1. Spirit Fanfics >
  2. A História Nunca Contada (Sasuke Uchiha) >
  3. Preliminares e Possível Possessão

História A História Nunca Contada (Sasuke Uchiha) - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpem a demora, mas aqui estou eu, escrevi com muito carinho e dedicação, espero que esteja ao agrado e me digam o que acham!
Beijos e boa leitura!

Capítulo 10 - Preliminares e Possível Possessão


Em nenhum momento, o chakra escuro, ou a expressão mal humorada saiu de seu rosto, mas piorou.

 Sasuke se irritava cada vez mais que aparecia ninjas querendo tirar S/N de seu colo.

 Sua carranca só desapareceu quando finalmente a deitou no colchão da enfermaria, onde várias enfermeiras foram ao seu encontro.

– Por favor, preciso que se retirem imediatamente, iremos fazer uma série de exames. - Um médico de jaleco, anunciou para o trio de Genins, e para o Jounin, entrando no quarto ajeitando as luvas.-

– Se você…- O Uchiha foi cortado por uma mão em seu ombro.-

– Vamos, Sasuke. - O Hatake falou.- Eu agradeço.

 Saíram, e o Uchiha se livrou bruscamente da mão em seu ombro.

– Ela vai ficar bem, não é? - Sakura perguntou, nervosa.-

– Claro que sim, dattebayo! Nem mesmo o inferno a colocaria por tanto tempo parada, não mesmo, dattebayo. - O Uzumaki tentou a animar, mesmo que por dentro, não acreditava em suas próprios palavras.-

– Vamos logo, está quase na hora. - O moreno falou ríspido.-

 Saiu na frente, indo em direção a arena, onde todas as equipes residiam.

 Quando estavam um atrás de sua equipe, o Hokage, Hiruzen começou a falar.

– Antes de tudo, sei que passaram por muitas coisas, por isso, quem não se sentir apto a cumprir os ideais do Exame Chunin, por favor, peço que se retire imediatamente.

 Em meio aos murmúrios, vários ninjas levantaram as mãos, e saíram da arena.

– Eu também desisto! - Kabuto levantou a mão, e junto dele, sua equipe, saíram do local.-

 "Esse Kabuto, não me passa muita confiança, dattebayo." Concluiu sério. "Quando onēsan acordar, vou contar tudo a ela!"

 O terceiro Hokage, começou explicando, e logo após seu grande discurso, deu a palavra ao Jounin no meio da arena.

– Eu sou Hayate, serei o seu instrutor, como sabem, teve mais participantes do que o planejado, então isso será uma preliminar.

 Começou a explicar, que os nomes seriam sorteados, e aparecerão os nomes no enorme telão, no topo da arena, enquanto, ao lado do Hokage, vários Jounins residiam observando.

 Poderia tudo, mas não matar, se precisasse, os ninjas médicos estariam a postos.

– Sasuke-kun, você deveria desistir, pode ser desqualificado do Exame. - A Haruno tentou convencer o Uchiha a desistir.-

– Não! Eu tenho que fazer isso, nem você e nem ninguém vai me impedir. - Afirmou cuspindo as palavras.-

 Ambos faltam baixo, com medo de Naruto ouvir, Sasuke não queria que o companheiro ficasse preocupado.

 Mas, Naruto estava com os pensamentos distantes, pensando, em várias coisas, todas interligadas, em um raciocínio tão complexo que nem mesmo um Jounin conseguiria acompanhar.

 Estava preocupado com a irmã, não sabia o que iria acontecer, e isso o deixava nervoso.


 Após todos os avisos e regras, foi ordenado que cada equipe subisse em direção às arquibancadas e esperasse pelo sorteio.

 Quando menos perceberam, dois nomes apareceram no grande telão.


Yoroi Akado VS Sasuke Uchiha

 

 O Uchiha desceu da arena, pronto a lutar, sendo acompanhado pelo ninja de Konoha, como parecia ser.

– Isso vai ser interessante…


 Cansado, Sasuke estava muito cansado, sua luta foi desgastante.

 A marca tentou tomar posse de seu corpo, mas com muito esforço, conseguiu contê-la, o que deixou o Hokage muito surpreso.

 Deu um pequeno sorriso ao time, quase caiu, se não fosse por Kakashi, que o segurou, enquanto ainda lia seu livro.

 Quando o ninja médico ia pegar o garoto, o Jounin foi mais rápido.

– Esse aqui é demais para você, deixe-o comigo. - O médico concordou, então o Hatake ajudou o moreno a sair do meio da arena.- Ei, vamos.

 O Uchiha, andou atrás do Jounin, cambaleando, mas continuou o seguindo.

 Entrou em uma sala escura, e encarou seu sensei, sem entender nada.

– Agache, preciso que fique ajoelhado. - O platinado falou calmo.-

– O que vai fazer?

