História A gatinha perdida - Imagine Taehyung - Híbrido - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7, HyunA, IKON, IU, Jay Park, K.A.R.D, Mamamoo, Momoland, Monsta X, Neo Culture Technology (NCT), Pentagon (PTG), Red Velvet, Stray Kids, Super Junior, TWICE
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V), Personagens Originais, Taeyong
Tags Híbrido
Visualizações 142
Palavras 1.257
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drabble, Drama (Tragédia), Droubble, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Luta, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi pessoal vocês estão bem? Espero que sim.

Vou postar esse capitulo novo mas talvez eu demore para postar essa semana por conta de trabalho okay?

Quando eu ter um tempinho eu faço um capítulo pra vocês.

Agora chega de enrolação e vamos para os avisinhos que são muito importantes.

❤Avisos importantes❤

💗Nem todo capitulo é grande.

💗Tudo o que há nesse capitulo/Fanfinc é ficção.

💗Pode conter erros de ortografia por conta de não rever o meu capitulo.

............

[Tradução do titulo : Sequestro]


Capítulo +18

Capítulo 15 - 15-Kidnapping


Fanfic / Fanfiction A gatinha perdida - Imagine Taehyung - Híbrido - Capítulo 15 - 15-Kidnapping

[Décimo Quinto capítulo]

Continuação....

Tae : Vou tomar banho - Se afasta de mim indo para seu quarto enquanto eu vou até minha penteadeira pentear meu cabelinho,comecei a pentear ate sentir uma dor forte na minha orelhinha.

 -Aish - Falei com dor e quando fui limpar minha mão por causa dos fios de cabelo vejo sangue.

- Que bosta é essa? - Arregalei meus olhos.

Abaixei minha cabeça no espelho e vejo que minha orelha de gatinho está machucada,e isso me fez lembrar quando eu fui maltratada pelo Tae.

- Tae?- Demora um pouco ele não responde, fui até o quarto dele ouvindo o barulho da água caindo,voltei para meu quarto e peguei um pano colocando na minha orelha.

Começei a sentir uma dor forte mas não sabia por que.

Ding Dong

Desci e abri a porta até ver um homem familiar.

- Oi quem é você?

?? : Seu Appa- Fala com um grande sorriso.

- Você é o meu Appa - Falei me afastando.

?? : Calma filha...Eu não gosto mais de maltratar animais- tentei fechar a porta mais ele abre novamente...o que eu fiz? Sai correndo.

Dei as costas e começei a correr nas escadas...que pareciam mil, meu desespero aumentou então fiquei mais lerda.

Olhei para trás vendo meu Psi se aproximando,dei um grito que era impossível o Tae não ouvir.

Quando cheguei no banheiro peguei as toalhas e voltei para as escadas.

Estava tudo quieto,porta fechada mas...cade meu pai? Olho para os lados mas não o encontro,corri para o quarto do Taehyung e tranquei a porta fui até o banheiro e fiquei batendo.

- Tae!!! abre a portaaa - Ele responde.

Tae : Já estou terminando - Olho para trás e vejo o meu appa subindova escada que dava a janela do Taehyung.

- Tae socorro, me ajudaaaa.- Começo a falar manhosa quase chorando,já sentia minhas pernas tremendo.

Tae : Vai ao seu banheiro S/n!- O "assassino" abriu a janela e deu um sorriso grande.

- Taeeeehyunggg eu vou morrer, taeeee- Ele começa a dar passos lentos se aproximando de mim, olho para os lados vendo um perfume,quebrei a tampa dele e joguei em mim e sim...fui pega.

Taehyung.

Fui tomar banho,tirei minha roupa e entrei no box ligando o chuveiro quente,não pude esquecer de ligar o rádio,começei a bater...fazer uma coisa.(desnecessário?claro mais coloquei do mesmo geito)

Terminei e voltei ao meu banho, não se passou muito tempo consegui ouvir um barulho na porta. Até ouvir a voz da S/n.

- Já estou terminando - Falei pegando o sabonete e passando sobre meu corpo.

S/n : Tae socorro , me ajudaaa. - Fala de um jeitinhi manhosa termino de me enxaguar.

- Vai ao seu banheiro S/n! - Liguei novamente meu rádio pois eu sabia que era coisa de menina.

S/n : Taeeehyyunnggg eu vou morreeeer , Taeeee - Bate na porta, esse "morrer" me preocupou bastante.

Começei a tomar meu banho mais rápido até ouvir um barulho de vidro, arregalei os olhos e desliguei o chuveiro rapidamente me secando.

Começo a me secar rápido e coloquei na minha cintura a toalha, quando abri a porta não vi ninguem.

Apenas cactos de vidro no chão,sai de fininho do banheiro.

- S/n? - Gritei alto para ela me ouvir.

Voltei para o banheiro me trocando.

Ela deve estar desesperada por conta do perfume cair e ela deve ter se machucado.

