História A maldição de Kitetsu - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias One Piece
Visualizações 9
Palavras 2.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Chapter 6:Memorias ao vento


Fanfic / Fanfiction A maldição de Kitetsu - Capítulo 7 - Chapter 6:Memorias ao vento

Chapter 6: Lembranças Perdidas.

Anteriormente...

Nami POV ON

Aquele chapéu de palha vai me enlouquecer, faz seis meses que aquilo aconteceu... –Reflito  

em minha mente.

Flash back On

A caminho de wano

No meio do mar em uma noite calma...

Seis meses atrás...

Estava de noite, todos estavam dormindo, e era meu dia de vigiar o Sunny GO enquanto

andava pelo navio, vi uma silhueta de uma pessoa apoiada na Cabeça do leão...

Continua...

Essa pessoa que usava um clássico chapéu de palha e fitava o mar com atenção, eu nunca

Imaginaria tal cena, Luffy refletindo, pensando, foi então que eu me aproximei e perguntei:

O que foi Luffy? –Perguntei encarando-o.

Luffy: Eu tive um pesadelo, sonhei com o Ace de novo, todos os dias passa na minha cabeça a

cena dele em meus braços dando seus últimos suspiros. Penso cada vez mais que se eu tivesse

esse poder antes, se eu fosse mais forte na época seria capaz de salvar meu irmão.

Isso partiu meu coração, pois quando Luffy mais precisava, eu não pude estar do lado dele

enquanto isso, a tal imperatriz pirata esteve com ele do início ao fim.

Não se culpe Luffy, você fez o que pôde. – tentei consolá-lo

Luffy: não foi o suficiente, até hoje esse fantasma me assombra me tirando o sono e a

vontade de viver.

Não seja tão egoísta, você não precisa se martirizar porque errou, porque há pessoas que se

Importam com você e te amam, e fariam de tudo para te ver feliz e bem. –Exclamo exaltada.

Luffy:Nami... –fala o moreno fazendo biquinho

O que foi Luffy?–Exclamo curiosa.

Luffy: Você me ama?...

Eu fico estática e sem reação com a pergunta que o moreno me faz.

S-Sim, Luffy eu te amo. –Exclamo envergonhada.

Luffy: Como você me ama? –Luffy complica ainda mais minha situação.

Amando, ora bolas! –Digo tentando cessar a conversa

Luffy: eu tou perguntando se você me ama como eu amo meus Nakamas ou se é como eu amo

você. –Luffy justifica a pergunta.

Fiquei sem palavras por um momento ao ouvir o que o moreno disse e em seguida pergunto.

E como você me ama luffy? –Pergunto completamente corada.

Luffy: Eu te amo de uma maneira especial, sinto algo que não sinto por ninguém, gosto de

estar perto de você e também quando te abraço e sinto seu cheiro minha vontade é de te

agarrar e nunca mais soltar, sinto vontade de fazer uma coisa que eu sempre quis fazer. –Ele

me olha com um olhar diferente e coloca seu chapéu em minha cabeça.

O quê Luffy? –pergunto curiosa com uma cara pervertida.

Isso! –Luffy fala antes de me surpreender com um beijo.

Que sem pensar duas vezes retribui saciando meu desejo e quebrando meu jejum que Durou

desde o dia que o vi no barco da pirata Alvida, aquele dia eu nunca vou esquecer, nunca

imaginei que aquele garoto de chapéu de palha seria hoje meu capitão.

penso enquanto beijo meu capitão.

 –mas infelizmente vem a maldita falta de ar.

Quis fazer isso desde o dia em que te salvei das garras de Arlong. –Exclama o moreno

ofegante.

Pra falar a verdade eu também Luffy, pensei que este dia nunca iria chegar mas finalmente

Chegou.  –Exclamo feliz fitando o moreno.

Vem cá Luffy vamos fazer algo melhor? –Pergunto com cara maliciosa.

O quê você tem em mente “gata ladra”? –pergunta Luffy com cara pervertida.

Vem que eu te mostro “Mugiwara”. –Puxo-o pela sua camisa vermelha até meu quarto.

