História A ída para o shopping - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Kai
Visualizações 13
Palavras 624
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa "fic" é baseada em uma história que os meus amigos escreveram, e tava MT engraçado, aqui pode n estar tanto, mas eu tinha olha pra aquela história e falei: EU TENHO Q COLOCAR ISSO NO SPIRIT. Aí eu dei uma mudada pra relacionar com o personagem, etc... Pode estar horrível? Talvez. Depende de vcs, mas obg, tchau e leiam minha vergonha....❤️

Capítulo 1 - O dia


Fanfic / Fanfiction A ída para o shopping - Capítulo 1 - O dia

Em uma certa manhã um lindo/gostoso garoto chamado Kim JongIn estava andando no parque com o seu primo Sehun. Até que Sehun aleatóriamente disse:

Sehun- olhou, sorriu.....? - JongIn olhou para ele como se ele fosse um um ET, e Sehun envergonhado logo respondeu em um tom de decepção e tristeza (óbvio que com MUITO drama, pq um viado daqueles pode até pagar de ativo, mas é mais dramático que a Angelina Jolie) - era pra você completar! Ótimo primo eu tenho, ein? - falou sarcasticamente.

JongIn- E o que você, meu amado primo - sentiram a falsidade? - acha q eu vou responder?

Sehun- Se você fosse um bom primo saberia que a resposta seria: mandioca no Bombril.

JongIn olhou idgnado para o primo, revendo o significado de idiota, que agora tinha nome e sobrenome: Oh Sehun.

• • •

No final da tarde (depois de deixar o primo em casa) JongIn decidiu ir no shopping, já estava escurecendo e ele foi a PÉ, resumo: SE FODEU LEGAL, vc meu caro leitor já irá entender o porquê.

Lá estava JongIn caminhando calmamente até o shopping, mas por um acaso do destino, um destino ruim para um caralho, um palhaço pulou na frente dele fazendo-o cair no chão, o palhaço começou a dar uma risada doida de psicopata fazendo o pobre JongIn correr A maratona. Depois de perceber que o palhaço não estava mais á vista ele parou de correr, grande erro amigo, porque assim q ele parou, ainda desnorteado pelo susto chegou um cara perguntando se podia beijar ele, o sujeito era um baixinho e tinha uma cara de puta do mal que só Deus sabe ou melhor, que só satanás sabe. Ficou encarando o baixinho por um tempo e logo tratou de cordialmente rejeitar o pedido do baixinho, e o outro apenas se desculpou pela atitude e saiu andando.

JonIn- Agora que eu tô percebendo, esse menino tem uma boquinha que só de olhar já é pecado, quer saber mundo? FODA-SE! - JongIn saiu correndo atrás do baixinho e deu lhe um beijo de tirar o fôlego, o baixinho tomou um baita de um susto mas logo tratou de retribuir, não é qualquer dia que se beija uma boca carnuda dessas.

Sem perceber, logo já estavam na casa do maior, a sorte é que a mãe de JongIn tinha saído para um encontro de amigas. Eles entraram no quarto e Jong In jogou o baixinho na cama subiu em cima dele e deixou uma trilha de beijos, mordidas e cupões até sua mandíbula, MAS, bem na hora do Pá Pu pirulito Pão Doce, a mãe dele chegou. O baixinho tomou um susto que chega doeu o coração. A mãe de JongIn olhou bem pra cara do filho e falou em tom de animação:

Mãe- Caraca, eu sou muito empaca foda.....AMEI - e foi embora, JongIn não acreditou no que acabou de acontecer, mas só continuou oque estava fazendo, tirou a blusa do baixinho com facilidade, e ao olhar para o peitoral do menor, se arrependeu amargamente, ele até era bombadão, mas na maior grosseria mandou o garoto ir embora, e o pequeno apenas respondeu:

Baixinho- Eu amei te beijar, byeee - JongIn fechou a porta e sentou no sofá da sala, ainda traumatizado pelo oque acabou de ver, seguinte:

A peichola do baixinho era muito peluda, e isso aterrorizou o maior, porque os homens tem que ter a peichola divina, e porra, não é tão difícil, a peichola divina necessita ser rosinha e limpinha, sem pelos, porque não sei se o outro sabe mas se não tiver a peichola divina ela pode inflamar e explodir PEI POU.

Com esses pensamentos acabou dormindo ali mesmo no sofá, acabou sonhando que o Bob Esponja fumava Maconha e tinha um filho chamado Naruto.

Que dia louco...


Notas Finais


Foi isso, uma desgraça mas, é a vida... Bjs ❤️❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...