História A maldição. - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taegi
Visualizações 40
Palavras 1.967
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei, queria falar acho que eu esqueci de dizer antes, a fic é baseada na saga "A maldição do tigre" (livros maravilhosos) então boa leitura ❤

Capítulo 6 - Cap6


Fanfic / Fanfiction A maldição. - Capítulo 6 - Cap6

Na manhã seguinte foi para a faculdade com uma terrível dor de cabeça ,não tinha dormido bem se pudesse ficaria na cama,mas tinha uma prova importante não poderia faltar.

Chegou na sala de aula e encontrou Matt,com cara de poucos amigos.

-Oque aconteceu ?

-A Victoria esta namorando com outro cara .

Victoria um amor de infância de Matt , Jungkook sabia que a garota não sente nada pelo seu melhor amigo mas ainda sim se sentia triste pelo mesmo , que é tao apaixonado pela garota.

-Sinto muito.

-Ha...não sei porque eu ainda insisto em gostar dela.

-concordo ...e se ....oque acha de sairmos hoje a noite?

-Isso.. É disso que estou precisando,passo para te buscar no circo a noite .

Não esperou uma resposta,saiu praticamente correndo da sala.

-....OK....

-Jungkookieee...

-Ha droga...

Sussurrou para si mesmo,Nataly uma ex-namorada chata que teve no final do semestre passado,o final do namoro foi meio conturbado pois a garota não aceitou muito bem o fim.

-Nataly...eu já falei... Acab-

-você não vaiccapar jungkook, isso não vai ficar assim.

A garota saiu apressada e estressada da sala de aula, o resto das aulas foram rápidas tanto que logo já estava trabalhando e no fim do expediente se arrumando para sair com o amigo, vestiu uma calça preta lisa, uma camiseta também preta, uma jaqueta de couro e por fim um tênis preto também, quem o olhasse acharia que era algum tipo de gótico, mas se for lembrar de seu "passado" ele estava ate que "bem normal"... Foram para um bar e se divertiram muito,beberam," pegaram", poderiam ate dizer que estavam afogando as mágoas, bom pelo menos um deles, Matt estava se afogando do 10°copo de uma bebida que ele nem se quer lembrava do nome, chorando e se lamentando para o amigo, jungkook já estava começando a achar melhor leva-lo para casa antes que fizesse besteira, mas quando percebeu já era tarde demais.

-Qual é cara! Olha pra onde anda pivete!

-Olhaaa você seu mariloka....

-Do que você me chamou imbecil!!!

Matt estava tao bêbado que nem notou que o cara com quem estava discutindo era BEM maior que si, e que poderia facilmente o "partir" ao meio com um simples soco. Jungkook já sabendo o que ia acontecer, se adiantou em tirar o amigo dali o mais rápido possível. 

-Desculpe o meu amigo senhor ele esta bêbado de mais, desculpe.

-Tire esse moleque da minha frente antes que eu quebre a cara dele!

Somente meneou a cabeça em concordância e retirou Matt do local, entraram no carro do mesmo e seguiram para casa dele, o caminho foi um saco, lamentações do garoto que sonhava em ter a garota "perfeita" mas agora a mesma estava com outro, chegaram na casa e logo jungkook deixou o rapaz nos cuidados da mae e seguiu a pé para o circo, não era muito longe somente algumas quadras, tanto que logo chegou e fez seu trajeto para o quarto mas....

Pensou um pouco mais e foi para o outro lado... Em direção ao galpão,.

A porta do mesmo estava aberta então só seguiu para frente da jaula do tigre que estava dormindo tranquilamente, mas logo que reconheceu o cheiro do garoto levantou a cabeça de supetão, então levantou o resto do corpo e se esfregou na grade como se pedisse carinho, e foi exatamente o que jungkook fez, levou a mao esquerda à cabeça do animal e fez um carinho singelo no pelo do mesmo,o cansaço estava o tomando lentamente que quando menos notou já estava sentado ao chão,ainda acariciando a cabeça do tigre, aos poucos foi perdendo as forças e acabou adormecendo, sentado mesmo,e com a mao dentro da jaula do animal, seu sono estava tao pesado que perdeu o espetáculo a seguir:

Luzes brancas e azuis começaram a se expandir para todos os lados ,transformando pelos em pele, garras em unhas normais, presas em dentes branquinhos e quase todos alinhados deixando somente um "rebelde" da frente tortinho, e então se esgueirou para um sorriso de tirar o fôlego de qualquer um.