– Se acalme, e agache, preciso selar esta marca. - Explicou, nervoso.-

 Mesmo desconfiando, se agachou, e seu sensei mandou retirar a blusa, e o fez.

 Viu o Hatake morder o dedo, e usar o sangue para escrever símbolos em toda a sua pele.

– Fuujahoun: Selo De Contenção Da Marca Da Maldição! - O Jounin gritou.-

 Imediatamente, o Uchiha gritou de dor, mas logo então, desmaiou.

– Interessante. - Falou lambendo o lábio.-

 Kakashi virou assustado, mas entrou em modo de combate.

– Pare. Não se aproxime! - Ameaçou.- E não me importa se você é um dos lendários Sannins de Konoha, eu juro…de  mais um passo em direção ao Sasuke, e um de nós vai morrer aqui!

 Mas para sua surpresa, o homem de cabelos longos e negros, começou a rir sem parar.

– Pobre Kakashi, os seus nobres esforços, todos em vão. - Falou com um olhar selvagem.-

– O que? - Questionou confuso.-

– Você acredita mesmo que o selo funcionará? Acha que pode mantê-lo longe…do que realmente deseja? - O homem perguntou rindo.- Você sabe que eu tenho razão, o coração como o dele…com uma fome por uma determinada coisa, não pode ser negada. Não importa quantos obstáculos você ponha em seu caminho, ele é um vingador, não é?

– Você acha que pode tirar vantagem disso? Não com o Sasuke. - Afirmou, como chidori ativado na mão.-

– E porque acha isso? - Questionou divertido.-

– Porque ele tem a mim, tem ao Naruto, Sakura, e a S/N também! - Afirmou convencido.-

 Orochimaru mais que nunca, riu alto, com a última fala do Jounin.

– Tem a certeza disso? - Deu um sorriso maleficamente.-

– Eu…o que você fez? - Questionou arregalando os olhos, e baixando a mão com o chidori.-

– Digamos que, ela e Sasuke tem algo em comum. - Se virou para sair.-

– Eu vou matar você! - Jurou.-

– Ah, se você conseguir me matar! 

 O Sannin saiu pela porta rindo, como nunca riu na vida.

 "Que os próximos dias sejam tão interessantes quanto este!" Orochimaru pensou.


– O vencedor é Shino Aburame! - Hayate gritou para o público.-

 Shino lutou contra Zaku, cuja recuperou apenas um de dois braços quebrados.

 Por ter um buraco em suas mãos de onde saia o som, Shino colocou seus insetos lá dentro, fazendo pressão e uma mini explosão dentro do braço.

 Nomes começaram a girar no telão, os Genins prenderam as respirações, então dois nomes surgiram na tela:


Misumi Tsurugi VS Kankurou No Sabaku


 A luta não durou muito, Misumi tinha a habilidade de deixar seus ossos flexíveis, logo então enrolou Kankuro, que se revelou ser um boneco, nominado de corvo.

 Lutou e ganhou de Misumi, o deixando inconsciente.

– Como pensei, eles vão dá trabalho, que problemático. - O Nara suspirou.-

– Bom, nada a fazer. - O Hatake surgiu atrás de seus alunos.-

– Kakashi-sensei! - Exclamou Naruto e sakura.-

– Como ele está? - A rosada perguntou aflita.-

– Bem na medida do possível, não se preocupem.

– É, aquele teme é duro na queda, dattebayo! - Sorriu.-

– Isso é um alívio! - Sakura suspirou mendo nervosa.-

 Em pouco tempo, os nomes tornaram a girar, e exclamações de surpresas puderam ser ouvidas.

– Sakura, se eu fosse você, não ficaria tão aliviada. - Kakashi a respondeu.-

– Huh? Por que? - Questionou.-

– Olhe você mesma. - Apontou.-

 A mesma se virou, notando os nomes em cor verde.


Sakura Haruno VS Ino Yamanaka


– Boa sorte Sakura-chan! - Naruto desejou.-

 Ambas as adversárias desceram da arquibancada, e se encararam.

– Eu nunca pensei que te enfrentaria, Sakura. Nem pensei que aconteceria tão rápido, mas não espere que eu vá facilitar!

 "A Ino se destacava entre os ninjas menores, mas com a Sakura, será que ela vai conseguir lutar?" Asuma Sarutobi, pensou atrás de Chouji e Shikamaru.

– Com tantos oponentes, tinha que ser logo com a Sakura? Que desastre.

– Eu sei, espero que a Ino se saia bem. - O Akimichi desejou.-

– Todos esperamos. - Asuma falou.-

– VAMOS SAKURA-CHAN, GANHE DELA, DATTEBAYO! - Naruto tentou encorajar.-

– Comecem! - Hayate anunciou.-

 Sakura logo foi para cima tentando dar um chute, mas Ino se esquivou por baixo e tentou lhe socar, mas foi impedida pela mão da Haruno que a segurou.

