História A história de uma lésbica... - Capítulo 3


Escrita por: e Myia_chan22

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 21
Palavras 1.378
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpa a demora , eu tive uns probleminhas ...🙂

Capítulo 3 - Conflitos?!


Fanfic / Fanfiction A história de uma lésbica... - Capítulo 3 - Conflitos?!

 Chega a hora do intervalo . Ando em direção a porta, encontrando minhas amigas.

Elas tiveram que resolver algumas coisas que envolviam os clubes delas, e como não faço parte de nenhum clube, fiquei uma parte do recreio andando pela escola.

Estava vagando pela escola, quando vejo Aiko sentada em banco perto de um Ypê rosa. 

Aiko estava admirando aquele Ypê. Ela estava muito fofa, querendo ou não.

Decido me aproximar e falar com ela, queria que nos tornemos amigas.

Jenny- Lindo, não é?

Ela se assustam um pouco com a minha fala. Faz sentido, ela não tinha me visto ali, mas mesmo assim responde.

Aiko- A-ah, sim! São lindas.

Jenny- Aliás, prazer! Me chamo Jenny (falo estendendo a mão para ela).

Aiko- Prazer, Aiko!

Me sento no banco, ao lado dela .

Jenny- Posso te chamar de Aoi?

Aiko- Pode! E eu posso te chamar de Jye?

Jenny- Pode! 

Ficamos conversando e nos conhecendo ali no banco, perto do lindo Ypê.

Tínhamos muitas coisas em comum, e percebi que  virariamos amigas bem rápido, se dependesse, até melhores amigas...sei lá.

Ficamos conversando até o sinal bater. 

E eu confesso que gostei bastante dela .

Ela é fofa, engraçada, divertida e certamente, tímida . 

Fomos juntas até a sala , lado a lado . 

Eu mal pude tentar entrar na sala , que Cindy já vem correndo em minha direção. 

Cindy - Quem é essa daí ? Sua namorada ? Vocês ficam muito fofas juntaaas !!! ( fala enquanto olhava para gente com seus olhos azuis claros brilhando) .

Aiko certamente corou na hora .

Jenny - Ai , nem posso mais andar com uma garota que ela já virou minha namorada! (Se bem que não seria tão ruim assim...)

Cindy - Ahh , vai que  é eu não tô sabendo ! ( fala cruzando os braços e fazendo bico ) .

Tenho que admitir que estava bem engraçado, então, começamos a rir.

Depois disso tudo , nos sentamos em nossos devidos lugares .

A aula estava tediosa e chata como sempre.

Só estava vendo o rélogio fazer " tic tac , tic tac " .

Eu so queria ir embora . 

Pov's  Aiko 

Desde o início da aula , eu só consegui reparar em uma aluna em específico. 

Depois , fui descobrir que ela se chama Jenny . 

Sim , eu sou lésbica. 

Eu de início já achei ela bem atraente , bonita e fofa.

No intervalo , ela chega até mim e começamos a conversar.

Até que temos bastante em comum . 

Sou tirada de meus pensamentos com alguém me cutucando e vejo que é Pedro.

Pedro -  Ei , psiu!!! Toma . ( fala sussurando e me dando um papel ) .

Eu abro o papel e começo a ler : 

"Aiko , fique um pouco mais no final na aula . Quero lhe contar uma coisa ". 

Eu vou aceitar, né ? Ele só quer me falar uma coisa mesmo .

Depois de muito tempo a aula finalmente acabou .

Arrumei meu material e esperei todo mundo sair da sala. 

Pedro me puxou pelo braço em direção ao canto da sala e me prensou na parede . 

Aiko - Oq v-você está fazendo ? 

Pedro - Aiko , você quer ficar comigo ? 

Aiko - Q-que ? Desculpa m-mas eu não posso...

Pedro - E eu posso saber por que não?

Aiko - É-é que... e-eu ... sou ... l-lésbica.

Vejo que sua face mudou e virou com uma cara de ódio ou/e nojo e logo em seguida , colocou um sorriso malicioso em seu rosto. 

Pedro - Ah , mas relaxa , eu te tiro essa "maldição" .

Logo em seguida ele coloca minhas duas mãos ao alto da minha cabeça e segura elas .

Com sua outra mão foi tocando em meu corpo por debaixo da roupa.

Aiko - P-pa-paraa !! 

Eu tentava de todos os jeitos tentar acerta-lo com chutes , mas não adiantava nada que eu fazia .

Ele apenas olhou para mim e riu . 

Pov's Jenny 

Assim que saio da sala de aula , eu vejo que Aiko e Pedro ainda estão nela.

