1. Spirit Fanfics >
  2. A grande farsa >
  3. Escola

História A grande farsa - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Escola


Fanfic / Fanfiction A grande farsa - Capítulo 3 - Escola

- Vocês são uns ridículos! - Naruto gritava, irritado. E é claro, os três envolvidos naquilo riam com gosto da sua pequena travessura. Gaara tentava parar de chorar de rir, mas era inútil. Naruto estava com o rosto completamente vermelho, retirando o vestido que usou na festa das garotas e jogando longe, ficando só de cueca e indo se trocar.

Mas, Shikamaru que não era bobo nem nada, sentiu uma pequena lâmpada se projetar acima de sua cabeça. Ele chamo Itachi e Gaara para perto, contando-os seu plano. Suas expressões foram mudando conforme ele contava seu grande plano.

- Só se for agora! Ei, Naruto! Vem cá!

O garoto já vestido de sua regata laranja, chegou irritado até eles.

- Que é? - Shikamaru o puxou para um abraço por cima de seu ombro, sorrindo para ele enquanto os outros dois tentavam conter o riso. - Olha só, você vai fazer uma pequena viagem pra casa dos seus pais essa semana, tá?

- Quê? Mas por quê? Mamãe não me quer lá tão cedo, a gente brigou. 

- Ah, mas ignore isso! Acontece que sua prima vai passar uns dias na sua escola...

A ficha caiu. Naruto se soltou de Shikamaru e tentou correr para longe, mas este o puxou pela barra da regata. - NÃO, NÃO DÁ! ISSO VAI DAR MERDA, PARA SHIKAMARU!

- Ah, qualé! Até parece que não vai gostar disso! Deixa o resto com a gente, beleza? Vamos falar com a diretora e explicar a situação. Você vai ser uma estrangeira que quer muito uma semana de experiência na escola do Japão!

Naruto já chorava, enquanto os três batiam palmas e davam risadas.

--------------------------x-------------------------

Passado alguns dias, a nova semana se iniciara. Os três, fora Naruto, foram atrás de tudo necessário para forjar a ausência de Naruto que foi para a casa de seus pais para uma reunião de familia e dos documentos falsos para Naruko. No grande dia, conseguiram o uniforme feminino e a deixaram com a mesma aparência do outro dia, com suas grandes maria-chiquinhas loiras. Agora, Naruko estava emburrada, acompanhando a diretora Tsunade pela escola, lhe explicando o sistema educacional do país e os predios escolares.

- Ali é o prédio de esportes. Temos todos os materiais necessários para basquete, futebol, vôlei, tênis, corridas e etc. Deste outro lado... - Durante sua caminhada, vários garotos passaram por elas e ficaram encarando Naruko. Ela se sentiu incomodada com aquilo, provavelmente eles queriam puxar briga. Depois da diretora lhe explicar toda a escola, ela lhe levou até uma das salas de aula, onde iria ficar. E para piorar, era justo a sala onde a maioria de seus amigos e conhecidos estavam, inclusive as garotas. E Sakura. Iruka estava escrevendo no quadro quando reparou que alguém havia aberto a professora. Quando viu a diretora, ele sorriu.

- Ora, mas que surpresa, diretora! Por favor, entre. Pessoal, silêncio! - Ela entrou, e logo o ar mudou e as conversaram pararam. Ninguém certamente a desafiaria. Apesar de ter entrado sozinha. Ela começou a rir.

- Vamos, Naruko! Não precisa ter vergonha. - E, claramente odiando estar ali, entrou a garota. Todos olhavam abobalhados para ela, principalmente os garotos. As meninas ficaram animadas por alguns segundos, mas quando viram o quão os garotos prestavam atenção, ficaram tensas.

- Pessoal, esta é Naruko Uzumaki! Ela é estrangeira, apesar de falar muito bem nosso idioma. Vamos, se apresente, querida.

Naruto engoliu em seco. Tentou afinar o máximo possível para sua voz não ficar estranha, e conseguiu imitar uma voz feminina. Falava devagar e com vergonha.

- O-Oi, pessoal. Me chamo Naruko, eu gosto de lámen instantâneo. D-Digo, gosto de livros e de maquiagem! Sou prima do Naruto, provavelmente o conhecem e... - Alguém se levantou com violência. Kiba parecia puto da vida.

- O QUÊ? UMA BELEZINHA DESSA PRIMA DAQUELE PALHAÇO?! - Naruto sentiu uma veia crescer em sua testa, se controlar para não arrancar os dentes daquele selvagem. Os garotos entraram em concordância, fazendo algazarra.

- SILÊNCIO! - Gritou Tsunade, e assim se fez. Naruko continuou, um pouco mais firme.

- Meu primo não é nenhum palhaço. É muito melhor do que vocês, e se não gostaram, me encontrem depois da aula! - Por alguns momentos esqueceu seu lado feminino, mas Tsunade gostou de seu lado forte, e assim a deixou escolher um assento. Sentou do lado de Shikamaru, por motivos óbvios. Ele tentava não rir ao máximo.

Durante a aula, a garota jurava que tentava prestar atenção máxima na aula, mas era difícil quando havia uns 15 garotos olhando para você. Já estava suando de medo imaginando se alguém descobrisse. Aquilo já estava começando a irritar as meninas da sala, também. Shikamaru mandou um bilhete para ela, e ela o abriu curiosa. Estava escrito " não ferra com tudo, tente se acalmar e seja feminina ". Era fácil pra ele falar!

- Professor! - Sakura chamou atenção. Todos olharam para a garota, que ergueu sua mão bem alto. Iruka se virou para ela.

- Sim, Sakura?

- Pode pedir para os garotos pararem de atazanar Naruko? Isso está atrapalhando ela e a nós que tentamos nos concentrar.

- Tá, certo. Quem ficar encarando a aluna nova vai para a diretoria! Agora é hora de aula, então vamos. Ou também passo lição de casa!

Naruko sorriu para Sakura, essa que retribuiu com um belo sorriso. Seu coração falhara algumas batidas. Depois da aula, Naruko saiu junto a elas, tentando se enturmar. Mas elas iriam para o vestiário, então era melhor seguir sozinha ou teria que tirar suas roupas e estragar o disfarce. Esperou próximo a porta do lado de fora do vestiário enquanto elas se trocavam, alguns garotos foram até ela. Eram desconhecidos mas Naruto já tinha os visto pela escola. 

Eram uns cinco, e um deles, que era até bonito, relutou para sair do meio deles. Ele a entregou uma carta.

- O-Oi, Naruko, não é? Eu sou Tadashi, líder do clube de futebol. Tava pensando se não quer sair comigo...

- Não. - Naruko entregou o envelope para ele, e todos a olhavam boquiabertos. As garotas saíram do vestiário com suas roupas casuais.

- Aconteceu alguma coisa, Naruko? Quem são esses?

- Vamos, galera. - E eles saíram. Naruko contou para elas enquanto tomavam o caminho para casa, Ino riu.

- Esse idiota do Tadashi! É um pegador, mas não sabe beijar.

- Ino! - Sakura e Hinata falaram, mas riam. Ino deu de ombros. Naruko riu sem graça, desejando que aquela semana acabasse logo.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...