 Ao se distanciar, Sakura tentou jogar três kunais, Ino pegou uma e a jogou contra a outra que via em sua direção.

– Ah não, eu sabia. - Lamentou Chouji.-

– Tenho certeza que Sakura-chan vai ganhar essa!

– Meu senhor mais que idiota! - Shikamaru reclamou.-

– Do que é que você me chamou? - O loiro perguntou.-

– Se quer fazer algo faz direito!

– Então quer dizer que é só isso? - Naruto desviou a atenção para Neji.-

– Ah Neji, não é porque são garotas, é porque elas estão usando luvas como garotas, não importa se são homens ou mulheres em batalhas. - Respondeu Tenten.-

– Ha? Usando luvas, dattebayo? 

 Enquanto isso, na arena, Sakura e Ino lutavam arduamente, sempre lutando em Taijutsu.

 Ino conseguiu socar o estômago da rosada, que deixou uma brecha, e quanto a loira ia socá-la, acabou vendo uma Sakura de cinco anos, e então parou, e lhe bateu na face.

 Ambas as equipes das duas soltaram exclamações surpresas.

 E então, Sakura de repente lembrou, de um dia, em uma aula para pequenas Kunoichis.

 Foi o dia em que Ino a ensinou a fazer um belo arranjo, e também, foi o dia em que ela a protegeu de três garotas.

– Olha só, escuta Ino. Eu não vou lutar com você pelo Sasuke! 

– O que foi que você disse? - Perguntou.-

– Eu não sou mais uma menininha frágil, e você não é o tipo do Sasuke, você não é mais meu exemplo, Porca!

– O que? Você está ouvindo as bobagens que está dizendo, Testa de Marquise!

– Você ouviu isso? A Sakura-chan realmente provou a Ino, nunca a vi tão furiosa, dattebayo!

– É, só que Sakura não faz afrontas desnecessárias usando seu poder para magoá-las, mas também não gosta que a Ino sinta pena dela e controle seus golpes.

– Então sou só um botão que não floresceu…- A rosada murmurou, entrando mais uma vez em uma memória distante.-

 Então se lembrou daquele mesmo dia, em que Ino a chamou de botão, um botão que ainda não floresceu, e então lhe contou que achava triste os botões que não florescem.

 "Ino, eu sempre tentei viver a minha vida como você me disse a muito tempo! Eu achei que se me esforçasse o bastante eu passaria de ser um botão que nunca floresceu. Então eu me inspirei em você, porque eu queria ser como você, você me impulsionou a seguir em frente, e é por isso que eu consegui chegar tão longe, é por isso que estou aqui hoje, mas agora eu quero que você não se reprima, chegou a hora de eu enfrentar você!" Amarrou a bandana na testa, e a Yamanaka arregalou os olhos.

– O que está acontecendo? - Naruto perguntou.-

– Como assim? - Kakashi perguntou, não entendendo a pergunta do Uzumaki.-

– Por que elas só ficam se encarando, dattebayo?

 "Ele não percebe que ele faz a mesma coisa quando enfrenta o Sasuke." Riu.

– Bom Naruto, a rivalidade é um assunto muito complicado, não é a minha especialidade. 

 Então, se lembrou de quando contou a Ino que entrou na equipe do Sasuke, onde foi fundada a rivalidade entre as duas.

 Ino sorriu, e fez o mesmo que Sakura, logo se encararam profundamente.

 "Dessa vez vamos fazer o certo, sem repreensão, uma luta justa, e eu vou ganhar!" As duas pensaram.

 Ambas as duas correram em alta velocidade, e os punhos se encontraram.

Sakura fez selos, e apareceram dois clones do seu lado.

– Sakura, isso aqui não é um teste de graduação! - Riu.-

 "Se eu olhar bem, consigo saber qual é a verdadeira."

 "Vou concentrar chakra nos pés para aumentar a velocidade."

 Tanto a rosada, quanto suas clones aumentaram a velocidade, deixando Ino confusa.

 Acertou um soco no rosto da loira, que cambaleou.

– Agora a coisa vai ficar séria. - Asuma falou.-


– Como ela está? - Perguntou.-

– Melhor do que quando a trouxeram, isso eu posso afirmar. - O médico falou para a jounin.-

– Tsk, aquela cobra. - Anko suspirou.- Se algo a mais acontecer, me avise. - Se preparou para atravessar a porta.-

– Ah, mais uma coisa! - O homem falou.-

– O que? - Perguntou se virando.-

– Bom, parece que esta Marca da Maldição, é pior do que a do Uchiha, é mais complexa, não conseguimos contê-la, ela começou a hiperventilar, e…

– E? - Anko incentivou o médico a terminar a frase.-

– Ela ficou murmurando…coisas, da quais não gostaria de lembrar.