O olhando com total admiração, estava um príncipe que nada tinha feito de errado para estar na condição que estava.

Se abaixou para ficar na altura que o mais novo se encontrava, e fez um carinho na bochecha do mesmo, e quando ele ia para cair de lado, o segurou para que não se machucasse, depois o pegou no colo e levou para o quarto, logo saindo para o deixar descansar e voltou para o galpão, pois logo a transformação voltaria, e não poderia ficar do lado de fora da jaula, passou facilmente pelas grades, e se acomodou esperando a dor da transformação, assim a mesma veio, sentia como se sua pele fosse rasgada por míseras lâminas, como se seus ossos se particem em mil,essa doe nem se comparava com as primeiras vezes de transformação, mas ainda sim encomodava ou talvez com a dor de algum ferimento de guerra que sempre adquiria em momentos de glória do passado Quando a dor passou e percebeu que estava de volta com sua forma animal, suspirou pensando quando essa "praga" iria ter fim, sem querer começou a lembrar, de sua vida antes da maldição.

{....} 

Não sabia a quanto tempo estava estudando as benditas "táticas de guerra" que seu havia mandado estudar... Não que seu pai fosse um maluco que só pensasse em guerra, mas se prevenir nunca é de mais, e claro seu "posto" também exigia estudo. 

Mas verdadeiramente o que queria era estar com seus amigos e irmão, jogando algo ou treinando, mas estava ali estudando. 

Soltou um bufo irritado, não aguentava mais. 

- Já não chega? 

Se assustou a ouvir a voz de seu irmão mais velho, e pensou por um tempo como as coisas seriam se ele fosse se "legítimo" e se tornasse no futuro o rei. 

Ha... 

As coisas iriam ser bem diferentes. 

Yoongi não era alguém de deixar as coisas "baratas" com certeza iria trazer muitas mudanças para o reino, mas infelizmente ele era um "bastardo"  nunca subiria ao trono. 

 Mim Yoongi era seu meio irmão, filho de uma das concubinas do rei,mas para jimin, essa "divisão" não existia, Yoongi era seu irmão e pronto, desde pequenos os dois eram próximos e isso nunca encomodou nem o rei e muito menos a rainha que via no garoto outro filho que não pode ter. Mas por ser filho ilegítimo Yoongi só recebeu o sobrenome da mae. 

-Que susto Yoongi! 

-Que isso jiminzinho... Vamos ? 

-Não posso sair ainda... 

-Aish... Já chega... Hum... Há!... Jin fez uns bolinhos deliciosos... Oq acha...??? 

-Hum...bolinhos...??... 

-Uhum... 

Yoongi já sabia que tinha ganhado a pequena "batalha" sabia como jimin amava os bolinhos de Jin, um dos amigos mais íntimos dos dois, assim como também amava fugir das responsabilidades de príncipe por uns instantes. 

-Aish... Esta bem vamos...! 

Yoongi sorriu vitorioso e seguiu o irmão para a cozinha do palácio, todo o caminho seguiram conversando sobre oque o moreno estava fazendo antes e o mesmo contou que estava treinando, e que estava paqueirando um empregado novo e que o mesmo o rejeitou quando uma garota outra empregada se jogou para sima de Yoongi e o mesmo não fez nada para afastar a "vagabunda" , oque gerou risadas de jimin, seu irmão não prestava mesmo, isso era uma das coisas que mais admirava em Yoongi, seu jeito de não fazer rodeios, e também a coragem de se assumir gay, para todos, ainda mais na época em que estavam, para se assumir gay no séc 18 não era fácil, logo já estavam se agraciando do maravilhoso cheiro dos bolinhos de Jin. 

-Jimin ha... Que bom que veio estava com saudades! 

Jin disse assim que viu os meninos entrando na sua cozinha, ele era o cozinheiro real, e também o mais velho do grupo de amigos, logo atrás dele vinha Yoongi e depois Hoseok , Namjoon e por fim Jimin. 

-Eu também estava com saudades Jin hyung, estou muito atarefado esses últimos dias desculpe.... 

-Está desculpado jiminie... 

Hoseok falou eentrando também na cozinha sendo seguido por Namjoon que tinha um pano enrolado na mão. 