Lá eu tiro sua camisa,enquanto ele tira minha blusa, em seguida ele deixa a mostra seu físico

definido  enquanto eu fico apenas de sutiã,logo em seguida ele tira minha saia rosa me

deixando semi-nua .Eu acaricio levemente sua barriga definida enquanto sinto leves suspiros

no meu ouvido. Nós dois ficamos cada vez mais excitados até que eu comecei a acariciar seu

membro com delicadeza, fazendo o clima esquentar mais, em seguida abro o zipper  de sua

bermuda azul, depois de tirá-la por completo, eu começo a lubrificar o material, fazendo

um oral. Ele geme cada vez mais alto na medida em que coloco seu membro na boca, até

o ponto de fazê-lo gozar.Logo após eu te feito o moreno gozar, ele vem tirando minha

calcinha e massageando meu clitóris delicadamente, enquanto eu solto gemidos altos e

tampo a boca com minhas mãos para diminuir a altura do gemidos, em seguida ele começa a

lamber minha vagina,me fazendo delirar.

Isso é melhor do que comer carne!  – O Luffy exclama.

Após ambos gozarem, ele se deitou e eu me deitei com a cabeça em seu peito.Nós fitávamos

o teto e falávamos sobre as coisas Que passamos juntos.

Luffy: Eu imagino o que você deve ter passado nas mão de Arlong, ele te estuprou?

-Pergunta  o moreno curioso olhando para mim.

Não isso nunca, ele só me forçava a fazer mapas para ele e se eu não o fizesse ele me

torturava.Ele já tentou, mas não conseguiu porque foi impedido por Hatchan o Polvo.

-respondo ao moreno

Em fim, ele pagou por tudo o que fez com a própria vida e eu o matei com minhas próprias

mãos. –Fala o moreno aliviado

Ei “Mugiwara No Luffy” vamos fazer algo mais divertido? – Eu falo excitada e querendo algo

mais quebrando o clima tenso no qual o Luffy estava.

Yoshi! O que você quer fazer Nami “Gata ladra”? –Responde o moreno animado.

É simples, você coloca e tira seu amiguinho daqui repetidamente, mas você começa devagar,

E outra coisa, quando vê que vai gozar você tira. –Digo apontando para minha vagina.

entendido! –Exclama o moreno enquanto me penetra em uma velocidade que aumentava

aos poucos.

Eu gemia cada vez mais alto e sentia cada vez mais desejo, esse foi o dia em que eu

finalmente matei minha vontade de ter aquele capitão todinho para mim e tirei minha

virgindade com o homem que eu sempre sonhei.

 

Nunca imaginaria que esse dia chegasse.

Então quando acabou aquele sexo gostoso que eu fiz com meu capitão, ambos dormimos

Juntos.

Flash back OFF

Aquele dia foi inesquecível. –Falo enquanto suspiro levemente.

???:  Navegadora-san

AIIIIIIIIIII!QUE SUSTO ROBIN! –Exclamo enquanto volto à realidade.

Fufufufu!Já sei pensando no capitão-san de novo Não é? –Exclama a morena enquanto ri.

É sério ta tão na cara assim? –Exclamo nervosa e corada.

Faz seis meses que eu percebo que você age diferente com o Luffy Nami, eu percebi a troca

De olhares entre vocês, só falta você admitir que gosta dele de verdade na cara dele, não

Negue eu sei que você o ama. –Diz a morena séria.

M-mas não é a hora certa... –sou interrompida.

Quando você encontrar ele você deve dizer, que tem 7 garotas esperando apenas uma

brecha para tomá-lo de você caso você vacile: Hancock, vivi, Rebecca, shirahoshi,

Bonney e Alvida( incluí ela porque ela comeu a Akuma no Mi da beleza).

Você só falou seis –Falo curiosa.

Eu gostava dele no começo, mais vi que você o merece mais do que eu, e também, eu

comecei a gostar daquele espadachim desajeitado. –Fala Robin se explicando.

Tou chocada! Não imaginava isso nunca, sério! –falo surpresa.

Más a sétima agora não sou eu...

É uma caçadora de recompensas famosa aqui em Wano, ouvi relatos de que ela ia ser

executada mais o Luffy a salvou.Suspeito que ela seja da família do Luffy e esteja nesse

momento bolando um plano de fuga para soltar ele. –Exclama Robin enquanto mostra um

cartaz de Procurado:

 

Abusada ela, não? –Exclamo fazendo cara de deboche.

Robin: Por que Nami? – pergunta ela curiosa.

Você ainda pergunta? ela ainda colocou no cartaz que  foi a Primeira a usar o tesouro do

Luffy, O chapéu de palha que ele não deixava ninguém por as mãos e ainda por cima tem um

igual. –Exclamo irritada

Robin: mesmos assim, Temos que encontrá-la o quanto antes para que possamos fazer uma

aliança com ela para que ela não atrapalhe o plano do Shanks-san.