– Que coisas? - Perguntou já nervosa.-

– Daquela noite, na noite da Lua de Sangue. - Tremeu.-

– Entendo…- Suspirou, saindo.- Obrigada.

 "Preciso avisar o Hokage."


 Tanto Sakura, quanto Ino, se encontravam desacordada no chão.

 Sua luta foi muito longa e complicada, dando várias reviravoltas e várias surpresas, Ino acabou ficando com o cabelo curto, usando-o para prender Sakura  no seu jutsu de transferência de mente, e como ambas estavam exaustas, acabaram desmaiando.

– Já não era hora. - Sussurrou Temari.- Isso foi um saco.

– Muito bem, que a quinta luta seja iniciada! - O instrutor falou.-

 Nomes e mais nomes foram aparecendo, até os outros dois aparecerem.


Tenten VS Temari No Sabaku


– Que os jogos comecem! - Temari sorriu.-


– A vencedora da luta é Temari No Sabaku! - Hayate anunciou.-

 Tenten estava em cima do leque da loira, desacordada.

 Em um descontrole, Lee foi em direção a Temari, mas foi impedido por Gai.


 Lutas e mais lutas, Gaara achava isso um tédio, e sinceramente, não ligava, a única coisa que queria, era sair dali.

 Quando tentou se distanciar do grupo, foi em direção a enfermaria, tentando encontrar S/N, não obtendo sucesso.

 Enquanto se seguia sua busca, ouviu sussurros, e foi em direção, vendo dois Chunins conversando muito baixo, e se aproximou para escutar.

– Você ficou sabendo? - Um Chunin de cabelos azuis perguntou.-

– O que? - O outro de cabelos verdes questionou.-

– Parece que, Wolf-sama foi atacada, e não está nada bem. - Suspirou.-

 Gaara, ao ouvir o nome da mesma, prestou mais atenção.

– E quem foi o idiota que tentou a atacar?

– Orochimaru. Pelo visto, ela estava bem cansada para conseguir lutar com ele, e desmaiou justo quando encontrou a equipe do irmão dela, onde reside o Uchiha.

– Minha nossa, como será que ela está? - O esverdeado perguntou.-

– Nada bem, além de desmaiar, ela acordou no meio de uma luta cansada e ainda teve que conter e impedir o Uchiha de matar todo mundo, e chegou aqui com uma aparência terrível. Eu sinto muita pena.

 Continuaram a conversa, e Gaara, ao ouvir tudo o que diziam, sentiu um ódio crescer em seu peito.

 – Eu preciso, de sangue. - Sussurrou.-


 Várias lutas foram realizadas, Shikamaru VS Kin, onde o Nara havia ganhado.

 Naruto VS Kiba, onde com tamanha facilidade, Naruto havia ganhado.

 Neji VS Hinata, onde Neji ganhou, mesmo tendo que ser contudo por vários Jounins para que não matasse a prima.

– Eu não gostaria de estar no seu lugar, Chouji. - O Nara comentou.-

– Não fale isso! - Ino comentou.-

– Mas é a mais pura verdade, só restaram os durões! - Esclareceu.- Eu não gostaria de enfrentá-lo. - Apontou para Dosu.- E tem aquele Rock Lee, ele parece ser forte.

 Observou, e a loira e o Akimichi, seguiram o olhar.

– E tem aquele Gaara, de Suna, eu não lutaria com ele, na verdade, eu não ficaria no mesmo quarto que ele. - Olhou para o ruivo que acabara de chegar.-

 Ao se sentir observado, o ruivo encarou Shikamaru, seus olhos frios e vazios, agora repletos de ódio descomunal e muita raiva acumulada.

– -Começou a tremer- Acho que eu não estou bem, talvez seja melhor eu desistir da luta agora.

– Por que? Você sabe que se você vencer eu vou te levar para comer churrasco. - O sensei do time 10, Asuma Sarutobi, falou.-

– O que? Por favor….

– Chouji, não se preocupe, se as coisas ficarem sérias, vamos interromper a luta que nem fizemos com a Hinata. Está bem? Pense nas costelas assadas e as…- Asuma continuou falando.-

 "Pegou ele no ponto mais fraco." Ino pensou, pois tanto ela quanto Sakura, acordaram a pouco tempo.

– AGORA SIM! - Chouji gritou mais empolgado.- TUDO QUE EU QUISER COMER, MANDA A VER!

 Em outro lugar, Gaara, olhava para o nada, apenas pensando, desejando, ansiando, derramar sangue.

 Seu olhar estava mais duro e gélido do que nunca, e isso não passou despercebido por Kankuro.

 "Essa não, eu conheço esse olhar." O cara pintada engoliu seco.

