História A lua do seu olhar - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Hentai, Naruhina, Naruto, Sasuhina, Shoujo
Visualizações 182
Palavras 1.507
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo minna, aqui é onde tudo começa. Pensei nessa história a pouco tempo, e misteriosamente decidi escrevê-la. Como essa é a minha primeira Fanfic, não estou muito acostumada ao estilo da escrita, espero que todos entendam.
Eu gosto muito de inventar histórias, mas são poucas que eu decido escrever. Sinceramente, não sei se sou realmente talentosa nessa questão, mas prometo me comprometer com a história.
Espero que gostem! ^-^

Capítulo 1 - O que estou procurando?


Fanfic / Fanfiction A lua do seu olhar - Capítulo 1 - O que estou procurando?

Parece que nada mudou em Konoha. Desde que eu parti tudo continua o mesmo. As mesmas pessoas estupidas pretendendo serem felizes, vivendo uma vida miserável. Bom, mas agora já se passaram 3 anos que voltei a morar aqui, e a única razão de não ter partido novamente é aquele idiota, meu melhor amigo Naruto Uzumaki, que agora é o principal candidato a Hokage, quem imaginaria que aquele baka iria conseguir.

Ultimamente, Naruto tem sido como uma família para mim, é claro que tenho alguns amigos, mas nenhum é como ele. E é por isso que sou extremamente grato à ele, por não ter desistido de mim. Se não fosse por ele eu estaria completamente sozinho.

Desde que voltei tenho estado com inúmeras garotas, já fiz todo tipo de coisas na cama, conheço todos os segredos das mulheres. Todas elas sempre se atiram para cima de mim, não importa como eu haja com elas, mesmo se eu for extremamente grosso e desrespeitoso, parecem hipnotizadas por meu sobrenome. Acho que estou me cansando disso, parece que esse tipo de garota não me desperta mais o mínimo interesse.

A verdade é que, só continuo estando com tantas mulheres, porque sinto a necessidade de tê-las, não no sentido de sexo, mas no sentido de ter alguém que aqueça minha cama, alguém que eu possa dizer “cheguei” quando estiver em casa, alguém para preencher o vazio... eu não quero mais viver sozinho. Mas agora que nem isso mais consegue conter a solidão, me sinto cada vez mais perdido, sem saber pelo o que procuro.

────────────────

- Sasukeee, oe Sasukee!

- Ah Naruto, ohayou. Faça mais silêncio!

- Ohayou, o que tá fazendo aqui a essa hora da manhã?

- Só estou procurando algo pra comer.

- Lámen?? Se for lámen eu vou com você!!! 

- Não, não é lámen. Que tipo de pessoa come lámen no café da manhã?! Baka

- Hahah, esse cara (aponta para ele mesmo). Mas tudo bem, eu acompanho você mesmo assim.

Os dois andaram pela feira de Konoha, até que Sasuke parou em uma barraca e se sentou, seguido de Naruto. Sasuke pediu arroz branco com sardinha. Enquanto comia, Naruto não parava de falar, o que irritava um pouco Sasuke, mas ele estava agradecido pela companhia do amigo.

- Então Sasuke, vai hoje na Shushuya? (restaurante de Konoha)

- Ah já tinha me esquecido. A Ino está comemorando o aniversário dela né?

- Hai, você tem que ir! Todos nossos amigos vão estar lá, e vai muitas mulheres pra você escolher hahah

- Se é como você diz, então acho que devo ir...

- Tudo bem então, conto com você lá. Mas já vou indo, tenho assuntos com o Rokudaime, te vejo lá.

────────────────

Como havia dito à Naruto, Sasuke estava a caminho do restaurante onde seria a festa da Ino. Foi informado de que deveria ir bem arrumado, já que a festa era mais chique. Estava usando uma camisa social preta, com uma calça de mesma cor mas com um tom mais claro. O Uchiha sabia se vestir e sempre estava bonito. Mas não parecia muito entusiasmado com a festa, só estava indo porque Naruto pediu que fosse, pretendia chegar e logo escolher alguma garota para levar para casa.

Caminhou até o local marcado, era um restaurante enorme, e estava fechado para atendimento exclusivo da festa. Apesar de toda aquela decoração linda e do local, a festa tinha poucas pessoas. Ino havia chamado só os que eram realmente amigos, Sasuke conhecia todos ali. Estava decepcionado, porque não conseguiria fácil uma garota.

- Sasuke-kun seja muito bem vindo. Fique a vontade, e os garotos estão sentados logo ali. 

- Arigatō Ino, e feliz aniversário

- Arigatō Sasuke-kun!

Sasuke se dirigiu à mesa dos garotos e reparou que todos estavam olhando para ele. E se sentou sem entender o que acontecia. Olhou para Naruto e percebeu que não, não estavam o olhando, virou-se também.

- Ela está tão linda. (Disse Kiba)

- Sim, está mesmo. (Concordou Choji)

- Essa é.. É A HINATA?

Hinata estava usando um vestido preto com brilho que moldurava perfeitamente seu corpo, o mesmo tinha um pequeno decote que exibia uma pequena parte daqueles fartos seios, que Sasuke estava vidrado.

