História A Manhã - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Gajeel Redfox, Levy McGarden
Tags Fofura, Romance
Visualizações 51
Palavras 259
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fluffy, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu não sei porque escrevi algo tão fofo, geralmente meus poemas refletem a depressão, mas fiquei inspirada em amar e ser feliz ksksksks.

Capítulo 1 - Hey, acorda.


—Gajeel, hey, acorda, é impossível dormir com você, me abraçou e babou em mim a noite toda.

—Hmm, o que você está reclamando esta hora da manhã, Levy? — disse Gajeel, bocejando com a boca virada para Levy, que estava ao seu lado na cama.

—Eu te amo, mas seu hálito de manhã me faz repensar certas coisas.

Gajeel, ignorava totalmente as reclamações – que eram bobas, na opinião dele – passou a encarar os lábios dela, o formato delicado, o jeito gracioso com que se mexiam, as mordidas que ela deu em sua boca, como o sinal de uma leve raiva, até os movimentos  perfeitos da língua, que formulava palavras em uma voz tão doce, segundo ele.

—Está me escutando? Por que está me encarando? — o interno de Levy se abalou, ela ficava desajeitada quando ele a encarava com tanta intensidade, os pequenos atos sólidos e imperceptíveis dele eram os pontos fracos de Levy, como se toda a raiva fosse embora num minuto e ela ficasse a mercê do brutamontes.

— Eu me sinto um ogro quando você fala assim, não entendo o porquê de uma fada como você ter me aceitado, só sei que estou com sono.

— Não fale assim, não é como se nós não merecessemos um ao outro, mas amor não é uma conquista, estarmos juntos foi eventual e consequente de nossas próprias ações, não de um jogo. — novamente, Levy, olhou o rosto já adormecido de Gajeel após sua faladeira, voltou aos seus braços, fechando os olhos, num felizes para sempre de contos de fada.


Notas Finais


Eu vou ter diabetes de tanta doçura.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...