História A Killer Robot - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Personagens Personagens Originais
Visualizações 19
Palavras 415
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Hentai, Luta, Magia, Terror e Horror, Violência
Avisos: Estupro, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 8 - Como matei minha família....


Fanfic / Fanfiction A Killer Robot - Capítulo 8 - Como matei minha família....

História que eu vô conta é da Paola

Minha vó sempre me queria que eu fosse para a casa do meu pai ,aliás eu tinha 12 anos, eu odiava ir eu não queria, eu ia porque ela dizia que eu não o amava , eu amava sim mas não queria ir apenas queria ficar (Pai adotivo e mãe vô e etc, já que ela é filha OFICIAL de Slenderman na minha fanfic ok) em casa mechendo no meu celular, até que um dia eu cansei ....

-Eu cansei!, EU NÃO GOSTO DE IR PARA A SUA CASA! NEM PRA OUTRO LUGAR, ELAS ME OBRIGAM A IR E VOCÊ NEM SE QUER PERGUNTA! VOCÊ SIMPLESMENTE VEM E ME LEVA ! ACHA QUE EU GOSTO?! VAI SONHANDO EU CANSEI DE TODOS VOCÊS!!!.Paola

Corro pra cozinha e pego uma faca a minha que eu polia e afiava todo dia eu sabia que esse dia chegaria e estaria pronta!, Fui para o quarto me escondi num quanto escuro demais e fiquei até que todos ele entram , detalhes eu esqueci do meu irmão ok ele também veio tinha 11 anos, ele chego perto de mim o peguei sem ninguém percebe e disse sussurrando muito baixo que era pra ele fecha os olhos e só abri quando eu mandasse.Ele endeu e ficou no quanto escuro que eu tava ele escondeu seus olhos e tampo seus ouvidos.Matei um por um friamente e com olhar sem vida é puro ódio, peguei meu irmão e levei o para um orfanato.

-Eu te amo e um dia vou vim te buscar eu prometo King -Abraço,beijo sua testa e toca a campainha , vou para a floresta.Paola

-Olá pequenino,venha-Peguei no colo e lá o ficou.

Estava andando até que um homem todo branco alto e sem rosto aparece na minha frente, invés de ficar com medo e apavorada não eu simplesmente o lembrei quando era criança lembrei que eu dizia ,ele era meu pai verdadeiro, abraçei-o ele me levo para uma casa onde me deixou e cuidou até meus 15 anos tirou um pouco de suas memórias sobre ele e lá ela seguiu sua vida, até um dia onde invadiram sua casa e levaram para aquela laboratório para botar o seu olho robótico, ficou lá anos sendo feita de escreva , espancada, mas a davam alimento e água para não morrer já que ela era muito especial.E chegou o dia que ela se infucereu com seus 18 anos, matou todos não deixou nada, voltou para sua amada casa e lá ficou..



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...