Sai do banheiro trocado, quando resolvi fechar a porta vejo mãos de sangue por toda porta,parecia filme de terror credo.

Fui ao quarto da S/n não a vendo e quando apareci na escada vejo a porta aberta com a S/n com sangue, ela estava adormecida.

Olho para o fulano mas estava com touca apenas vi seu sorriso sarcastico e ele deu as costas saindo correndo.

Começei a correr atrás dele mais vejo que ele sumiu em um beco, coloquei as mãos na cabeça e lembrei da polícia.

Voltei para casa no mais rápido possível e liguei para a polícia falando tudo o que havia acontecido,me explicaram que vão levar o cachorro para saber aonde o assassino se meteu.

Enquanto isso começei a chorar sabendo que não consegui proteger a S/n,a polícia chega e começa a se espalhar pela minha casa procurando pistas da S/n e do outro cara.

Fiquei sentado apenas chorando sentindo muita dor ao ver a minha bebe no colo daquele homem.

Logo vejo o Jimin,Jin,RM,Suga,Jhope e o Jungkook com sua namorada.

Entraram todos e ficaram me perguntando coisas como :

"O que aconteceu?"

"você está bem?"

"Cade a S/n?"

"Taehyung por que está chorando?"

"Taehyung responde"

- A S/N FOI SEQUESTRADA SATISFEITOS? - ficaram quietos por um tempo.

Jimin : E-eu não acredito - Começa a chorar.

Jung : Não é possível.

RM : A s/n?? Coitadaaa - Falou correndo até a polícia.

Passa-se horas.

Todos os meninos estão dormindo, meu quarto esta trancado por conta dela desmaiar la.

Estou dormindo com o J-Hope,ele que está me ajudando com tudo isso da S/n

- Hoseok não precisa mais ficar acordado por mim.

J-Hope : Não quero deixar você sozinho.

- Dorme que é melhor - Ele se vira e dorme enquanto fecho meus olhos tentando durmir mais não parava de pensar naquela cena.

S/n

Aquele idiota me segura e coloca alguma coisa na minha boca, parece um pano com algum remédio que me fez dormir rapidamente.

Senti um dor forte adormecendo,apenas acordei quando estava em uma sala que o meu pai estava sentado meu olhando era tudo escuro havia apenas uma luz em cima de mim.

- Me solta por favor, pai - Falo chorando.

Pai : Antes, filha saiba que sempre tive um nojo de você.

- Paraaa - Falei chorando até perceber que estava presa.

Pai : Vou te dar um presentinho...mais torce para não ficar grávida.- Arregalei os olhos entendendo tudo.

- Paraaaa!! não ! pai por favor, eu faço o que o senhor quiser.

Pai : Está tarde - Fala subindo em cima de mim.

Pai : Tem sorte que não vai sentir muita dor - Pega uma seringa e aplica no meu braço...minha visão começa a ficar embasada sinto meu corpo voar e diante não senti mais nada.

2 horas de passaram.

Acordei com uma dor bem forte em baixo, começo a reclamar da dor em silêncio até perceber que estou nua.

Meu corpo estava marcado com mãos grandes,começei a chorar até ver meu Pai entrar na sala.

Appa : Preparada para mais uma vez?.

- P-por favor pai - Falei sem forças.

Ele pega novamente a seringa e dessa vez aplica na minha cintura, automaticamente meus olhos se fecham.

1 horas depois.

Appa : Alguem acordou então - Olho para baixo vendo ele entre minhas pernas.

- P-para.

Appa : Consegue sentir?- Coloca mais profundo indo varias vezes que me machucava de mais já sentia o sangue escorrendo,eu estava presa e não conseguia gritar eu só sabia chorar.

adormeci novamente.

1 hora depois.

Acordei novamente nua com mais dor ainda, eu não parava de chorar, eu estava sentindo nojo de mim mesma.

Meu corpo estava molhado de alguma coisa fedorenta e minha orelha ainda sangrava.

- E-eu t-tenho que fugir daqui - Olho para cima vendo a corda, olho para baixo me vendo cheia de sangue.

Me aproximei da corda e começei a tirar com meus dentes, vi que eu tirei e me levantei lentamente pois estava doendo muito.

Vejo minha calsa do pijama e peguei, começo a chorar pois não aguentei a dor, vejo a janela aberta e novamente olho pra a porta.

Pai : Terceiro Roud Bebe - Grita do corredor.

Comecei a andar mais rápido até chegar na janela eu senti novamente uma dor forte.

Pai : Baby?- Abre a porta me vendo na janela, dei un pulo mais eu não havia visto a altura.

Pulei e quando cheguei no chão gritei bem alto.

Minha dor havia aumentado, não conseguia mais andar...eu não sentia mais minhas oenas e meu rabinho? Olho para meu rabinho ele havia cortado um pouco.

Vejo um carro passando e dei dois passos me jogando na frente no carro.








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...