História A love between Suicide and psychopath - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Drama, Katlheen, Olliver, Tragedia
Visualizações 2
Palavras 847
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Hi.
Perdoem os erros de digitação.

Capítulo 2 - The fight


Acordo com o barulho do despertador,levanto faço minhas higienes,tomo banho e me arrumar para ir pra prisão que eu chamo de escola,visto uma calça leg,uma blusa branca,um casaco branco e calço meu tenis e vou pra escola.

 Tive que sair bem cedo de casa para ser uma das primeiras a chegar na escola,chegando lá vejo Viollet,Malina e Cassie com um latão cheio de cola,aprontamos tudo e nos escondemos no corredor para quando ela chegar pucharmos a corda e sujar ela todinha,ja que a vadia da Emily e uma das ultims chegar,vai ser otimo ver aquele rostinho angelical cheio de cola.

 Quando ela chega na porta eu puxo a corda é ela tem quase um ataque cardiaco quando a cola caiu em cima dela,todos da sala começaram a rir,depois eu e as meninas saimos correndo.

Viollet-Não acredito que não fomos pegas-ela diz quase se mijando de tanto rir.

Eu e Cassie-Aquela vadia mereceu-Dizemos em meio a risos,parece que a Cassie le meus pensamentos.

Logo apos o acontecido entramos na sala para assistir a aula de Historia,essa e a unica materia que eu não falto.

Depois de ter feito o trabalho de historia,a loira oxigenada veio é me deu um tapa na cara.

Depois eu dei um soco na cara da Emily.

Emily-Foi você sua.....-a interrompi.

Eu-Não sei oque ce ta falando,mas e melhor tu vasar daqui-falei e depois fique na frente dela.

Diretor-Oque esta acontecendo aqui?

Eu-Ela ta me acusando de uma coisa que eu não fiz.

Diretor-Senhorita Emily Bucker tem provas de que a Katlheen Walker fez algo contra você?

Emily-Não-ela disse abaixando a cabeça.

Diretor-Então não faça isso de novo,peça desculpas a ela agora.

Emily-Desculpa.

Eu-Se eu fosse você eu não bateria na garota que invenenou o time de lacrosse da escola-sussurei no ouvido dela.

 Se meu irmão tivesse me ajudado naquele dia eu não teria feito oque fiz,mas todos os dias ele me pede perdão,e diz que mereceu ser invenenado por mim,sabe ate que o chato do Evan e gente boa.E sim meus pais ficaram com mais raiva de mim depois que eu envenenei o time de lacrosse.

Depois eu vi que a Emily ficou com medo e saiu.

Logo apos o fim da aula eu,Cassie e Viollet fomos almoçar na casa de Malina,ficamos a tarde toda conversando,e depois disso nos três fomos em bora.

Quando eu cheguei em casa vi que não tinha ninguem,então peguei meu skate e fui no parque desse maldito fim de mundo que chamam de Long Hills.

 Essa cidade minuscula me da arrepios ela parece aquelas de terror,cheia de Serial Killer.

Eu estava com o fone no ouvido,e fumando um cigarro,quando eu estava perte do lugar onde sempre fico eu paro por causa de um bobão que tava na minha frente,e acabo caindo.

Eu-Sai da frente idiota-gritei

???-Foi mal

Eu-Droga!!!-disse mechendo no juelho ralado.

???-Eu te ajudo-ele disse e depois foi me ajudar mais eu o empurrei.

Eu-Não encosta em mim-disse friamente.

Quando levantei para pegar o meu skate e os ciagarros que cairam do meu bolso percebi que esse garoto estava me observando.

Ele e loiro,tem olhos castanhos cor de mel,até que ele e bonitinho.

Eu-Oque ta olhando?-perguntei.

???-Seus olhos,que-dize,ham nada não.

Eu-Ata-disse e depois sentei ao lado dele.

Eu-Foi mal e que eu to de mau humor,so isso.

???-Não tem problema não desmiolada do skate-ele respondeu.

Eu-Quer saber vai se ferrar!!!

 Quando eu ele ia responder meu celular toca,é eu atendo

Ligação ON 

Evan-Iai mana.

 Eu-Oi insuportavel da minha vida.

  Evan-Va se fuder.

Eu-Vai você ,me fala como ta ai em Londres?

 Evan-To bem mas eu ainda não esqueci o motivo de ter vindo pra ca me perdoa por favor.

 Eu-Evan,você diz isso todo o dia,você errou mas eu ja te perdoei ta esquece isso!

Evan-Ta,eu tenho que desligar.

 Eu-Ta se por acaso eu morrer me matar ou ser morta ou algo do tipo saiba que eu te amo meu insuportável.

 Evan- Vira essa boca pra lá,vou te avisar uma coisa você e carga preciosa,se você morrer eu te mato!!!

 Eu-Ta amor da minha vida tchau.

Evan-Tchau maninha

Ligação OFf 

Eu-Eita porra tenho que ir embora.

 ???-Fica vamo conversar-ele disse segurando meu braço.

 O garoto que eu não sei o nome perguntou?

 Eu-Ta muito tarde eu preciso ir.

 ???-Amanhã você vai voltar?-o garoto que eu ainda não sei o nome perguntou.

 Eu-Venha e descubra-disse e depois peguei  meu skate e fui pra casa.

Mãe-Nossa volto tarde o jantar ta na mesa.

 Ela disse e depois eu sentei para jantar.

 Pai-Onde você estava?

 Eu-No parque lendo meu livro-menti.

 Mãe-falando em livros seu pai e eu trouxemos umas coisas pra você,ja que você vive lendo mesmo-ela disse e pegou uma sacola com algo dentro.

 Mãe-Pra você,eu vi e lembrei que você tinha pedido,a continuação do livro que você ta lendo e "The Walking Dead:A queda do governador",achei a sua cara ja que você ama essa serie.

 Eles nunca são assim comigo tem algo de errado. 

Eu-porque a felicidade toda?

 Mãe-Saige é Evan vão  vir amanhã.

 Pai-Espero que não envenene seu irmão.

 Eu-Isso foi a dois anos atras,é eu não queria matalos!!!

 Mãe-Mas quase matou você e a vergonha da familia!!!

 Peguei meus livros e corri pro meu quarto,peguei a gilete tomei varios remedios deprecivos,depois me cortei toda so assim eu me sinto melhor,e acabei pegando no sono.  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...