 "Posso sentir o seu desejo de sangue." Temari tremeu no lugar.

– Eu estou curioso sobre esse tal de Neji…é, isso pode funcionar. - Kankuro começou a deslocar de lugar.-

– Onde você pensa que vai? - Temari perguntou.-

– Vou dar uma voltinha, volto já!

 Andou em volta da arquibancada, desceu a escada, e subiu outra escada, indo para a outra arquibancada.

– Ei, você! - O Sabaku chamou o Uzumaki.-

– Huh? - Saiu de seus devaneios.-

– O que faz aqui sozinho? Cadê os seus amigos? - Perguntou sorrindo.-

– Hum, e você com isso? - Virou o rosto emburrado.-

 "Hora, tocante." Debochou.

– Me conte mais sobre esse Neji, tenho a impressão de que não vimos toda a extensão de seu poder, qual a história dele?

– Eu vou pulverizá-lo, essa é a história dele, dattebayo! - Ergueu o punho.-

– Tudo bem, mas eu não me referia a isso.

 "Cara, esse idiota não está no nível dele."

– -Sorriu- Sabe, você parece um cara legal, gostei de você!

 E então, o loiro abaixou o punho, e deu um sorriso debochado, que surpreendeu o cara pintada.

– Bom, não me leve a mal, mas eu não gosto de você, dattebayo. - Cuspiu as palavras, parando de sorrir.-

 "Esse tampinha está frito." Kankuro amaldiçoou.

 Uma tosse atraiu a atenção de todos os presentes.

– Agora iremos dar continuação, as lutas.

– É isso aí, agora com certeza, escolherão você, está preparado? - Gai perguntou a seu aluno mais dedicado.-

– Não. Já esperei tempo demais, tanto que quero que seja o último!

 Nomes girando, pessoas observando, e Lee nem ligando.

 Quando os nomes pararam, Gaara colocou os dedos a frente do rosto, e a areia veio até ele, e então ele se teleportou para frente da arena.

– Que venha a luta. - Falou.-

– AAAAAH, SALVO DE NOVO! - O Akimichi gritou aliviado.-

– Chega! - Ino bateu na cabeça dele.-

– Quer que todos saibam que é um covarde? - O Nara também o bateu.-

 

Gaara No Sabaku VS Rock Lee


 – Ah, Lee! - Sakura olhou horrorizada para o de cabelo de tigela.-

– Ah, foi como mágica, eu sabia que se pedisse para ser o último, meu nome logo sairia. É claro que eu não queria ser o último.

– Agora escute bem o meu conselho antes de começar, está vendo aquela cabaça? Tem algo estranho nela!

– Bom conselho sensei!

 "Tomara que o Lee fique bem!" Sakura pensou.

 "Ele está preocupado com o que tem dentro da cabaça?" Kakashi pensou com uma gota na cabeça.

 Lee deu um salto, e pousou a poucos metros do ruivo.

– Eu sabia que cedo ou tarde nós nos enfrentariamos, e ainda bem que é cedo.

 Gaara apenas o olhou com a mesma expressão séria

 "Ele tem os pés rápidos, mas o chute não é tão bom." Temari debochou

– Não sei que golpes aquele de cabelo idiota tem, mas nunca derrotara o Gaara, nem em outra vida. - Kankuro falou.-

– Errado. - Respondeu Naruto, se lembrando da luta entre Sasuke e Lee.- Lee é mais forte do que pensa, você não tem ideia, dattebayo.

 Lee então, segurou algo que vinha em sua direção, e a soltou, uma rolha.

– Por que a pressa? - Perguntou.-

– Se estiverem prontos, comecem. - Hayate falou.-

 Lee saiu em disparada, tentando acertar o adversário.

– Furacão de Konoha! - Chutou, mas foi impedido por, areia.-

 E esta mesma areia, tentou acertar o de roupas verdes.

 "Então era isso que ele carregava dentro da cabaça." O Hatake pensou. "S/N, você se meteu num grande problema."

 "Um jutsu que usa a areia? Não vai ser fácil, mas quem arrisca não petisca!" Lee pensou determinado.

 Tentou inutilmente várias vezes tentar acerta-lo, mas a areia defendia o ruivo, que nem se movia, e ao mesmo tempo atacava Lee.

– Ele está usando a areia como escudo. - O Uzumaki analisou.-

– Não, a areia o protege por vontade própria, quase como se estivesse viva, e ele não faz nada, por isso ele nunca se machuca, ninguém nunca conseguiu alcançá-lo, ninguém nunca conseguiu tocá-lo, bom, além dela ninguém. - Se lembrou de S/N abraçando o ruivo.-

 "Como ele faz isso? Ele nem se mexe!" O de cabelo de tigela pensou frustrado.