Esse último citado fez o coração de Jin dar uma pequena acelerada assim que o viu, Jin sempre teve uma queda por Namjoon mas tinha medo de não ser recíproco, parte desse "aceleramento" também era preocupação com a mão do mais novo. 

-Namjoon o que você quebrou agora!...   

Jin exclamou preocupado, correndo até o mais novo e o levando para perto da pia lavando a mão dele com todo carinho e cuidado possível, Namjoon por sua vez amou aquele contato, adorava quando Jin era carinhoso com sigo , sempre gostou de Jin de um jeito diferente mas, ainda não entendia como. 

-Aish eu acabei pegando no lado errado da espada Jin hyung.... Aí aconteceu isso... 

Namjoon era general do exército do reino Park, apesar de sua pouca idade já demonstrava total competência para estar em tal posição, por ser muito inteligente o  rei  achou melhor colocar alguém jovem, muito inteligente e forte para a posição. 

-Não teria se machucado se estivesse prestando atenção no treino,  ao invés de ficar olhando para as damas que compareceram ao mesmo... 

Hoseok disse sem saber dos sentimentos do mais velho de todos, aquela frase machucou Jin, mas ele não demonstrou, preferiu ignorar, e continuar a cuidar do ferimento de Namjoon, além do mais o garoto não sabia de seus sentimentos não é mesmo?!  Jin não tinha que falar nada com relação a isso. 

Namjoon lançou um olhar matador para Hoseok. 

-Hobi fica quieto ou eu mando cortar a sua língua! 

-Você não faria isso...

 Hoseok colocou a mão sobre o peito demonstrando incredulidade. 

-Faria com gosto.... 

-OK ... Não está mais aqui quem falou.... 

Disse em um tom melancólico , Jimin e Yoongi gargalharam com a cena de seus amigos malucos. 

Depois de um curativo bem feito na mão do general, todos sentaram se há mesa para degustar dos bolinhos de Jin. E como sempre estavam uma delícia. 

-Ho....hyung isso está divino!!!!!!!! 

Jimin exclamou maravilhado sendo seguido dos outros três. 

-Hyung eu amo a sua comida!! 

Jin baixou a cabeça envergonhado, das palavras doces de Namjoon para si, era tao bom ouvir essas palavras de alguém que ele nutria sentimentos. 

-Obrigado... 

Disse envergonhado logo provando também, e se surpreendeu, apesar de ser novo sua abilidade na cozinha era impressionante, tanto que só conseguiu o cargo de cozinheiro real por esse motivo. 

Os amigos comiam riam e se divertiam, mmatando a saudade, todos foram criados juntos por esse motivo eram tao próximos, eram a família que Jimin amava e faria de tudo para proteger do mundo..... 


{....} 

Jimin... 

O príncipe... 

Não era assim que ele se via até dias atrás .... Ele se via como um animal e que nunca mais teria sua vida antiga de volta...não teria seu irmão a sua família estranha e não teria...amor. 

Mas...

 Então jungkook chegou... 

E foi ali que viu que poderia ter tudo novamente... 

Foi naquela troca de olhares que alguma coisa tinha acontecido...

Por isso quando se viu sozinho fez uma coisa que tinha desistido de fazer a muitos anos.... 

Se transformar em humano.... 

1...2...3...

Falhas..Estava quase desistindo... 

Quando quarta deu certo.... Quando se viu novamente com braços, pernas humanas sentiu vontade de chorar....

Foi naquele dia que conseguiu conversar com Namjoon por telefone, escondido, no início não sabia como mexer, mas logo depois pegou intimidade com o aparelho, conseguiu o número na lista telefônica, que constava que o mesmo era um SEO bastante influente e rico da Coréia, então ligando os pontos logo soube que era seu amigo de infância. 

Foi naquele dia que passou a ter esperança novamente... 

E agora em sua forma de tigre, estava encarando o amplo galpão, com um único pensamento... 

Apartir de amanhã as coisas mudariam,e grandes desafios enfrentariam.... 

Só esperava que jungkook concordasse em ajudar.... 

Ele era sua salvação.... 

Mas para seu coração talvez não só isso...






Notas Finais


Um pouquinho da história do Jimin❤
Será q o Jungkook vai aceitar??????
Próximo cap vai ta tenebroso haha😏


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...