1. Spirit Fanfics >
  2. A marca da Rejeição. (Jikook)(ABO) >
  3. Capítulo 50

História A marca da Rejeição. (Jikook)(ABO) - Capítulo 50


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura!
🐰❄️🐰
🐰❄️🐰

Capítulo 50 - Capítulo 50


Fanfic / Fanfiction A marca da Rejeição. (Jikook)(ABO) - Capítulo 50 - Capítulo 50

Jeon.

Caminho com Jimin até o quarto, com ele adormecido em meu braços. O remédio que ele toma é muito forte, pois ele disse que estava fazendo efeito, e logo apagou em meu ombro.

Deito ele sobre o colchão, retiro minha roupa, me deitando ao seu lado. Ele imediatamente se aconchega em meus braços, deitando com seu rosto em meu pescoço, com sempre faz.

Estou tão feliz e ao mesmo tempo tão cansado, que ao sentir seu corpo se aconchegar em meus braços adormeci.

Acordo com um trio fofo sobre a cama, pulando pra me acordar.

– Bom dia papai Kook!– Kwan grita.– Seu café da manhã que papai Chim fez.

Jimin está encostado no batente da porta, com os braços cruzados sorrindo. Esse é o melhor presente do meu dia... Ver seu sorriso, ainda mais sendo pra mim!

Kwan tagarelando ao meu lado, Pérola deitada sobre minhas pernas e Taemin pegando minhas panquecas, enquanto eu tento me sentar no meio dessa bagunça.

– Bom dia meu amor.– Jimin beija meus lábios.– Crianças deixem seu pai levantar...

Jimin começa a pegar as crianças pela cintura, eles gritando e tentando fugir, dando gargalhadas, e Jimin rindo deles.

– Melhor maneira de começar meu dia.– Digo sorrindo.– A alegria de vocês me deixa muito feliz!

– Papai Kook, eu vou pra escola.– Taemin diz feliz.– Vou estudar com a Yuna. – Taemin faz uma dancinha fofa.

– A gente também vai, não é papai Chim?– Kwan pergunta ansioso.

– Sim, todos vão!– Jimin diz fazendo a alegria das crianças.– A Lisa matriculou Yuna em uma escola aqui perto. Ela disse que foi indicada por uma vizinha que tem duas crianças, que já estudam lá. Lisa disse que amou a escola, que é muito segura.

– Podemos ir conhecer a escola hoje...– Digo tomando meu café.– Se você gostar, fazemos a matrícula. Eu acho um pouquinho cedo, mas se você quer, e eles querem... Ainda mais que Yuna está estudando lá, eu tenho certeza que Taemin iria querer ir.

– Eu quero, mas queria conversar com você primeiro sobre isso. Não poderia tomar uma decisão desse porte, sem sua autorização...– Jimin fala olhando Taemin que está deitado.– Yuna já começou a estudar, e falou com ele sobre isso, então, ele veio correndo dizer que quer ir pra escola... Ainda mais que ela falou pra ele que tem dois irmãos gêmeos alfa Lúpus na sala dela, que ficam procurando coelhinhos... Eu não entendi muito bem essa parte, mas é coisa de criança.

– Você não precisa da minha autorização pra fazer algo pelos nossos filhos... – Digo o olhando.– Taemin ficou com ciúmes da Yuna...

– Lisa falou o mesmo, quando viu ele correr pra pedir pra ir para a escola, com a carinha triste.– Jimin fala parecendo preocupado.– Lisa está muito preocupada com a história da marca da Rejeição, então, ela quer que ele esteja sempre por perto, cuidando dela.

– Quer ir hoje, ver a escola?– Pergunto vendo Jimin concordar.– Então, eu vou tomar banho, e me arrumar, podemos ir agora pela manhã... Tudo bem?

– Vou arrumar as crianças.– Jimin se levanta.– Quem quer ir conhecer a escola?

– Eu!– Os três gritam ao meu tempo. Saem correndo na frente e Jimin rindo, correndo atrás deles.

Acabo de tomar café, vou para o banheiro tomar banho.

Na escola, o diretor fez questão de mostrar tudo, dando destaque a segurança da instituição.

– As crianças ficarão juntas... Como são trigêmeos, vão ficar na turma correspondente a sua idade.– Jimin olha tudo enquanto caminhamos pelos corredores.– As crianças só saem com os pais. Se precisar passar mais tempo na escola, temos um horário estendido para pais que trabalham... Se precisar que alguém diferente de vocês peguem as crianças, terá que fazer um cadastro com antecedência.

– Não, eu ou meu marido pegaremos as crianças.– Digo imediatamente.–  Quanto ao horário estendido, vamos esperar a adaptação deles, somente caso meu marido queira voltar ao trabalho.

– Vamos conhecer a turma onde eles estudarão?– Concordamos.– Todos nessa turma, nasceram na mesma época dos seu filhos. Só temos três Lúpus nessa escola, uma Ômega, e dois Alfas. Os Alfas Lúpus são gêmeos.

Chegamos em uma sala com a porta cheias pintura de mãozinhas carimbadas. O diretor abre a porta, pedindo licença ao professor.