– O que foi? Isso foi tudo? Espero que não tenha acabado de me divertir, ainda não tivemos bastante…sangue

 E então, a areia foi em direção ao de roupas verdes, e então agarrou a sua perna, causando um desespero em Lee.

 Lee foi sacudido e arremessado na parede, onde ficou ali, recuperando o fôlego, e logo tentou atacar.

– Ele só está usando Taijutsu, será que ela não vê que não vai funcionar, por que ele não usa Ninjutsu? - A rosada, com as roupas amassadas e cortes no rosto da luta, perguntou.-

– Digamos que, ele não tem nenhuma habilidade ou aptidão, com Ninjutsu ou Genjutsu. - Gai explicou simplesmente.-

– Está brincando? - Perguntou aflita.-

– Deveria vê-lo como era inútil quando o conheci, ele não tinha nenhum talento.

– Nem dá para acreditar. - Sakura sussurrou, observando os golpes do de roupas verdes.-

 Chutou a areia, e foi arremessado no chão e preso, bom, foi isso o que o público pensou, incluindo Gaara.

 Pulou e girou até a enorme estátua em frente ao telão, parando em cima dela.

– Um ninja que não consegue fazer Ninjutsu ou Genjutsu é uma raridade, e alguns podem considerar isso uma grande desvantagem, mas é isso que o torna um grande vencedor. VAI LÁ LEE, ACABA COM ELE! - Levantou um polegar.-

– Mas Gai-sensei, o senhor falou que só era para usar no caso de uma vida estar em perigo. - Tentou argumentar,  falando um pouco alto pela distância.-

– É isso mesmo, mas essa é uma pequena exceção! - O homem e falou.-

– Sério? SÉRIO? - Perguntou animado.-

 Logo tratou de sentar onde estava, e tirou as meias laranjas, revelando pesos de tornozelos.

– Pesos de tornozelos? Que fora de moda, que coisa mais antiquada. - Temari reclamou.-

– Ah, muito melhor, agora posso me mover com liberdade! - Sorriu animado.-

 "Ah por favor, acha mesmo que pode passar pela defesa do Gaara se livrando de um par de pesos?" A loira pensou debochada.

 Mas, interrompeu seus pensamentos, ao ver o estrago que os pesos haviam feito ao atingir o solo, uma grande onda de poeira subiu, e o chão rachou.

 Exclamações surpresas puderam ser ouvidas de todos os lados.

 Mas então, o de roupas verdes se movimentou, mas dessa vez, ninguém podia acompanhá-lo, e quando Gaara menos percebeu, a areia se ativou para protegê-lo.

 Não conseguia ver os movimentos de Lee, era impossível, só ouvia sua voz o provocando, e a areia se movimentando para defender dos chutes e socos.

– Como percebi que ele não havia dotes para Ninjutsu ou Genjutsu, então pulamos isso e aperfeiçoamos seu Taijutsu, e então, ele acabou se transformando no maior especialista de Taijutsu do mundo! - Gai explicou.-

 Antes mesmo de terminar sua frase, Lee foi por cima de Gaara, chutando sua cabeça fazendo Gaara pongar a cabeça.

 Mas não acabou com os ataques, um chute ali, outro soco lá, nunca cessava.

 E então, parou a sua esquerda, atravessou o escudo, e socou o rosto do ruivo, mas o soco foi tão forte, que o ruivo foi arremessado e caiu no chão.

– Oh oh. - Kankuro tremeu.-

– "Oh oh" mesmo. O seu amigo de olho pintado não é forte o bastante para os golpes do Lee, dattebayo!

– Não foi isso que eu quis dizer garoto. - O cara pintada falou.-

 E então, Gaara levantou a cabeça, revelando grãos de areia que caiam de seu rosto, como uma armadura.

– Huh? Esse cara é feito de areia, dattebayo? - Perguntou.-

– Não é isso, é uma armadura, como uma última defesa, caso passe a barreira dele, ainda tem a armadura. - Kankuro explicou.-

– Huh, esse cara é demais, até armadura? Ele não tem fraqueza? - Perguntou de propósito.-

 "Se o conhecesse, na realidade, a armadura é o próprio fraco dele, já é impossível ultrapassar a defesa de areia, ele usa a armadura como último recurso, sem contar na grande quantidade de chakra que ele precisa para manter a armadura no seu lugar." Pensou suspirando e explicando para si mesmo.

 A razão de Naruto fazer a pergunta de propósito era exatamente isso, aprendeu com sua irmã, a pessoa só para pensar, muda a circulação de chakra e sanguínea, e se prestar bastante atenção, cada uma delas corre de uma maneira, cada gota de sangue, cada célula do chakra faz um som muito baixo, esses sons são códigos, que para desvendá-los, precisa de muita prática e estudo. Se conseguir entendê-los, você consegue ler os pensamentos de qualquer um, e foi isso o que o loiro acabara de fazer, e soltou um pequeno sorriso ao descobrir o pequeno segredinho de Gaara.

