História A Imperatriz - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Anna Heartfilia, Gajeel Redfox, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Ashley, Lucy Heartfilia, Natsu Dragion, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Sting Eucliffe
Tags Gajeelevy, Nalu
Visualizações 66
Palavras 2.281
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 29 - Verdades falsa e mentiras verdadeiras


dois dias depois que aconteceu o falso roubo e Lucy estava sentado tomando um ar fresco com levy

_levy-chan ultimamente eu tenho sentido mais fome e mais sonolenta.- disse lucy comendo sua fruta predileta.- e tambem me sinto enjoada.-disse

_não se preocupa minha senhora, isso pode ser por causa do estresse.- disse levy com um sorriso.

_ pode ser isso mesmo.- disse lucy e a olhou.- levy-chan durante este dois dias natsu foi ver a lisanna, quero dizer passar a noite lá?- questionou um pouco curiosa e levy negou.

_sua alteza sempre vai vê-la de tarde.- disse levy e lucy concordou.- minha senhora vou busca seu remedio.- disse.

_ok.- disse lucy e levy se levantou depois foi busca o remedio que o medico yuri recomendou.

passou uns alguns minutos quando chega levy com uma bandeja.

_minha senhora, hora do remédio.- disse levy e colocou sobre a mesa...

_levy-chan, eu estava pensado que vou parar de beber medicamento do medico  yuri.- disse lucy a olhando.- é hora de planeja nosso movimento.- disse lucy empolgada e levy fica confusa.- é hora de faze a cena do aborto.- disse e levy fica seria.

_minha senhora, você realmente pensou nisso?- perguntou levy. seria- a consorte lisanna realmente dá a luz a um pequeno príncipe.- disse.

_vou garantir que ela dê a luz um menino saudável.- disse lucy seria.- quem ousar a sabotar seu filho, eu vou lidar com essa pessoa.- disse fria.-esta avisada.- disse e levy concordou assustada. 

_então vamos esperar apenas para seu período vir então vamos anunciar que você teve um aborto.- disse levy triste e lucy concordou.

_ o nível mais alto da mentira é que você mesma acredita em suas mentiras... Por esse tempo, contanto que nós permanecermos bons em nossa atuação, mesmo se natsu não acreditar, ele vai precisar.- disse lucy seria e pegou o copo de chá.- chame o medico freed, eu também não vi ele a bom tempo...Hora de conversar com ele.- disse com um sorriso fraco

_ medico real Fred?- perguntou levy confusa.- minha senhora... Depois de ter espancado anteriormente, ele esta realmente traumatizado.- disse e lucy a olha serio.- ele  se tornou monge.- disse.

_ehhh!.- gritou lucy surpresa.

_ porque eu não chamou o medico real Yuri em vez disso?- perguntou levy e lucy concordou

_ok, vá agora.- disse lucy um pouco triste pelo o medico freed.

lucy prestando atençao por onde levy foi, que acabou pegando o copo errado e tomando o remedio.

