1. Spirit Fanfics >
  2. A mãe misteriosa >
  3. O recesso de inverno

História A mãe misteriosa - Capítulo 9


Escrita por:


Capítulo 9 - O recesso de inverno


Fanfic / Fanfiction A mãe misteriosa - Capítulo 9 - O recesso de inverno

21 de Dezembro de 1987 era recesso de inverno devido ao natal, os dias estavam sendo bem frios e outros nevavam, Laura estava sozinha em uma pista de skate aproveitando que era apenas um dia frio, lá estava outro garoto usando um boné vermelho, com uma voz familiar e sempre escondia o rosto, Laura estava o ajudando, já que ele não sabia andar de skate direito.

- Olhe bem para os meus pés e você vai conseguir fazer um Ollie.

Diz Laura.

Laura faz um Ollie e o garoto tenta copiar conseguindo até levantar um pouco.

- É isso ai mano, você até que aprende rápido.

Diz Laura.

- Eu queria saber como vocês fazem aquelas coisas no corrimão?

Diz o garoto.

- Como assim? Você está falando no grind por acaso? É um pouco avançado para você garoto.

Diz Laura.

- Me mostre eu posso conseguir.

Diz o garoto.

- Olha rapaz, confiança demais pode acabar fazendo você se machucar muito, eu sei que skate é muito arriscado, mas é sempre bom você ter um pouco de medo e saber seus limites.

Diz Laura.

- Eu sei, mas eu só quero ver se é tão difícil.

Diz o garoto.

- (Vou mandar uma complicada, assim ele vai perceber que é difícil e nem vai tentar).

- Está bem garoto, você vai ver que não é nada fácil.

Diz Laura.

Laura pega impulso e vai até o corrimão pulando com um Heelflip, mandando um Frontside Crooked, ao encaixar a manobra o skate desliza no chão, mas Laura segura.

- (Essa é realmente complicada até para mim, essa parte da pista já está ficando congelada, isso está ficando perigoso).

- Uau! E como você manda essa de girar o skate no alto? Eu também queria saber.

Diz o garoto.

- Os flips eu posso te ensinar já que não são complicados, apenas olhe para os meus pés e tente imitar.

Diz Laura.

Laura começa a mandar varias manobras de flip e o garoto fica a observando.

- (Laura é tão boa nessa coisa de skate, poderia ficar o dia todo observando, ainda mais essas coisas balançando).

O garoto começa a imitar Laura, conseguindo executar algumas delas.

- (Essa coisa é complicada e meus pés doem, como ela aguenta? Ainda mais nesse frio).

- Você até que está aprendendo bem, quanto ao Hardflip, Laserflip, 360 flip, não precisa tentar, essas são complicadas até para mim, gostei de te conhecer garoto, eu me chamo Laura e você como se chama? Podemos nos ver novamente se amanhã não nevar.

Diz Laura.

- Be... Bernar... Bernard.

Diz Bernadette.

- Belo nome rapaz, mas não precisa ficar sem graça perto de mim, eu gosto do mesmo que você gosta, você tem um nome familiar e seu tamanho também, parece a garota que eu gosto.

Diz Laura.

- (Laura gosta de mim...)

- Vo... Você também parece à garota que eu gosto.

Diz Bernadette.

Laura vai lentamente furiosa até o garoto.

- (Droga! Ela descobriu e está brava... O que eu faço?)

- Se essa garota se chama Chelsea fique longe dela rapazinho, minha irmã não tem idade para ficar de namorinho, se eu souber de alguma coisa, os dois vão se ver comigo.

Diz Laura furiosa.

- Não... Não... Ela não se chama Chelsea.

Diz Bernadette.

- (Ufa, pensei já que meu disfarce foi descoberto).

- Se for eu, melhor partir para outra, eu detesto meninos.

Diz Laura.

- Bom vamos andar mais de skate, estou começando a sentir frio.

Diz Bernadette.

- Sim!

Diz Laura.

