1. Spirit Fanfics >
  2. A Livraria >
  3. Capítulo 8 - Biblioteca

História A Livraria - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Capítulo 8 - Biblioteca


"Rafael, você precisa parar de frequentar a detenção todos os dias. Isso pode te trazer consequências horríveis" - exclamou Charlotte tristemente-

"Estou pouco me fudendo para as consequências. Acho melhor você tomar conta da sua própria vida, Charlotte" -respondeu Rafael revirando os olhos- 

Charlotte ficou totalmente pasma com a resposta, não sabia como reagir. Rafael nunca havia falado desse jeito com ela.

Logo Thomas, que estava indo em direção aos dois, escutou brevemente a resposta de Rafael.

"Segura essa língua, isso é jeito de falar com a Charlotte? Você está muito diferente nesses últimos dias" -falou Thomas com uma expressão séria-

Rafael bufou com uma cara entediante.

"Vocês estão sendo patéticos" -falou enquanto caminhava para a biblioteca da escola, deixando seus amigos para trás-

Entrou rapidamente e fechou a porta sem fazer barulho. A biblioteca era o local que Rafael mais amava, ela não tinha muitos livros antigos, que eram os seus favoritos.  

Entrou em alguns corredores caminhando para o fundo, para tentar encontrar o livro que queria. Até onde sabia, pensava que estava sozinho na biblioteca. Enquanto caminhava por um corredor começou a ouvir gemidos abafados, vindo do corredor vizinho. Rapidamente arqueou as sobrancelhas, e abriu um espaço entre os livros para ver do outro lado. 

Os gemidos vinham de uma menina que tinha a pele muito pálida, cabelos curtos totalmente pretos, tinha traços asiáticos. Um alto capaz estava em sua frente, dava fortes estocadas que deixavam as pernas dela fraca. Logo Rafael percebeu que esse rapaz era o Tom. Ele se aproximou do ouvido dela e sussurrou algo que era impossível de se ouvir. Os dois estavam completamente ofegantes, e depois de algum tempo os gemidos não ficaram mais abafados.

Rafael pensou "acho que a escola inteira consegue ouvir essa menina" 

Logo viu algo em uma coloração branca descer pela perna dela. Então saiu de lá o mais rápido possível, tentando não fazer muito barulho. 

Caminhou até o banheiro mais próximo e ficou olhando no espelho, um estrondo foi efetuado, tinha alguém entrando. Para a sua surpresa era o Tom. Rafael rapidamente pensa "Fudeu"

"Gosta de espionar os outros? Garoto do livro" -exclama Tom olhando no espelho 

"Meu nome é Rafael" -diz ele totalmente envergonhado-

"Não perguntei o seu nome" -falou ele em um tom ríspido- "Responda a minha pergunta"

“Me desculpa, eu estava apenas procurando um livro”

“No final dos corredores?” -perguntou ele franzindo a testa-

“Você acha mesmo, que eu queria ver você com a sua namorada?” -Rafael ficou completamente confuso-

“Ela não é a minha namorada. E é melhor você parar de procurar seus livrinhos idiotas no fim dos corredores” -falou Tom se aproximando do ouvido de Rafael- 

Logo em seguida, saiu do banheiro batendo a porta furiosamente. Rafael ficou boquiaberto, mas estava louco para contar aos seus amigos o acontecimento.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...