História A história de Azume - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 4
Palavras 530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Essa é a primeira vês que eu posto uma istória minha, então se gostarem digam se não gostarem digam também, estou aberta a sugestões

Capítulo 1 - Capítulo 1


 Sou considerada estranha por muitos dos meus colegas, toda escola tem aquela gatota que a isolada que todos ignoram, ninguém quer por perto e essa sou eu Azume Yochida Tanaka moro em Hirochima  tenho 15 anos,  mês que vem Fasso 16 n estou muito animada afinal vai ser só mais um dia comum 

Eu estava na escola quando começou a chover, eu estava perto da janela olhando pro lado de fora vendo a chuva cair. Eu estava tão  destraida com a chuva  que o professor  me chamou dua vezes eu  só escutei na terceira vês, todos olharam para mim, odeio quando olham desse jeito para mi, o professor pediu para eu ler uma página do livro de biologia, peguei o livro e comecei a ler.

A aula acabou, eu estava no caminho de casa quando eu vi uma caixa de sapato com um guarda-chuva pequeno por sima   para não  molhar, fui até la para ver o por que daquilo, quando cheguei la olhei o que tinha dentro da caixa e tina um gatinho dormindo todo encolhido, n pensei suas vezes, queguei ele e o levei para casa. 

Chegando la entrei em casa e persebi que ainda n tinha ninguém, amo ficar sozinha em casa, fui para o meu quarto coloquei o gato dentro de uma caixa q avia no meu quarto fui para o banheiro tomei banho daí vesti uma causa de moletom e minha plusa da nirvana, desci para comer quando minha tia chegou. 

- seu tio ainda não chegou 

Ela pergunto 

-  não, ainda não 

Eu respondi 

- vc fez todas as tarefas de casa e da escola? 

Ela pergunta com a cara de bunda dela 

- sim

Eu respondi olhando  para o celula. Ela me da um tapa na cara, e diz:

- olha para mim quando eu falar com você, sua bastarda,  vc me irita tanto, sua infeliz, você n devia ter nascido, n te seporto, vc e uma vergonha para a minha familha, vou te colocar numa escola interna pra n ter q ver esse sua cara ridícula. Suma da minha frente.

Eu estava encarando ela escutando tudo aquilo tentei não chorar na frente dela, mas n consegui, eu estava com muita raiva, com muita vontade de quebra a cara dela, mas eu me segurei, quando ela mandou eu sair da frente dela eu saí correndo e chorando para o meu quarto, pulei na cama e fiquei la uns 3 segundos, chorando de tanta raiva, me levantei peguei minha lâmina  e comecei a cortar meu antebraço tentei procurar os lugares  onde não tinha cortes mas n tinha então  comesei a corta o outro que ainda tinha lugares sem cortes.

Só assim eu posso aliviar aminha dor e raiva sem machucar  ninguém 

Depois que eu tinha cortado eu fui lavar os meus antebraços quando  sai do banheiro , avia um garoto sentado na minha cama eu levei um susto e deu um grito, corri dessendo as escolas gritando, não avia ninguém em casa minha tia avia saído, eu ouvi passos, tinha alguém dessendo  as escadas, quando olhei era um lindo garoto dos olhos azuis, cabelos brancos, 1,87 mais ou menos, pele clara. era o garoto que estava sentado na minha cama



Notas Finais


Por favor me digam se ficou bom


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...