1. Spirit Fanfics >
  2. A má influência de Weiss Schnee >
  3. Queda não, abismo!

História A má influência de Weiss Schnee - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura! '^'

Capítulo 2 - Queda não, abismo!


Weiss P.O.V

Eu estava definitivamente cansada, se ser a garota mais popular de Beacon não me matar, as aulas de esgrima com a Winter com certeza vão. São tantas coisas pra fazer que as vezes me sinto sobrecarregada, e pra tentar esquecer faço algo mais cansativo ainda.... não que eu não goste da vida que eu levo atualmente, com qualquer pessoa sendo garoto ou garota se jogando nos meus braços, notas excelentes sem nem mesmo se esforçar, ser invejada por muitos, mas mesmo assim... sinto que falta alguma coisa, pode ser aquele velhos clichê da garota má ter na verdade um enorme vazio de solidão dentro do peito. Mas eu não estou sozinha, eu tenho a Yang, tenho a nossa banda Freezerburn... falando na Freezerburn, tenho que encontra com elas mais tarde, não consigo pensar em nenhuma música nova, absolutamente nenhuma. Achei que levando essa vida seria mais fácil pra mim encontra inspiração pra músicas boas... mas mesmo assim nada. Ahhhhh, preciso levantar logo, se eu me atrasar Yang vai ficar sozinha e vai acabar fazendo alguma besteira, tipo falar com a gótica e provavelmente levar um fora dela, provavelmente se isso acontecer sou eu quem vai ter que aguentar a Yang depressiva pelo resto da semana.

                                       ~•~

Chegando em Beacon, como sempre todos olhavam pra mim, não era ruim, fazia bem pro meu ego, mas era extressante estar cercada de gente falsa o dia todos, perdida em meus devaneios sou atingida por algo... na verdade alguém que quase me fez cair no chão, sabia bem quem era.

- Bom dia ice queen! - praticamente gritou a loira no meio do pátio atraindo vários olhares pra cima das mesmas. - você está atrasada. 

- Você não consegue encontra uma forma mais bruta de me desejar bom dia? - perguntou ironicamente - Eu sei que eu tô atrasada, o que é estranho é que você esteja feliz com isso, na verdade é assustador... Ah, bom dia Ruby - desejou finalmente notando a garota atrás de Yang.

- Bom dia Weiss! - respondeu sorrindo de forma animada, aquele maldito sorriso de novo. 

- Então, vai me dizer o por que de você estar saltitando de alegria em plena segunda-feira de manhã? - perguntou querendo saber o por que daquele ânimo, pensando bem, tem uma coisa que faria a loira ficar daquele jeito.... - Pera, não vai me dizer que conseguiu falar com a...

- Sim! Eu consegui falar com a Blake ontem! - exclamou alegre ao interromper a albina à sua frente.

- Tá explicado porque o clima mudou do nada, é um milagre! Eu ouvi um amém igreja? - brincou vendo a loira revirar os olhos. - mas enfim, me conta como foi que...

- Oi Yang - chegou um garota de cabelos negros e olhos âmbares  com um laço na cabeça, assim interrompendo mais uma vez a fala da albina.

- O-oi Blake - gaguejou sentindo seu coração palpitar ao ver que estava à sua frente. Soltou um gritinho ao ser rapidamente puxada por Weiss, ficando de costas para as duas garotas que olhavam sem entender nada.

- Yang. Xiao. Long - disse pausadamente - que tragédia foi essa?! Não sabe mais falar com uma garota não? - perguntou se referindo ao momento em que a amiga gaguejou ao falar um simples "oi" para a morena.

- Cla-claro que sei, só que ela é diferente... você sabe que eu tenho uma queda por ela - explicou envergonhada.

- Queda mais conhecida como abismo né?! Meu Deus Yang, acorda que ela tá atrás de você, agora vai lá, fala direito com ela e espera o momento certo pra chamar ela pra sair. Não trata ela como você trata as outras, seja você mesma... mas sem gaguejar por favor.

