu corpo ardeu muito, até chorei de tanta dor.. Depois sai do banho, me troquei e fui me deitar, e recebi uma mensagem do Vinicius, que dizia: oi amor, amanhã passarei aí na sua casa para nós irmos pra escola.. (eu fico feliz e aliviada, por não ir sozinha pra escola..) o respondi: ok, estarei te esperando.. (depois disso deitei e dormi pois eu a inda estava cansada..) no dia seguinte, acordo e vou tomar um banho e novamente meu corpo ardia.. Depois fui me trocar, e ansiosamente esperei o Vinicius, depois de uns 4 minutos, ouço ele me chamar desci correndo e com cuidado para eu não cair..

Eu sai de casa, eu e ele demos um abraço e um beijo gentil.. E depois fomos caminhando de mãos dada.. Alguns minutos se passaram e nós chegamos a escola.. Eu com medo, segurei a mão do Vinicius forte.. (ele me olha me dá um sorriso calmo..) e logo diz: calma, não vou deixar ninguém fazer nada com você.. (com aquelas pequenas palavras já foi o suficiente para eu ficar mais calma.. Um dia eu vou ficar sem o Vinicius, tenho que aprender a me defender sozinha, não posso deixar mais os outros pisar em mim..) depois de alguns minutos pensando nos decidimos entrar na escola.. Fomos os centro das atenções e fiquei muito desconfortada, porque não sou acostumada a ter as atenções das pessoas.. Eu olhei para o Vinicius e ele estava normal, não ficou encomodado.. Eu via as meninas me olhando de cara feia.. E depois entramos pra sala, e algumas horas se passaram fomos pro Intervalo.. Chegando lá dei de cara com o Matheus.. Ele me deu um sorriso diabólico e logo fala: conseguiu se recuperar fofinha, pensei que depois daquilo você a via morrido pra sempre!

Eu fico nervosa e falo sem pensar: seu desgraçado você guase me matou, eu fiquei no hospital em como por sua causa seu infeliz.. Tudo que você me fez passar eu vou fazer com você em dobro seu safado! (ele me empurra na parede e sentir meus pontos rasgando minha pele.. Mais por sorte eles não abriram..) Na mesma hora o Vinicius chegar e fala dando um soco na cara do Matheus: SOLTA ELA SEU DESGRAÇADO! (com o impacto do soco o Matheus cai no chão com a mão a onde ele foi acertado.. Matheus levanta com raiva e zonzo com o soco, tenta acertar o Vinicius.. Mais o Vinicius desvia e dá um soco na barriga de Matheus e ele novamente cai no chão.. E o Vinicius começa chutar ele.. Eu sem o que fazer.. Penso, se o Vinicius continuar ele vai ser suspenso.. Então corri até eles meio atordoada e gritei para o Vinicius parar e logo o Matheus..


Notas Finais


Até o próximo capítulo gente, será que o Matheus fará alguma coisa com a Ana? Só o próximo capítulo vocês poderam ver.. Avisando sairá hoje fiquem ligados!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...