Logo ela?! –Exclamo decepcionada.

É o único jeito! –Robin explica a situação.

Então essa Tal de Katerine é da família do Luffy?! –pergunto com a mão no queixo.

Robin: Foi o que eu disse. –Exclama a morena.

Então tem chance dela ser sua irmã! –Exclamo satisfeita.

As chances de isso acontecer são mínimas, pois eu perguntei a Dragon se o Luffy tinha Irmãos

e ele me disse que o Luffy é filho único da parte dele. –Exclama Robin quebrando Minhas

esperanças.

Esta morena azeda aí não é risco algum para mim. –Dou de ombros enquanto vou para minha

Cabana.

Nami POV OFF

Robin POV ON

A Navegadora-san está louca pelo Luffy, mas não fala sobre isso com ele, Se ela não falar

Uma das sete concorrentes vai falar e a mais perigosa é essa Katerine, pois, ela conhece

Ele desde sua infância. –falo em minha mente.

Robin swaaan! Quer que eu faça o cappuccino de sempre para você? –Pergunta o cozinheiro

com corações nos olhos.

Sim sanji-san faça e coloque na escrivaninha do meu quarto. –Exclamo apontando para o

local.

Sim Robin Swaaan! Eu farei tudo que minha Mellorine me mandar. –Fala o cozinheiro indo

fazer o café.

Mas que idiota esse Ero-Cook de merda, ele é muito baba-ovo isso me dá raiva! –Exclama

O esverdeado enquanto me fita.

 Ciúmes kenshi-kun? –provoco o esverdeado.

Ô historiadora você sabe que eu não gosto que me chame assim. –Fala zoro que passou de

cabeça-de-limo a tomate de tão vermelho que estava.

Você não negou a parte dos ciúmes fufufufufufufu! –rio da cara do esverdeado enquanto

Ele fica cada vez mais bravo.

Ah não enche azulada. –O espadachim fala puto da vida.

Azulada? –Pergunto sem entender.

Eu posso te revelar uma coisa historiadora? –Pergunta Zoro enquanto se aproxima de mim.

Claro Kenshi-kun. –Exclamo enquanto ouço o esverdeado.

Seus olhos são azuis como as águas do mar, seus cabelos são escuros como esta noite linda

Que brota nesse momento, essa sua pele branca é como a neve das sete montanhas que eu

Já conheci, seu jeito singelo e meigo me golpeou como um corte de espada revestida com

O mais poderoso Haki, eu até esse momento estive guardando esse sentimento em meu peito,

pois não soube descrever com palavras tal sentimento, porque nunca senti algo parecido.

Não sei o que é isso, mas me sinto bem quando estou perto de você, sinto ciúmes quando

Outros se aproximam me sinto ameaçado por não ter a mesma iniciativa que eles, porque tive

Medo da sua reação ao saber o que eu sentia, agora você deve achar que eu sou um idiota,

Cabeça de limo que nem sabe que direção ir mas agora, sei que meu lugar é a seu lado.

-O espadachim coloca todos os sentimentos a mostra, baixa sua guarda, nunca imaginaria

Que havia um ser tão Doce debaixo de uma carapaça de frieza,seriedade e haki  tão forte.

Noossa  Kenshi-kun que lindo! –Exclamo feliz e corada.

Quer namorar comigo historiadora? –Zoro Exclama corado

Quando essa zona acabar Zoro com toda certeza  eu irei ser toda sua. –Respondo fazendo o

espadachim ficar calado por alguns instantes até que...

 

-Ele me surpreende com um beijo doce e calmo.

 Boa noite historiadora, amanhã eu falo mais com você. –Zoro fala enquanto se despede de

Mim.

Boa noite Kenshi-Kun! –Exclamo enquanto dou um leve suspiro

Robin POV OFF

No dia seguinte...

12 Celas separadas cada uma com: 3m de altura cada uma, 10m de comprimento, barras de

metal polido 3 cm.Muro de fortaleza: aproximadamente 5m de altura, tijolos de

oceanite,quatro portões de tamanho 2X3 metros, distribuição: um ao norte outro ao Sul e

outros dois no Leste e oeste, dois guardas em cada um dos portões da fortaleza e um em cada

cela, troca periódica a cada 6 horas. Cada um tem um costume, a cela do Luffy é a 07 lá

hoje trocaram 3 vezes de turno. Se continuar assim o resto do dia podemos obter o padrão do dia só falta

o Raizou me dar a rotina completa dele e do Luffy.–Exclama o ruivo.

Continua...

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...