*(pensamento de Sasuke) Eu não imaginava que ela estaria assim. É claro que eu a vejo as vezes, mas nunca dessa maneira, com essas roupas. Ela está realmente... deliciosa* (sorriso malicioso de canto da boca)

 Ele não conseguia tirar os olhos de Hinata, estava adimirando aquela belíssima mulher, que agora não era mais vista por ele como uma garota. 

- Sasuke seja mais discreto! Todo mundo está vendo você olhar. (Disse Naruto)

- An? O que foi? 

- Hahah, parece que Hinata não é mais uma garota tímida (Shikamaru).

- Hai Hai (Kiba)

*Estou decidido, não há nada que quero mais. Eu vou ter Hinata em minha cama hoje mesmo!*

Depois de um tempo sentada, Sasuke viu Hinata saindo da mesa, parecia que estava indo ao banheiro.

- Naruto, vou no banheiro.

- Tudo bem, não demore.

Sasuke se levantou e dirigiu-se até o banheiro, que era em um cômodo separado do salão onde estava a festa, não havia ninguém lá. Quando foi entrando devagar, viu duas portas, uma pra cada banheiro (feminino e masculino), é uma delas se abriu e de lá saiu Hinata. Ela estava arrumando o zíper do vestido, com um pouco de dificuldade.

- Quer ajuda?

disse Sasuke, já se aproximando e passando as mãos na cintura da garota. 

- Ha hai (disse trêmula com o toque do Uchiha)

Sasuke passou as mãos pelas costas nuas de Hinata e lentamente subiu o zíper, aproveitando cada detalha daquela visão. Estava convencido de que a queria.  Hinata se virou, e estava um pouco corada.

- Arigatō Sasuke-kun. (Disse com os olhos baixos)

Sasuke encostou o dedo em seu queixo e levantou seu rosto, acompanhado do olhar. Olhava com malícia aqueles lindos olhos perolados. Mais embaixo se encontrava uma linda boca, carnuda e e vermelha. Estava aproximando seu rosto e prestes a beija-la.

- Hinata, por que tá demorando tanto? 

Ambos viraram se afastando rapidamente, e se depararam com Tenten os encarando.

- O que estão fazendo?

- Nada, nada demais (Disse Hinata corando)

- Eu só estava indo no banheiro, quando ofereci ajuda à ela. (Disse Sasuke em um tom sério)

- Hum, tudo bem então. Vamos Hinata. (Tenten, com um olhar de desaprovação para ele).

*Tsk, maldita Tenten, foi aparecer justo agora!*

Voltou para a mesa, onde ficou até o final da festa, imaginando como teria sido se Tenten não tivesse chegado na hora.

Chegou o fim da festa, todos estavam lá fora, indo embora aos poucos.

- Sasukee, estou indo. Quer ir comigo? (Naruto)

- Não, estou bem sozinho.

- Tudo bem então, até amanhã.

- Até

Depois de se despedir de todos, Sasuke estava saindo da festa, caminhando para casa, quando virou a primeira rua avistou alguém. Era Hinata, completamente sozinha e desprotegida. Não poderia ter momento melhor. Sasuke se aproximou rapidamente. Ela se virou assustada, e se tranquilizou quando se deparou com ele.

- É perigoso voltar sozinha. Pode deixar que eu te acompanho. 

- Arigatō. (Disse baixo) 

...

- O que achou da festa?

- Eu gostei, Ino-chan realmente sabe fazer uma festa. E você o que achou?

- O mesmo. (Disse a olhando curioso)

*Nao sei exatamente porque, mas essa garota me deixa curioso. Eu sinto que ela está sendo sincera a todo momento, e mesmo assim consegue ser educada e fofa. Será que tudo que ela diz é realmente o que ela pensa? Bom, até agora ela não se atirou pra cima de mim como as outras garotas e nem se quer  demonstrou interesse algum em mim. O que tem com essa mulher?*

Conversaram um pouco, até que chegaram ao Clã Hyūga. Sasuke se aproximou rapidamente da morena, e passou a mão por sua cintura. Olhou novamente para aqueles olhos hipnotizantes, e aproximou o corpo dela ao seu. Sentia aquele volume todo encostado em sua barriga, e como ele queria, queria se deliciar neles. Inconscientemente Sasuke estava subindo a mão, até que passou levemente o dedo sobre o seio direito.

- Sasuke-Kun, o que está fazendo?? (Disse Hinata extremamente corada, com os olhos fechados e trêmula)

- Não se preocupe Hina. (Esse apelido saiu sem querer)

- Por favor, pare Sasuke-kun. Por favor.

Sasuke não estava nem começando, queria ir muito, MUITO além disso. Mas quando olhou aquela expressão no rosto dela, voltou a realidade imediatamente. Afastou a mão de seus seios e soltou o corpo de Hinata.

- Desculpe, não queria ir tão longe.

Hinata estava constrangida e não sabia o que fazer. Sasuke sentiu-se totalmente culpado, não queria vê-la daquele jeito. Por algum motivo, aquele olhar deixava ele irritado, mas não com ela, e sim com quem o causou. 

Ela se afastou e virou-se, e rapidamente entrou em casa.

*O quê? Eu não consigo entender. Por que essa garota não se jogou pra mim? (Risada do canto da boca)

Interessante, realmente muito interessante.*

 

 

 

 


Notas Finais


Sasuke está louco na Hyuga hehe. E o que será que Hinata pensa de Sasuke?
Esse foi o capítulo um, espero que tenham gostado!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...