- Okay, eu vou lá falar com el...

- Yang você quer sair comigo? - perguntou um pouco corada interrompendo a loira que agora estava de frente para ela.

- S-Sim, mas é claro! - respondeu alegre e confusa ao mesmo tempo.

- Okay... me parece que ela tem mais atitude que você, vou reclamar isso com a Coco depois, ela tá te ensinando coisas erradas. - sussurrou no ouvido da loira.

- Mas enfim, vou deixar as duas conversarem aí, vem Ruby, eu te mostro o colégio enquanto a sua irmã tá flertando com a Blake. - falou segurando na mão de Ruby e a puxando  como se fosse a coisa mais normal do mundo e ouvindo um "Hey" de Yang, mas ignorou pois já estava um pouco distante da loira. Continuou puxando a menina, cujo coração já estava acelerado por conta do toque repentino.

- Então Rose, me conte, tem alguém por quem você esteja interessada? - perguntou repentinamente como quem não quer nada.

- Na verdade, eu tenho um namorado. - respondeu meio sem jeito, Weiss nesse momento sentiu uma certa pontada em seu coração ao ouvir as palavras da mesma.

- Oh, e você o ama? - perguntou desviando o olhar dos olhos prateados.

- Na verdade não, eu só estou com ele porque meu pai diz que é o certo. - disse meio triste.

- O certo? - perguntou confusa.

- Sim, você já deve saber que o nosso pai é o dono de uma empresa enorme não é? - perguntou e a albina assentiu com a cabeça - Então, quando Yang apareceu com sua primeira namorada lá em casa, ele ficou furioso e depois d e uma longa discussão, chegou a conclusão que iria deserdar Yang, pois segundo ele, ela só traria vergonha para o nome da família. E desde então ele vem reparado em mim para que eu seja meio que, a "garota perfeita" sabe, me fazendo usar roupas femininas até demais, me obrigando a namorar com garotos ricos e exibidos que eu nem conheço direito... é extremamente chato. - soltou um suspiro cansado.

- Entendo... - falou com um certo pesar na voz. - mas roupas femininas? - questionou intrigada. - quando eu fui te buscar ontem você não me parecia nem um pouco feminina... não que você não estivesse bonita daquele jeito. - sussurrou baixo a última parte, mas foi o suficiente pra Ruby ouvir e ficar vermelha que nem um tomate.

- Ah, isso é porque eu passei na casa da tia Raven antes de vir pra cá.

- Raven... A mãe da Yang? - perguntou para ter certeza.

- Sim! Ela vem cuidando bastante de mim desde que a mamãe morreu, sempre diz que o que o papai faz é idiotice.

- E ela provavelmente tá certa, digo, não é certo ficar empurrando essas coisas pra cima de você só porque ele quer que seja assim. - falou com uma certa raiva na voz, o que fez Ruby rir.

- Obrigada Weiss! - disse com um sorriso brilhante... o sorriso... Weiss estava começando a odiar e amar aquele sorriso ao mesmo tempo, odiar pois a última vez que se sentiu daquela forma, foi quando estava com ela.... E isso só lhe trouxe problemas. Mas pensar que talvez estivesse começando a ter um abismo por Ruby também não soava de uma forma ruim, ela queria tirar a garota de todos aqueles problemas.

- Então Rose.... o que você acha de sair comigo depois da aula? 

- Eu conheço a sua má fama Weiss. - disse estreitando os olhos.

- Puts.... mas e se for só como amigas, tem problema? 

- Hmm, acho que não.

- Eu suponho, vamos, a aula já vai começar! 

Aquelas palavras à deixaram determinada, ela teria que ser uma má influência mais uma vez, igual tinha sido com Emerald... sim, ela iria fazer isso.

Ela iria conquistar o coração de Ruby Rose!

 

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado, até o próximo capítulo. '^'


Kissus kissus da autora-chan


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...