 "Gaara deve saber da pressão, para recorrer a armadura, isso significa que a coisa vai ficar feia." A irmã mais velha pensou temerosa.

 "Como eu imaginei, seu demônio interior despertou." Baki, sensei do time de Suna, pensou.

 "Faz muito tempo que eu não vejo esse olhar." Kankuro engoliu seco, mas logo pensou. "Ele está assim desdeque ele voltou, será que"

 Lee parou, e pensou, então começou a correr em volta de Gaara, que apenas observava.

– Bom, o que está esperando? - Perguntou.-

– Foi você quem pediu!

 Chutou por baixo, fazendo o ruivo voar, e continuou o chutando, até estarem a mais de cinco metros do chão, continuou o chutando, e então, as faixas de suas mãos, prenderam o ruivo.

 Lee começou a girá-lo, enquanto caiam.

– Lótus Primária! - Lee gritou determinado.-

 Ambos atingiram o chão, causando um estrago, Lee estava ajoelhado, e Gaara deitado no chão.

 Lee começou a comemorar, igualmente seus companheiros.

 Hayate foi até o meio para enfim determinar o fim da luta, pelos menos, tentou.

 Quando menos esperavam, a pele de Gaara começou a rachar, até se desfazer, e revelar uma casca oca de areia.

– O que? - Lee se perguntou abismado.-

– O que, quando ele fez isso? - Gai perguntou.-

– Quando você fechou os olhos para rezar, Lee também fechou por causa da dor, e então ele fez. - Kakashi respondeu sereno.-

 E então, Gaara surgiu atrás de Lee, com um rosto medonho, e rindo maldosamente.

– Essa não, então aconteceu de acordo como eu esperava. Aquele olhar, só pode significar que o demônio despertou. - O cara pintada falou muito assustado.-

 A areia atacou Lee, o fazendo cair, e então, veio uma onda de areia, da qual o cabelo de tigela desviou com dificuldade.


– Você sabia do Exame Chunin que está acontecendo em Konoha, Itachi? - O ninja renegado, de pele azul, e rosto parecido ao de um tubarão perguntou.- Soube que seu irmãozinho estará lá.

– Não aparecerei em Konoha. - O Uchiha respondeu.- Pelo menos não agora.

– Então pretende aparecer por lá? - Kisame o companheiro de Itachi, perguntou.-

– Talvez, tenho que ver o Sasuke, e uma velha conhecida também. - Respondeu.-

– E você vai…- Parou de falar com o olhar do Sharingan em sua direção.- Tudo bem, parei.


 Lee estava muito cansado, havia aberto quatro Portões.

 Portões? São oito no total, Os oito portões são 8 tenketsu específicos do sistema de circulação de Chakra, cada portão tem um nível de dificuldade maior que o outro, sem contar que os danos no corpo aumentam consideravelmente, em troca de dores horríveis o usuário ganha atributos assustadores como força, velocidade e etc.

 Os Oito portões internos é uma técnica proibida, o motivo é bem simples, um usuário dos oito portões que tenha um intenso treinamento é capaz de abrir o sétimo portão e continuar vivo com danos extremos em seu corpo, caso o indivíduo tente abrir o oitavo portão que é chamado de "Portão da morte" ele simplesmente morrerá.

 Lee já havia aberto o primeiro, o Portão da Abertura, o segundo, o Portos da Cura, o terceiro o Portão da Vida, e o quarto o Portão da Dor.

 "Se eu quiser vencê-lo, preciso fazer mais que isso, preciso me esforçar." O de cabelo de tigela concluiu.

– O quinto portão: O Portão do Fechamento, Abra! - Gritou.-

 Sua pele, antes alaranjada, quando abriu o terceiro portão, agora estava em vermelho, agora mais rápido e forte do que nunca.

 Voou em direção a Gaara, distribuindo chutes em todas as direções, se sem os pesos já era difícil vê-lo, agora era impossível, estava mais veloz, mais forte do que nunca.

 "Nenhum ser humano pode se mover dessa forma." Gaara pensou, ainda recebendo golpes.

 " mais um pouco!" Lee implorou a si mesmo, não aguentava mais, seus músculos doíam.

 "Minha armadura não vai aguentar, ela vai rachar!" Pensou.

 Bateu no solo já danificado pela luta longa e difícil.

 Ficou deitado, com a armadura rachando e se desmanchando, e em um momento, também arremessou Lee ao outro lado da arena, o deixando incapacitado de se mover pelo grande esforço e chakra perdidos ao abrir os portões.

 Pensou seriamente em parar por ali, mas uma voz soou em sua cabeça, e já sabia de quem era.

