História A love to remember - Longfic Min Yoongi - BTS (Suga) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Imagine, Kimviihmota, Kpop, Longficbts, Romantico, Suga, Yoongi
Visualizações 343
Palavras 969
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie bolinhos, perdão o atraso, mas outra fic me tomou um pouco o tempo, logo logo vocês iram descobrir qual é...
Bem, como amanhã é come back novo do BTS, não irei postar episódio, então já adianto ele aqui pra vocês.
A emoção vai ser grande kkkkk, boa leitura e cuidado com os tiros nessa madrugada de dia 18.

Capítulo 14 - Gripada.


— Você tá brava comigo? — Perguntou minha tia enquanto se sentava na mesa à minha fernte.

— Claro que não, tia, a senhora tem que aproveitar mesmo. — Ela sorriu. —  Mas podia ter me dito que estava saindo com alguém.

— É que é um pouco estranho, pra uma mulher com a minha idade...

— Para que a senhora nem é tão velha assim! — Guardei meu prato.

— Ah. — Suspirou se levantando. Eu vou dormir, não quero pensar nisso mais.

— Bejinho! — Sorri.

Ela foi para o quarto e eu fui tomar banho, me deitando logo em seguida.

Ver minha tia num momento tão íntimo, com certeza foi um choque, mas não é algo que eu tenha que interferir, ela sempre foi muito dedicada à mim, já está na hora de viver a própria vida.

No dia seguinte.

Acordei tarde e logo peguei o celular, ligando para Suga. 

— Bom dia. — Disse ainda com sono.

— Não consegue mais ficar longe de mim né? Bom dia! 

— Tá bem, se não quer falar comigo eu desligo!

— Não foi isso que eu quis dizer! — Sorri baixo. — Tá fazendo o que?

— Nada, acabei de acordar...

— Sua voz tá estranha, você tá bem?

— Tô sim, só com um pouco de dor de cabeça.

De repente a porta do meu quarto se abre e minha tia fica me encarando enquanto estava encostada no portal.

— Mais tarde eu te ligo, minha tia tá aqui.

— Tchau, beijo.

— Outro.

— Sabe que horas são?

— Hum... umas oito, oito e meia? — Me estiquei puxando a coberta.

— Ai ai, dez e cinqüenta e um! — Respondeu olhando em seu relógio.

— Mas hoje é domingo...

— Não quer dizer que tem que passar o dia todo na cama, você não é disso! — Diz ela enquanto se senta na cama ao meu lado, e passa a mão em meu rosto.

— s/n, que isso?! Você tá queimando em febre!

— Febre, como assim? Não deve ser nada...

— Eu vou buscar o termômetro! — Diz enquanto sai correndo para a cozinha. Depois de alguns segundos ela volta com o termômetro na mão.

— Aí tia não exagera! Eu tô — Ela coloca o termômetro na minha boca.

— Não tira!

Depois de alguns minutos ela o tirou da minha boca.

— Tia eu tô bem, não precisa disso... 

— Shiu, eu tenho que ver se você tá bem pra ir a escola amanhã!

— Tia, eu não tô doente!

— Urfa, não é muito, mas pode piorar. Amanhã você não vai pra escola. — Diz ela enquanto vai em direção a saída do quarto.

— Mas eu não posso faltar! 

— Vou ligar pra Yuri e avisar que você não vai ao trabalho também.

— Tia eu não posso... Cof cof... Faltar nem na escola e nem no trabalho.

— Viu, já está até tossindo, aí! Uns dois, ou três dias em casa não vai te matar!

— Três dias?!

— Se for por causa do Yoongi, ou pelos seus amigos, não precisa se preocupa. Eu ligo e eles veem.

— Mas tia eu...

— Mas nada, s/n. Você não tá bem! Vai ficar em casa até melhorar!

Ela segue para a cozinha e eu me ajeito na cama com raiva.

Depois do almoço fui para a sala e passei a tarde toda vendo minha série favorita, The Vampire Diaries.

— Não Damon, não é a Elena! É a Katherine!

— Ou, sem gritar! — Repreendeu minha tia.

— Aí tia, é que ela voltou pra Mystic Falls e tá confundindo todo mundo!

— Tá, eu liguei pro Yoongi e ele já deve estar vindo!

Logo pauso o episódio e me viro surpresa.

— Você chamou ele?! Porque?

— Ah... — Fingiu pensar. — Porque ele é seu namorado!?

— Mas ele não pode me ver assim!

— Então vai se arrumar, ele já deve estar chegando.

Logo saio correndo em disparada na direção da escada.

— Ah... Eu vou sair com o

— Oliveira? — Completo.

— (Risos) É! Como sabe o sobrenome dele?

— Me disse no cemitério quando o conheci!

— Ah... Bom, já vou. Beijo. — Levantou.

— Outro.

Tomei um banho quentinho e voltei pra sala, alguns minutos depois a campainha toca, DESESPERADAMENTE!

— Já vai! — Me levantei e abri a porta, logo recebendo um abraço apertado de Yoongi.

— Porque não me avisou que tava doente, mais cedo?

— Porque eu não tô doente! — Me solta e me encara.

— Uma gripe não é nada?

— Já falei que você fica lindo preocupado?!

Ele não consegue segurar e sorri dizendo:

— Eu sou lindo de qualquer jeito! — Me beija e nós seguimos para o sofá. — O que estava fazendo.

— Estava assistindo uma série.

— Diários de um vampiro?

— Já assistiu? 

— Não, não gosto desses contos, são muito infântis.

— Ei, não fala assim. Tem que conhecer primeiro!

— Tá, poem aí.

Eu dei continuidade no episódio que estava assistindo, mas Yoongi não prestou atenção. Ele só ficou beijando a minha bochecha e o meu pescoço.

— Para~... — Disse sorrindo. — Olha pra lá, eles estão se beijando... 

— Urrun, tá, mas eu prefiro os seus beijos!

— Vou te passar gripe...

— Eu não ligo! — Ele ficou me provocando até me convencer. Esqueci da série e subi em cima de seu colo, o beijando de um jeito quente.

Eu não queria sair dali, seus beijos estavam cada vez mais quentes e envolventes. Bagunçava os cabelos dele, enquanto Yoongi apertava minha cintura, me puxando mais para o seu quadril. Ele pressionava cada vez mais nossos sexos vestidos, arrancando longos arfares dos dois.

— Cof cof... Atrapalho?


Notas Finais


Siim, eu amo The Vampire Diaries, mas escolhi não detalhar qual o episódio que eles estavam vendo, para não dar spoiler.
Já já posto o próximo, <3.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...