História A História De Um Agente Secreto Chamado Eric - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Aventura
Visualizações 1
Palavras 404
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Luta, Policial, Romance e Novela, Shounen
Avisos: Estupro, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - O dia chegou


Fanfic / Fanfiction A História De Um Agente Secreto Chamado Eric - Capítulo 6 - O dia chegou

14/08/2017 - Centro de preparação militar no Amazonas-  Dormitórios 

Beep-Beep

''É o alarme''

Beep-Beep

''Não quero levantar''. Eric passou boa parte da noite acordado por ansiedade.

-Levanta - diz Joaquim.

-Não, obrigado.

-Vamos perder a avaliação - lembrou - era que horas lá mesmo?

-Porra- percebera - a avaliação

-Olha a boca.

-Vou tomar um banho rapidão e já vamos beleza?

-Pode ser.

Depois de tomar banho, Eric e Joaquim caminharão até o ponto de encontro junto com o restante do pelotão. O sargento Oliveira estava animado de costume.

-Bom dia senhores!!!!!- dize ele.

-Bom dia senhor- respondeu o restante do pelotão

-Hoje, lhes foi dito, ser dia da 1° fase de avaliação - começou ele - , mas é necessário perguntar, quem tem interesse em fazer a avaliação?

Cerca de 4 pessoas acenaram - sendo essas 4 pessoas: Eric, Joaquim e outros dois Pedro e Antônio - o restante dava em 9 pessoas.

-Os que não tiverem interesse - retomou o sargento - voltem aos dormitórios e esperem até 2° ordem - e assim o fizeram - o restante venham comigo

Depois de alguns instantes, Joaquim se aproxima de Eric

-Estranho não? - perguntou ele - desbandam todos ... mas isso não importa, o que importa é que achei uma garota da sua idade que quer ficar com você. O que me diz?

'' Ele não pode nem sonhar que sou tímido pra [palavrão]  ''

-A-acho que agora não é o tempo certo - dize Eric tentando disfarçar.

-Você é tímido pra [palavrão] né?

-C-como adivinhou?

-Seu rosto é como um livro.

Chegaram em uma clareira no meio da floresta. Lá havia várias pessoas. Eric relacionou o fato de ser uma avaliação nacional, com a quantidade de pessoas.

-Façam o check dos seus nomes naqueles formulários ali. - e apontou em uma espécie de posto improvisado.

Os 4 foram até lá e esperam a sua vez na fila

-Joaquim de Souza Alves, assine aqui - dize o secretário - e pegue o equipamento ali - apontando para um caixote

-Eric da Silva Pimentel, assine aq.. mas você é uma criança!! - surpreendeu-se - Ei Rosi ! Uma criança.

--Que estranho - concordou Rosi.

-Está bem então, vá ali e pegue seu equipamento.

Eric foi até onde o secretário mandou e pegou uma P12 silenciada de airsoft e granadas de fumaça. Segui Joaquim até onde parecia ser o local onde seria feito o  anúncio.


Notas Finais


Não tenho a menor ideia de como é na vida real, tudo aí é licença poética


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...