– "Mate-o, vamos, o mate, desconte sua fúria, libere seu ódio. Derrame o seu sangue, faça-o sofrer, assim como todos que ousaram tocá-la, mate ele, ali mesmo, está tão frágil, como um inseto, o mate, esmague, destrua, vamos, DERRAME O SANGUE DELE!" - Shukaku dizia, mandava ordens para Gaara, que as cumpria com um sorriso no rosto.

 Sua mão foi em direção a Lee, que o observava, Gaara moveu os lábios, e Lee, conseguiu entender o que ele dizia, arregalando os olhos com isso.

 Mas sua surpresa foi substituído por outra, quando o ruivo fez um único selo e gritou.

– Caixão de Areia!


Notas Finais


_Erros de Gravação_

– Agache, preciso que fique ajoelhado. - O platinado falou calmo.-

– O que vai fazer?

– Te estuprar que não vai ser. - Kakashi respondeu rindo.- Droga, a gente pode fazer de novo?

– Corta!


– Você acredita mesmo que o selo funcionará? Acha que pode mantê-lo longe…do que realmente deseja? - O homem perguntou rindo.-

– Na realidade eu não sei, no anime, o selo não funciona, ele foge, faz muitas cagadas e tal, e aqui o selo pode muito bem funcionar mas nós não sabemos pois Lívia-sama ainda não nos mostrou o roteiro, então eu realmente não sei! - Respondeu.-

– -Silêncio- Acho que vou buscar um pouco de calmante! - A diretora falou se levantando.-


– Sakura, se eu fosse você, não ficaria tão aliviada. - Kakashi a respondeu.-

– Huh? Por que? - Questionou.-

– Por que se eu tô falando que não é para ficar, então não é para ficar caramba!


[...]Ino conseguiu socar o estômago da rosada, que deixou uma brecha, e então a socou no rosto.

– Ino! Era só um tapa, não um soco! - A Haruno falou massageando o rosto.-

– Desculpe, não resisti, pelo menos agora, Sasuke-kun achará você menos atraente do que antes! - Riu.-

– Eu vou pegar você, Porca! - As duas começaram a trocar tapas, até serem separadas por Shikamaru.-

– Enquanto as duas estão brigando pelo "Sasuke-kun"...- Fez voz fina.- Ele está bem ali!

Então as duas olharam para o lado, e viram não só Sasuke, como Gaara conversando animadamente com S/N.

– SASUKE-KUN! - Choramingaram.-


[...]Amarrou a bandana na testa, e a Yamanaka arregalou os olhos.

– O que está acontecendo? - Naruto perguntou.-

– Elas bão fazer macumba! - Chouji respondeu.- Tomara que tenha um lanchinho!

– Corta!


– Ela ficou murmurando…coisas, da quais não gostaria de lembrar.

– Que coisas? - Perguntou já nervosa.-

– Gays, copulando, yaoi radical! - O médico respondeu, e Lívia desabou de rir na cadeira.-

– DEIXA ASSIM! - A diretora falou.-

– Não! - Weslley falou.-

– Por que não? - Perguntou.-

– É muito pesado Lívia-sama!

– Idaí? Ninguém liga! - Tentou dizer.-

– Eu já disse que não Lívia-sama! - O Weslley bufou.-

– Não acredito que estou obedecendo meu próprio empregado!


– Bom, não me leve a mal, mas eu não gosto de você, dattebayo. - Cuspiu as palavras, parando de sorrir.-

– Aí que orgulho da minha cria! - Iruka fingiu limpar uma lágrima.-


[...]Uma tosse atraiu a atenção de todos os presentes.

– Agora iremos dar...-

– CORONA VÍRUS! - A diretora chegou com uma máscara com filtro e litros de álcool em gel passando diretamente nas mãos do Hayate.- Está dispensado!



[...]– "Se o conhecesse, na realidade, a armadura é o próprio fraco dele, já é impossível ultrapassar a defesa de areia, ele usa a armadura como último recurso, sem contar na grande quantidade de chakra que ele precisa para manter a armadura no seu lugar." Aí, perdi o fôlego falando assim - O cara pintada falou se jogando no chão.

– Para de preguiça!


– Itachi, seu lindo, vamos comer dangos? - A diretora perguntou.-

– Já estou lá! - Correu em direção a saída do sete de filmagens.-

– Tô indo comer minhas crias, CUIDADO COM O CORONA VÍRUS!


– Caixão de Areia!

– Mais um capítulo completo! Agora nós vamos...- Rosnados, tanto de Kurama quanto de Shukaku foram ouvidos.- Matheus, já alimentou as bestas esfomeadas?

– Essa não é minha responsabilidade Lívia-sama! - O Camera-man falou.-

– Sério? Agora é! - Mandou.-


O que acharam? Gostaram do Gaara malucão e possesso? E da pequena participação do Itachi e Kisami? Até breve!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...