Tem alguma coisa estranha , isso eu sei .

Quando estava prestes a sair da escola , vejo que esqueci meus fones . Como eu posso ser tão burra ? 

Então, eu volto e subo correndo para não perder tempo.

Assim que chego perto da sala, escuto vozes e consegui indentificar direitinho de quem era .

Decido abrir a porta rapidamente. 

Assim me deparo com Aiko e Pedro.

Jenny - Mas que caralhos está acontecendo aqui ? ( falo com a voz levemente alterada ) . 

Pedro - Nada que te enteresse . 

Olho para Aiko e vejo seus olhos cheios de água . 

Jenny - Oque você fez para ela ? ( falo com meus olhos se direcionando para ele ) .

Pedro - Como eu disse , nada que te interesse. 

Eu cheguei perto dele e lhe dei um tapa. 

Pedro - Você está louca ? ( ele tira as mãos dela e vem em minha direção) .

Jenny - Não, por que estaria ? 

Pedro - Ah , sua... sua... vagabunda. 

Jenny - Pelo menos, não sou eu que estou abusando de uma garota ! 

Ele vem em minha direção e tenta me dar um soco , mas consigo desviar.

Depois eu dei um soco nele e dessa vez , ele conseguiu acertar seu soco em minha barriga. Meu ponto fraco.

Jenny - Ora , seu...

Eu consigo dar vários tapas e socos em sua cara . 

E ele consegue me arranhar , deixando um rastro vermelho  meu braço . 

Aiko- P-parem!

Assim que Aiko falou isso, eu parei na hora.

Aiko- V-vamos! (Aiko disse me puxando para fora da sala) . Obrigada por me defender ...

Jenny- Ah, não foi nada! Na verdade, ele estava te abusando, não tinha como fazer nada!

Aiko- S-sim...mas vamos esquecer disso!

Jenny- Se você quer...

Aiko estava com sua blusa meio rasgada e dava para ver metade de seu sutiã. 

Eu retiro meu casaco e do para ela.

Jenny - Aqui , toma. 

Aiko - A-ah , obrigada. 

Aiko - B-bem , podemos ir para minha casa e lá você pode descansar .

Jenny - Por mim tudo bem .

Ao longo do caminho fomos conversando até chegar na casa dela. 

Aiko - Chegamos ! ( Fala apontando para uma casa logo na nossa frente) .

Jenny - Seus pais estão?

Aiko - Não, meus pais só chegam à noite . ( Fala girando a chave e logo em seguida abrindo a porta ) .

Aiko se joga em um grande sofá .

Aiko - Vem , senta logo.  

Me sento ao lado dela .

Aiko -  Você está bem vermelha por causa da briga...

Aiko - Mas não se preocupa, eu pego uma bolsa de gelo para você. 

Jenny - A-ah , okay , obrigada. 

Aiko - Aliás, você quer algo para comer ? ( fala se levantando do sofá ) .

Jenny - É... ficar naquela confusão me deu fome... 

Aiko rapidamente pega a bolsa de gelo e vem até mim se sentando ao meu lado.

Aiko - B-bem , recomendo que fique com ela na cabeça . 

Jenny - Obrigada ! ( falo dando um sorriso para Aiko , que no mesmo estante fica corada) . 

Derrepente sinto uma dor forte na barriga , bem no local onde Pedro tinha me dado um soco ) . 

Jenny - Aiii ! ( falo colocando meu braço em volta de minha barriga ) .

Aiko - O-oque aconteceu ? Onde está doendo ? 

Jenny - Na hora da briga o Pedro me deu um soco na barriga , onde é meu ponto fraco . 

Aiko - Ai meu Deus ! Calma ai ! ( falou indo em direção ao corredor e subindo as escadas ) . 

Depois que ela desceu as escadas , veio em minha direção e com umas duas almofadas .

Aiko - Aqui , levanta a cabeça e depois deita na posição mais confortável que conseguir. 

E assim eu fiz , deitei na posição mais confortável que consegui. 

Aiko - Agora espera um pouco que eu vou fazer algo para a gente comer . 

Jenny - O-okay , só não quero incomodar muito você , me desculpe . 

Aiko - N-não, tudo bem , eu que peço desculpas .

Logo em seguida recebo uma ligação da minha mãe.  

Jenny - Alô ? 

Nayon - Filha ? 

Jenny -  Oi mãe, fale . 

Nayon - Filha , preciso te dizer uma coisa.

Jenny - Oq mãe? .


...






Notas Finais


Espero q tenham gostado e desculpa a demora...😊

🌸 Desculpa qualquer erro aí 🌼


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...