História A Maldição dos herondale- clace - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Shadowhunters
Personagens Alexander "Alec" Lightwood, Clary Fairchild (Clary Fray), Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland), Jocelyn Fairchild, Magnus Bane, Simon Lewis, Valentim Morgenstern
Tags Clace, Shadowhunters
Visualizações 121
Palavras 1.027
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gente esse é o castelo do Sebastian

Capítulo 16 - Bodiam


Fanfic / Fanfiction A Maldição dos herondale- clace - Capítulo 16 - Bodiam

Povs Jace on

Não consigo aguentar nem mais cinco minutos sem fazer nada, logo quando acordei já arrumei minhas malas e providenciei um avião. Não posso ficar sem saber o que está acontecendo com a Clary.

- Aonde você pensa que vai? - Alex entra igual um furacão no quarto.

- Do que você está falando? - Tento me fazer de desentendido.

- Em primeiro lugar ouviram você pedindo uma passagem pra Bodiam (fica na Inglaterra) e em segundo, sua mala ta em cima da cama - diz revirando os olhos, droga.

- Okay, eu te falo, mas você tem que me prometer que não irá contar a ninguém e muito menos me impedir.

- Prometo Jace, agora fala.

- Eu vou até o castelo de Sebastian resgatar Clary.

- Você ta louco caralho? Vai morrer logo quando chegar no portão.

- No escritório tem um mapa bem antigo do castelo dos Verlac, lá mostra entradas que ninguém conhece, assim não vão me ver quando entrar.

- Agora você acha um mapa do castelo do inimigo no seu escritório e deduz que é verdadeiro. QUALQUER UM PODE TER COLOCADO ESSA PORRA AI.

- Alec me escuta, meu pai me mostrou esse mapa quando eu ainda era pequeno, disse que nosso tataravô o fez assim que Verlac declarou guerra. Vovô e Verlac cresceram naquele castelo, sendo assim o meu avô conhecia o castelo até vendado. Meu pai disse que nós só poderíamos usar o mapa pra entrar lá em caso de emergência já que eles acabariam achando as entradas logo após.

- Sendo assim eu vou com você, jamais o deixaria ir sozinho.

- Não Alex, vai ser perigoso - o Alex é muito bom lutador, mas eu não me perdoaria se algo ruim o acontecesse.

- Não tem discussão, espera uns 10 minutos pra eu me arrumar e saímos.

Nesse exato momento estamos no avião e estou revisando o plano umas mil vezes com Alex, absolutamente nada pode dar errado.

- O castelo é cercado por um rio, nós vamos pular exatamente nesse ponto- aponto pra uma parte atrás do castelo - nós teremos que ir bem fundo e nadar bastante já que a margem é um pouco distante do castelo e a entrada é bem fundo. Por isso vamos usar uma mascara de oxigênio que está na minha bolsa. Lá dentro não tem praticamente ninguém já que Sebastian não gosta de muita gente em seu castelo.

- Calma, como sabe disso?

- Eu dei uma conversada com Magnus antes de vim - ele revira os olhos- tem apenas vampiros no portão, para eles o único jeito de entrar é passando pela ponte ou voando, sendo assim também tem vampiros nesses pontos - aponto para as duas torres laterais.

Depois de revisarmos o plano mais umas três vezes finalmente chegamos. O castelo ficava um pouco afastado da cidade de Bodiam, fica exatamente no meio de uma floresta.
Não demorou muito pra gente chegar até floresta, lá nos transformamos e chegamos em menos de 5 minutos no rio.

- Lembra de tudo né Alex? - digo colocando minha roupa novamente.

- Claro né, você só falou umas dez mil vezes.

- Ótimo, coloca isso - jogo a máscara de oxigênio nele, coloco a minha e entro no rio.

Quando já estava bem fundo eu consegui ver a pedra que estava no mapa, fiz sinal pra Alex vir me ajudar a empurrar. Quando tiramos ela vimos que era um tipo de "porta" que dava pra uma caverna.

- Isso até aqui deu tudo certo - tiro a máscara e falo indo cada vez mais fundo até a caverna.

- O que nós estamos procurando exatamente? - Alex pergunta usando a visão de lobo para conseguir enxergar naquela escuridão.

- Uma tocha dourada em uma das paredes da caverna.

- Como essa aqui? - fui até onde Alex estava.

-Exatamente essa - puxo a tocha e a parede se abre, assim dando acesso ao porão do castelo.

Povs Jace off

Povs Clary on


Depois de Sebastian ter me contado as verdades sobre Jace nós viajamos para Bodiam para o seu castelo e devo admitir que é lindo.

- Bem vinda Clary a sua nova casa.

- Obrigado, é muito lindo aqui.

- Que bom que gostou, já está tarde, vem que vou mostrar o seu quarto - diz ele me levando para um dos quartos do castelo.

- Agradeço por tudo o que está fazendo por mim Sebastian.

- Família é pra essas coisas - diz e logo depois sai.

O quarto é muito bonito, tem uma visão linda para a floresta.
Não demorou muito e eu já peguei no sono, estava muito cansada depois de tudo.

- Bom dia Clary- acordo com Sebastian entrando em meu quarto com uma bandeja cheia de coisas gostosas.

- Bom dia - falo ainda meio sonolenta.

- Desculpa ter te acordado, é que queria avisar que vou ter sair para resolver umas coisas, mas quando voltar eu te apresento todo o castelo.

- Sem problemas, mas não precisava ter trazido meu café na cama eu mesma ia pegar.

- É que aqui nós não temos comida, lembra? Aqui só tem vampiros.

- Havia me esquecido - ai meu deus, será que eles matam pessoas para beber seu sangue.

- Nós bebemos sangue de animais Clary - ele diz rindo, parece que leu meus pensamentos.

Depois que Sebastian saiu eu comi praticamente tudo que havia naquela bandeja, eu tava morrendo de fome. Quando acabei de comer resolvi dar uma olhada melhor no quarto já que ontem eu capotei, e ai eu vi a melhor coisa que poderia ter visto, uma estante cheia de livros. Eu amo ler, me sinto como se estivesse vivendo tudo o que o personagem vive, sinto tudo o que ele está sentido.
Levanto e vou direto pra estante procurar um livro que goste e acho um perfeito, A história de amor de Anastásia Romanov. Fico horas entretida naquela história, é cheia de amor, mistério e infelizmente tristeza, não conseguia parar de ler até ouvir um estrondo na porta do meu quarto e ela ser aberta.

- Jace?

Povs Clary off







Notas Finais


Genteeeee esse livro que Clary está lendo eu recomendo muitoooo, é maravilhoso.
Ai meu deus, eu não quero nem ver a treta que isso vai dar, postei e sai correndo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...