1. Spirit Fanfics >
  2. A Guardiã (Hot Lésbico) >
  3. Amigas?

História A Guardiã (Hot Lésbico) - Capítulo 19


Escrita por:


Notas do Autor


Boa Leitura Meus Cheiros ❤️✨

Capítulo 19 - Amigas?


Continuação...

Cristal

Estava na minha sala vendo alguns papéis como tô dia, a Gabi chegou na minha sala e a gente ficou conversando por um bom tempo, até a gente se despedi e ela ir embora nessa mesma hora a Roly entra na sala falando que descobriu tudo eu já fiquei nervosa

Cristal: oque você estar falando Roly (levantei)

Roly: eu sei de tudo, que a Pietra não e filha do Jorge e como você pode fazer isso comigo

Cristal: calma Roly, eu ia te conta eu só tava esperando o momento certo

Roly: o momento certo séria qual, quando a Pietra fizesse 20 anos pra você me falar que me traiu

Cristal: como?

Roly: porque não me falou nada, e com quem foi?

Cristal: assim (fiquei aliviada) foi um deslize eu acabei me envolvendo com um cara ai e me engravidei e foi só uma noite com o verdadeiro pai da Pietra, a um ano atrás ele morreu, por favor não conta pra ela sobre isso (tive que mentir)

Roly: tá, eu não vou contar pra ela, mas pera você me traiu?

Cristal: claro que não, isso foi depois da gente se separar, só você que me traiu nessa história

Roly: quantas vezes eu vou ter que te falar, que eu não trair você que foi aquela louca que me beijou a força

Cristal: chegar dessa história Roly, não adianta chorar pelo leite derramado agora eu sou mãe casada tenho uma família eu tô seguindo enfrente (ela me pagou pelo braço e me botou bem perto do seu corpo)

Roly: olha pra mim, você ama de verdade o Jorge? (Ficamos cara a cara)

Cristal: sim, eu amo ele (olhei pra sua boca)

Roly: para de mentir, eu sei que você senti alguma coisa por mim mais do que pelo Jorge

Cristal: eu não sinto mas nada por você Roly, só entendi isso (ela me soltou e eu me sentei) eu te amei, mas acabo

Roly: eu te amo, e aqui dentro mim nada mudou por você, mas eu tô ficando cansada der te amar (fui embora)

Sair da sala da Cristal e fui pro quarto da Caloy ela abriu a porta e eu abracei ela, eu parecia uma criança chorando em seus braços eu não conseguia me reconhecer

Pela manhã...

Cristal

Passei a noite em claro pensado na Roly no que eu falei com ela, eu não fui sincera sobre a Pietra e muito menos com os meus sentimentos, mas eu não posso largar tudo por ela e se a gente não dê certo de novo não quero me arriscar mas oque eu sinto por ela não muda, fui até a janela e fiquei olhando pra fora perdida em meus pensamentos mas eu tenho que acorda pra realidade, nessa mesma hora a Gabi pareceu em meu quarto me chamando pra gente caminhar eu me troquei e fui com ela até a cidade

Gabi: então a Roly está de Volta

Cristal: pós e

Gabi: e você oque esta achando de tudo isso, de você ver ela todos os dia (risos) (empurrei ela com meu ombro de leve)

Cristal: (risos) ah gente anda brigando muito, mas do que quando a gente era casadas pra falar a verdade

Gabi: sabe oque isso é

Cristal: oque?

Gabi: isso é amor, e não tente me enganar eu sei que você ainda ama a Roly, do mesmo jeito que amava ela lá atrás

Cristal: não tem como mesmo enganar você (risos)

Gabi: não mesmo (risos) mas falando sério, porque você não fica logo com ela

Cristal: eu não posso da noite pro dia, acabar com a minha família por causa da Roly ela me traiu

Gabi: Eu tenho certeza que ela não te traiu, eu via como ela te olhava e não era um olhar qualquer, e ela não teria coragem de trair você isso tudo foi armação daquela cobra e só você não ver isso

Cristal: e por quê você não viu o amor da sua vida aos beijos com outra, aquilo foi muito difícil pra mim

Gabi: sei que foi, mas eu sei que ai dentro de você não mudou nada, dá uma chance pras vocês duas e pra Pietra também, ela precisa saber que o Jorge não e o pai dela e sim a Roly que a segunda mãe dela

Cristal: agora não e o momento pra eu conta isso pra ela, eu sei que a Pietra vai fica magoada comigo e a Roly não vai querer nem olhar na minha cara, preciso de mais tempo

Gabi: conta no seu tempo, não precisa ser agora mas um dia você tem que conta a verdade pra elas

Cristal: realmente

Gabi: você vai fazer o seguinte, hoje você vai bota a sua melhor lingeri e vai atrás da sua lobinha (risos)

Cristal: (risos) você estar louca

Gabi: e sério (risos)

Cristal: oque eu faço com o Jorge (risos)

Gabi: espera ele dormir, e vai atrás dela (risos) eu acho tão fofa vocês duas (fomos abraças caminhando até a academia)

Cristal: você e maluca (risos)

...

Estavamos voltando pra academia com Gabi, chegando a gente segui caminho diferente e fui pro meu quarto no meio do caminho eu vejo a Roly sentada em um banco, eu fui atrás dela quando eu estava chegando mas perto dela a Caloy apareceu e se sentou do seu lado mas mesmo assim eu fui lá

Cristal: Oi Roly, a gente pode conversar (olhei para Caloy) a sós

Caloy: eu já estava de sair, tchau Roly (te dei um selinho)

Roly: até Caloy (ela foi embora)

Cristal: vocês duas estão namorando?

Roly: infelizmente não, se for só isso acho melhor eu ir (me levantei)

Cristal: (peguei na sua mão) não e só isso, eu vim conversar um pouco com você (me sentei no banco) a gente só briga

Roly: hum

Cristal: senta por favor (ela se sentou do meu lado, a gente ficou um bom tempo em silêncio) você tá tão diferente

Roly: você também, e não tô falando só do lado de fora

Cristal: (peguei na sua mão e olhei em seus olhos) Roly ontem quando eu falei que não te amava eu menti, porque mesmo depois de todos esses anos e da "traição", eu ainda te amo do mesmo jeito de antigamente

Roly: primeiro, não trair você eu juro, eu também te amo vamos recomeçar do zero, eu, você a Pietra deixa aquele idiota só fica comigo

Cristal: e se a gente não dê certo de novo, tenho medo te arriscar de acabar com a minha família e você me machucar de novo (Roly ficou em silêncio até ela solta um suspiro)

Roly: então, acho melhor a gente deixar como está, você segui com sua família e eu sigo com a minha vida, eu não quero te machucar outra vez, vamos ficar na amizade

Cristal: isso que você quer? (Olhei pra ela)

Roly: amigas?

Roly

Estendi minha mão até ela, ela ficou me olhando sem falar nada até ela me abraçar e começa a chorar ficamos um bom tempo abraças, até a gente se separar ficando com o rosto bem próximo uma da outra, ela segura meu rosto até se aproximar e encostar seus lábios ao meu, me beijando lentamente senti suas lágrima ela se afastou eu limpei suas lágrimas e ela se levantou e se foi sem dizer nada eu só fiquei ali igual uma idiota vendo ela ir

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...