_eca!!.-disse lucy  limpando sua boca.

~~~

Lucy tinha ido para dentro a espera levy, enquanto comia doce.

"depois que chegou nessa epoca, estou comendo tudo o que tenha na minha frente"- pensou lucy mastigando. -" tenho que começa fazer exercício."- pensou e viu levy correndo desesperado para seu rumo  

_minha senhora!.- chamou levy ao se aproxima e lucy a ignora comendo seus doces 

_ voce é uma menina, presta atenção na sua postura e feio correr desta maneira.- disse lucy de boca cheia

_ minha senhora, más noticia.- disse levy desesperada.

_ o que é isso? Onde está o medico real?- questionou lucy a olhando

_eu passei pelo o palácio you lan e notei que you lan está uma bagunça agora.- disse levy seria e afobada.-  eles disseram que a imperatriz mae soube do que aconteceu e estava muito zangada...ela já ordenou  que os servos mais velhos para trazes o remédio!- disse  e lucy não entendeu.

_ que remédio?- perguntou lucy bebendo seu copo de agua.

_ este tipo de remédio para aborto.- disse levy e lucy começa a se engasga agua...levy ajudar lucy melhora.

_ por que voce não me disse mais cedo?-  disse lucy brava e saiu correndo para o palácio you lan.

Lucy ao chegar no palácio procurando lisanna desesperada, ate que encontro ela deitada no sofá como se nada tivesse acontecido. 

"oh? eu pensei que ela estaria chorando ou algo parecido."- pensou lucy e percebeu que um copo de remedio tomado. 

_ voce!.- disse lucy seria-  você bebeu?- questionou e lisanna dar um sorriso de lado.- por que você está com tanta pressa? Você poderia ter esperado por mim...eu estou aqui para te salva.- disse seria  e lisanna se levanta.

_você está aqui para me ajudar?- questionou lisanna com deboche e lucy chegou mais perto dela

_ se eu não fizer, quem faria? – disse lucy seria- voce parece tão magra e pálida....- disse preocupada e a abraçou para confortar sua perda.- seja boa. Chore se quiser, voce pode se apoiar no meu ombro.- disse fazendo carinho na cabeça dela e ela saiu dos seus braço irritada.

_lucy, o que voce esta fazendo?- perguntou lisanna friamente

_ não é obvio, eu estou mostrado simpatia com voce.- disse lucy seria.- eu vi este tipo de situação...e sei que uma mulher que aborta se filho, necessita de cuidado e ter cuidado.- disse gentilmente- venha, me dê um abraço.- disse lucy indo para o rumo dela mais foi empurrada brutalmente que acaba caindo no chão.-ai!.-murmurou.

_para de fingir, não há pessoas aqui.- disse lisanna fria e lucy a olha muito brava.- para quem voce está atuando?- disse com um sorriso.- mesmo se eu te disser, não vai importa, não faz diferença se eu beber ou não.- disse  e lucy se levanta furiosa.

_voce é uma mulher bastante ingrata.- disse lucy brava e lisanna estava a encarando friamente.- e o que você quer dizer? Para mim, é totalmente diferente.- disse.- mesmo que sua criança em sua barriga não é minha, mas se a criança se foi, eu sou que vou perde mais ainda.- disse sincera.- voc...- interrompida. 

_ basta!.- gritou lisanna.- para de fingir.- disse e deu um sorriso cínico.- eu estou dizendo a voce agora, francamente , eu não estou gravida este é apenas um movimento de xadrez que estou jogando com relação sua alteza.- disse e lucy arregala os olhos

_ o que você disse? você não esta gravida?- perguntou lucy plasma e tentando processar a noticia.

_eu queria te machucar com o desenho, mas não foi bem sucedido.- disse lisanna seca.- eu fiz uma aposta na sua personalidade.- disse e olhou para lucy com desprezo.- que você mais provável em me fazer sofrer... Desta forma sua alteza estaria do meu lado.- disse e lucy suspirou irritada.

"não acredito...que vaca."- pensou lucy irritada

_ voce é realmente uma imbecil, quero dizer imbecil e um elogio para voce... voce passou de imbecil para estupida já.- disse lucy friamente e chegou perto da lisanna.-  eu estava muito preocupada com voce, por que eu iria prejudica-la – disse irritada e lisanna começa a rir.

_kkkk... é a sua superficialidade que me levou a tomar estas medidas.- disse lisanna irritada- eu nunca pensei que voce ira ser amável e carinhosa comigo.- disse com despreze.- fez o imperador admira-la mais...agora, eu já perdi todas as minhas cartas.- disse  triste e lucy deu um sorriso de lado

_voce perdeu todas as suas cartas? Sua gravidez é uma farsa... Eu sou pior do que você.- disse lucy seria e lisanna começa a chora.

"droga! meu plano foi tudo pro lixo."- pensou lucy e olhou para lisanna friamente

_basta, para de chora.- disse lucy seca - natsu ainda viria aqui... No futuro, basta fazer bom uso da oportunidade- disse seria.-  estou te aconselhando com boas intenções,que os homens são todos pássaros livres. Eles odeiam ser amarrados.- disse e lisanna a olhou.- se voce realmente gostaria de estar com o seu amado  natsu sempre e sempre, não use este método no futuro novamente.- disse a reprendendo e pegou no queixo da lisanna.- mas se isso acontecer, não pensa que serei boazinha como fui durante este tempo.- disse soltando seu rosto brusco.- esta avisada.- disse friamente e saiu do palacio furiosa.

"por que minha senhora esta demorando."- pensou levy e viu lucy vindo para sua direção.

_ minha senhora, entao?- perguntou levy curiosa e lucy passou por ela direto. 

_ consorte lisanna não esta gravida.- disse lucy seca e levy arregala os olhos depois correr atras da loira..

_ o que voce disse?- perguntou levy plasma

_ela apenas uso o método usal de amantes que é para falsificação de uma gravidez para segura o coração de natsu.- disse lucy seria.

_ isso é ótimo.- disse levy feliz- desta forma, temos um problema a menos e não precisamos matar ninguém e ganhar carma.- disse empolgada e lucy parou de andar depois a olhou 

 _ levy-chan, Como isso pode ser considerado uma boa coisa para mim?- perguntou lucy confusa e decepcionada.

_ minha senhora, a consorte lisanna não esta gravida. Por que você ainda está decepcionada?- perguntou levy e lucy suspirou.

"estou mais decepcionada comigo por sentir este alívo no meu peito"- pensou lucy e olhou para levy 

_ consorte lisanna não pode dar a luz a uma criança...que desculpa devo usa para lidar com natsu?- disse lucy chateada.- parece que todos os nossos planos interiores não podem continuar.- disse.

_ minha senhora, o futuro é longe.- disse levy confortando lucy.- vamos apenas pensar em outra coisa.- disse com um sorriso- vamos volta ao palácio primeiro. O medico real está esperando.- disse e lucy concordou.

_ nós só podemos fazer isso e acaba logo tambem com esta farsa.- disse lucy seria.-  Vamos.- disse e foram para o palacio.