Laura e Bernadette ficam andando pela pista por alguns minutos até que.

- (Se Laura que é bem menor consegue, eu também consigo)

Bernadette tenta mandar a mesma linha que Laura, mas ao mandar o grind perde o equilíbrio caindo de lado no chão, ela consegue rolar amortecendo a queda, mas o boné cai revelando o disfarce de Bernadette.

- Bernadette? Bernadette!

Diz Laura indo em direção a Bernadette.

- (Ela descobriu meu disfarce droga! Tenho que tentar dar o fora...)

Bernadette tenta levantar, mas sente uma dor no tornozelo.

- Não se mexa! Você torceu o tornozelo, isso vai doer um pouco está bem?

Diz Laura.

- O que vai doer um pouco? Espera um...

Diz Bernadette.

Laura puxa o pé de Bernadette fazendo o tornozelo voltar, a mesma grita de dor e começa a chorar.

- Pronto, pronto, vem comigo eu te levo para casa, vamos cuidar desses machucados.

Diz Laura.

Laura pega Bernadette no colo, a Cavendish pega a varinha colocando os skates sobre ela e as duas vão até a residência da família McLaren.

- Eu não sabia que vivia era rica?

Diz Bernadette.

- A nossa família existe a 765 anos, nós nunca saímos desse lugar, por isso é tão imenso, mas ricos talvez, meus pais nunca exigiram que eu fosse uma garota de classe e de etiqueta, sempre me apoiaram e meu estilo de ser.

Diz Laura.

- Laura, mana!

Diz Chelsea indo até Laura.

- Espera um pouco mana, eu estou com uma visita no colo!

Diz Laura.

Chelsea vai até as duas.

- Quem é essa garota? Arrumou uma namorada mana?

Diz Chelsea.

- Essa é minha amiga de Luna Nova.

Diz Laura.

- Amiga sei.

Diz Chelsea.

- Olá Chelsea, eu sou Bernadette Cavendish.

Diz Bernadette.

- Como você sabe meu nome?

Diz Chelsea.

- Laura me contou.

Diz Bernadette.

- Eu vou levar essa garota ferida para fazer uns cuidados no meu quarto, avise o pai e a mãe que estou em casa.

Diz Laura.

- Vão lá fazer o tesourão heh.

Diz Chelsea.

- Chelsea McLaren! Você não tem idade para falar essas coisas.

Diz Laura.

- Eu não tenho 10 anos mana, você deve saber que eu já tenho 12 anos e é normal saber dessas coisas.

Diz Chelsea.

Laura leva Bernadette ao seu quarto e a deita em sua cama.

- Vocês são bem parecidas, agora sei de onde vem esse jeito pervertido.

Diz Bernadette.

Laura beija Bernadette.

- Melhor ficar caladinha, eu preciso cuidar desse pezinho fofo.

Diz Laura.

Laura tira os tênis de Bernadette e começa a passar a mão pelo pé machucado de Bernadette até ela sentir dor.

- Ta doendo!

Diz Bernadette.

- Então se é aqui que está doendo eu vou passar no banheiro, lá tem óleo de massagem, uma boa massagem e seus pés estarão novinhos em folha, esses pés enormes.

Diz Laura.

- Falou a com pés gordinhos e pequenos, você é tão fofa, tão pequena, até sua irmã mais nova é mais alta.

Diz Bernadette.

- Ei!

Diz Laura corada.

See you, radical witches...

Chelsea McLaren: Irmã mais nova de Laura, enquanto a irmã mais velha é uma tomboy e lésbica, Chelsea é totalmente o oposto, sendo uma menina bem feminina e heterossexual, ela tem um enorme carinho pela irmã mais velha, as duas viviam brincando juntas pela casa, ela é uma pessoa doce e adora provocar a irmã, tem longos cabelos ruivos com franjas da família McLaren, olhos verdes, sardas, 1,49m de altura, 43 kg e nasceu em 4 de Março de 1975.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...