– Bom dia crianças!– O diretor diz sendo respondido imediatamente.– Eu vim apresentar seus novos amiguinhos... São trigêmeos, um Alfa Lúpus, e dois Ômegas Lúpus.

Estávamos com as crianças do lado de fora da sala, vendo as crianças curiosas pra verem os novos coleguinhas.

– Podem entrar...– Entramos com Pérola grudada nas minhas pernas, Taemin andando cheio de pose e Kwan todo curioso olhando tudo.– Esse é Taemin, Kwan e Jin-joo. Seus novos amiguinhos...

– Coelhinhos!– Duas crianças gritam, ficando agitadas apontando para meus filhos.– Olha... Coelhinhos!

– Não, eles não são coelhinhos...– O diretor diz.– São seus coleguinhas.

– Meu coelhinho! – Uma das duas crianças diz cruzando os braços olhando pra Kwan.– Meu coelhinho!

Jimin me olha sorrindo.– Olha amor, ele estava esperando eles chegarem, já sabiam que eles vinham... – Jimin diz me deixando confuso.– Lembra que no dia que nossos filhos nasceram, Sr. Hyun mandou avisar que haviam nascido dois Alfas Lúpus pra eles?

– Mas coelhinhos?– Pergunto tentando entender.– Não entendi.

– Meus filhos têm seu sorriso, que lembram coelhinhos...–Jimin diz e só agora eu compreendo.– Pode ir falar com ele. Pérola, vai lá falar com o irmão dele.

Os dois vão andando até eles, que abriram um sorriso imenso.– Você chegou, meu coelhinho!– Uma das crianças fala abraçando Kwan que sorri.

– Eu sou seu coelhinho?– Kwan pergunta e o Alfinha balança a cabeça confirmando.– Meu nome é Kwan... E o seu?

–  Park Chenyeol...– O menino reponde e Jimin abre a boca assustado.–  Meu irmão Park Hyung- Sik...

– O que foi amor?– Eu vejo Jimin chorando o levo para o corredor.– Está sentindo alguma coisa?

– Ele tem o mesmo nome do meu pai!– Fico com a boca aberta.– Exatamente o mesmo nome... Park Chenyeol! Serendipity!

– Serendipity?– Eu o olho.– O que é isso?

– É o nome da música que fiz para nossa família.– Jimin diz sorrindo entre as lágrimas.– Quer dizer acaso, mas na verdade são coisas que estão predestinadas a acontecer. Esse é mais um sinal que ele é o escolhido do Kwan. Eles chamam nossos filhos de coelhinho, foi a primeira coisa que pensei quando vi seu sorriso pela primeira vez!

As crianças saem da sala, ao lado do diretor.– Hoje não teremos nenhum conteúdo especial, se quiserem deixar as crianças, eles querem ficar com os coleguinhas.– O diretor diz olhando as crianças.– Como é o primeiro dia, vocês podem ficar algum tempo pra ver se eles vão chorar... Só  pra ver suas reações.

– Tem algum lugar que possamos ficar sem interferir na adaptação?– Pergunto.

O diretor encaminha as crianças de volta pra sala, e nos leva para uma área, onde temos visão do pátio, uma sala com uma janela enorme, bem confortável. Nos deixando sozinhos para conversarmos.

– Você tem certeza, amor?– Eu pergunto ainda em dúvida.– Podemos estar apressando as coisas...

– Amor, Yuna disse que eles ficavam procurando coelhinhos, quando nossos filhos chegam eles chamam nossos filhos de coelhinhos...– Jimin diz.– Uma das crianças tem exatamente o nome do meu pai, justamente a criança que escolheu Kwan... É muita coincidência, não acha?

– É, realmente...– Digo convencido.– O Chenyeol, ficou irritado com o Diretor por causa do coelhinho dele...– Rio ao me lembrar da carinha invocada do menino. Eu achei o apelido fofo...

– Ainda bem que um é coelhinho e a outra coelhinha.– Jimin diz dando uma gargalhada fofa.– Eu quando te vi, comparei seu sorriso a um coelhinho... Fofo!

– Eu posso ser seu coelhinho, se você quiser!– Digo sorrindo.– Quer?

– Você já é meu coelhinho!– Jimin me abraça.– Só meu!

Logo vimos as crianças saindo no pátio, Taemin com Yuna, Kwan com Chanyeol, e Pérola com Hyung-Sik. Sentaram em uma mesa, todos juntos. Vem uma moça da lanchonete, trazendo os lanches das crianças.

Eles estavam tão tranquilos que conversavam brincavam, de correr, ninguém chorou.

No final da aula, o Diretor, volta para conversarmos.

– Eu vi que eles ficaram comportados.– Ele diz.– Pra tranquilizar, eles vão juntos até o ensino médio. Caso tenham gostado... As refeições são inclusas na mensalidade, assim como o material didático e uniformes.

– Eles vão continuar. Gostamos muito da escola.– Eu digo segurando a mão de Jimin. – Vamos fazer a matrícula.

Se gostou da leitura, não esqueça de deixar seu voto. Obrigada!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...