~~~

Lucy estava na sala do seu palácio e o medico yuri estava medindo seu pulso. ja tinha alguns segundo que yuri medindo com os olhos fechado e lucy estava o encarando preocupada.

_ yuri, pare de dormir.- disse lucy olhando para ele e ele continua medindo  

 _ medico real yuri, minha senhora está falando com voce.- disse levy  e ele abriu os olhos pensativo.

_diga- me quando é o melhor momento para falsificar o aborto?- questionou lucy empolgada e yuri dar um sorriso.

_sua alteza, seu pulso é muito estável.- disse yuri.- humm.... a criança está provavelmente muito boa também.- disse com medo e tremendo, lucy ao escutar isso começou a rir depois parou ficando seria.

_ pare de fingir.- disse lucy seca.-  diga-me isso diretamente .- disse com um sorriso assustador.- quando nós abortaremos esta criança?- disse e o yuri rapidamente se prostou no chão.

_minha senhora, realmente há uma criança.- disse o medico serio e lucy junto com levy ficou confusa.

_ o que?- questionou lucy confusa e respirou fundo.-ok... yuri , eu não posso ter essa criança.- disse seria.

_minha senhora, voce pode ter este filho.- disse levy muito feliz e lucy fica calada.

_minha senhora, embora eu aceitei o pedido de madame ana da ultima vez para afirma que sua alteza estava gravida.-disse yuri meio que hesitando.-  Mas quando verifiquei seu pulso da ultima vez, eu confirmei que você estava com a criança.- disse serio e Lucy estava paralisada depois colocou a mão sobre a barriga

_ por que você não me disse anteriormente?- perguntou lucy transtornada.- por que?- questionou e olhou friamente

_ sua alteza... eu... disse honestamente da ultima vez.- disse yuri atrapalhado.-  antes de eu sair, eu pedi a voce para beber remédio para manter o bebê seguro.- disse e lucy começou a respirar forte.-  isso também foi como informei o imperador.- disse e lucy se levantou brutalmente.

_ fora!- gritou lucy.

yuri ao ouvir este grito saiu correndo.

_preciso toma um ar.- disse lucy respirando pesadamente e saindo rapidamente daquele lugar, levy foi atras preocupada.

Lucy estava desesperada andando de um lado para outro na varanda enquanto levy a seguindo.

_ minha senhora, você já esta gravida, por que você esta mais confusa?- disse levy preocupada

_ como isso pode ser? Não pode ser.- dizia lucy enquanto andava de um lado para outro, sem presta atenção em levy.- natsu e eu não...como é possível?- disse negando aquele absurdo.- espere, não pode ser naquele tempo na mansão de ahsley  há três meses e alguma semanas.- disse pasmo e parou. Ao fazer isso levy esbara nela.

_minha senhora, voce deve fica alegre com esta noticia.- disse levy feliz e lucy a olhou

_ para de ser estupida ou fala coisa estupida que me incomoda, ok.- disse lucy seca.

_ sua alteza, você foi realmente descuidada, você não teve seu período por tanto tempo.- disse levy– como você poderia não saber?- questionou e lucy apertou os pulsos pra não bater nela.

_ eu nunca tive uma criança.- gritou lucy irritada.- como eu poderia saber?- disse e respirou fundo depois saiu de perto dela

_ sua alteza, isso significa que você tem uma boa estrutura.- disse levy empolgada e lucy realmente estava se controlando.- você nunca teve qualquer doença matinal. ate encontrou perigo tão grande em magnolia e você não teve nenhum aborto.- disse pensativa.- Isso significa que esta criança é um presente do céu.- disse empolgada e lucy olhou para o céu.-sim e a vontade do céu...voce e sua majestade deve esta destinado ate este filho.- disse

_ querido céus, você esta brincando comigo.- disse lucy desesperada e uma lagrima desceu.

_ minha senhora. A consorte lisanna não tem uma criança hoje, mas você tem.- disse levy empolgada.-  este é realmente ‘duas felicidades entraram na porta’.- disse e lucy a olhou, mas ela começou a se sentir tonta.

lucy colocou a mão na cabeça tentando controla o corpo.

_levy, não estou me sentindo bem.- disse lucy desorientada 

_minha senhora.- disse levy vendo o estado a loira- o que há de errado com você?- perguntou preocupada e lucy desmaia no chão.- minha senhora, o que há de errado com você?- gritou desesperada.- homens, venha depressa.- chamou e os guardas com as servas aprecem rapidamente.

_sua alteza.- disse uma serva que foi para o lado de lucy.

_chame o medico real e me ajuda a leva para dentro.- disse levy muito preocupada e eles concordara depois ajudaram leva lucy para o quarto. 


Notas Finais


ate a proxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...