1. Spirit Fanfics >
  2. A história da anja da escuridão >
  3. Nico, o garoto meio gato

História A história da anja da escuridão - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Nico, o garoto meio gato


Fanfic / Fanfiction A história da anja da escuridão - Capítulo 3 - Nico, o garoto meio gato

Eu não consegui dormir de tanto pensar neste assunto. Para aonde minha mãe foi? Será o mundo dos anjos obscuros? Tipo da escuridão que nem eu?

Espero encontrar-la. Eu preciso de respostas! Amanhã vou perguntar ao Akira.

- Não dormiu nada, né? - Falou uma pessoa do nada.

- Ah! Que susto! Sim.. - Falei após me assustar.

Woww! Aqui também tem semi-humanos assim?? Gostei! Bem.. o Akira não havia me contado como era os outros seres daqui. Esse garoto tem cabelo meio azulado e olhos azuis.

- Acontece. Meow. Opa, Desculpa. Sou Nico, humano meio gato. É. Vim para cá por ser assim. - Disse o garoto com um jeito meloso.

Ele está agindo meloso que nem gato e nem percebeu.

- Que fofo. Sempre quis ver um assim. Posso tocar nas suas orelhas?? - Perguntei fixando meu olhar naquelas orelhas fofas.

- Ain, todo mundo quer fazer isso. Tá bem. Qual seu nome? - Permitiu e disse ao mesmo tempo curioso.

- Sou Mayara, anja da escuridão. - Respondi enquanto mexia naquelas orelhas.

Ele é tão fofo!!! Adoro gatos!! Mas errr.. vou me controlar.

- Wow. É raro anjos da escuridão aqui. Ahh!! M-Minha orelha. Ficarei mais sensível..!! - Falou o garoto quase gemendo.

- Oh, céus!! Me desculpa!! Não quero te assanhar. - Falei retirando a mão e corei demais.

- Tudo bem. As vezes sou irresistível por ser um neko. - Disse ele corado.

- Hummm... o que fazem os dois sozinhos? - Disse Kazuo aparecendo do nada.

Eu e Nico gritamos assustados.

- Nada!! - Disse nervosa.

- É!! Ela só fez carinho nas minhas orelhas!! - Confessou Nico.

- Ata. Eu ouvi gemidos. Com isso, pensei.... Deixa quieto isso. Vampiros podem ouvir de uma distância incrível. Hehe... - Falou ele nervoso.

- Ah.. Ok. Mas não fizemos nada demais. - Falei séria.

Nico ficou de braço cruzado, fazendo uma pose fofa.

- Aww Nico!! Que fofinho! - Falei com fofura.

- Coitado... Todo mundo adora gatos. - Disse Kazuo rindo baixo.

- Desculpa Nico. Denovo agi impulsiva. - Falei envergonhada.

Depois paramos e conversamos normal.

- Ainda acordados? Óbvio, Seres da noite, noturnos, uma anja da escuridão e um gato. - Falou Akira aparacendo do nada também perto de nós com um olhar emburrado.

- Ahh!! Denovo! Não bastava o Kazuo e tu faz isso! - Falei assustada.

- Mania. Fazer o que Mayara? Somos seres especiais, sobrenaturais, etc. Ainda que somos noturnos. - Disse Nico após rir.

- Sim. Mas então? O que a senhorita e o gatinho fazem acordados? Já são 3 horas da manhã! - Disse Akira rude.

- Calma! A Mayara não conseguia dormir. Ela estava tendo insônia ou pesadelos. Ai estou conversando ela. - Nico falou a verdade.

- Sim, mestre. Eu estava... - Adimiti.

- Entendo. Ok. Mas se quiser fale também comigo, ok? Vão dormir logo. - Disse calmo e com ciúmes.

E depois saiu do quarto.

Enfim, conversei mais com Nico até cairmos no sono.

Foi legal conhecer o Nico. Além de ser um semi-humano.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...