História A Melhor Amiga Do Meu Irmão - Capítulo 47


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Jackson, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 55
Palavras 1.291
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


E AGORA?! K7!
Divulguem a Fanfic e comentem o que estão achando.

Capítulo 47 - Suposições


Chegando no boliche, Yoongui ficou me olhando meio aflito, mas eu não ia deixar isso estragar a minha noite, e é só uma suposição da minha avó, vocês não acham?

Quando entramos, o pessoal já estava lá adiantados, pegamos os sapatos de boliche e fomos até eles.

- Oi pessoas. - Acenei para eles, sentei no meio de Jhope e Jin. - Então quais são os grupos? - Tirei meu sapato, e coloquei os de boliche.

- Eu, você, Jimim e Mark. - Jackson falou.

- Beleza, eu não posso ficar contra o Jackson, a gente vai discutir horrores. - Assentiu enquanto riamos, Yoongui sentou no outro banco com Tae, Jhope e Jin. Os outros foram em outra pista.

- Quem começa? - Mark Perguntou anotando os nomes na tabela. 

- Vai você, depois eu, Jackson e Jimim. - Anotou, e depois Jin foi lá anotar os deles. - Vamos lá. 

- Eu vou pedir algo pra nós comermos. - Jimim levantou e foi até o balcão. 

- Vai Mark. - Dei um tapinha leve em suas costas, o mesmo levantou e foi até a pista, pegou uma bola rosa, e acertou todos os pinos, Strike! - Isso garoto! Adoro!

- Minha vez. - Jin pegou a bola e foi até a pista, acertou três pinos. - Deu pra perceber que eu sou ruim nisso, a minha beleza confundiu a bola. - Pegou outra bola e jogou, a bola saiu. 

- Jin vira, não quero que sua beleza me atrapalhe. - Riu e virou de costas, peguei uma bola azul, e fui para pista. Joguei a bola e ela derrubou quase todos deixando dois em casa ponta. - Ódio!

- Vai! Vai! 

- EU VOU TE AGREDIR, JACKSON! - Peguei outra bola e fui para lá, mas acabei errando.

                     (...)

Passamos horas jogando agora estávamos apenas sentados comendo algumas coisas, uma amiga nossa tinha chegado ela estuda na nossa antiga escola. Ela é legal, ela foi com a gente na casa de campo da outra vez.

- Ei tá tudo bem? - Yoongui colocou a mão nas minhas costas ao me ver, tapar minha boca. Levantei dali e corri até o banheiro.

- Eu vou atrás dela. - Escutei Jiwoo falando. Entrei no banheiro, Abri o vaso e comecei a vomitar, mas enquanto eu vomitava entrei em desespero pois e se minha vó estiver certa?! E se eu estiver grávida?! - Respira. - Jiwoo, entrou Segurou meus cabelos para cima enquanto eu vomitava. - Você comeu algo estragado? 

- É só um mal estar... - Dei descarga, fui até a pia lavar minha boca. - Quer ir na farmácia comprar algum remédio? - Parei um tempo, e Neguei com a cabeça. - Vamos lá, eu vou pedir uma água pra você. - Segurou no meu braço e saímos do banheiro, Yoongui estava na porta Segurou nos meus braços.

- Ei você está bem? O que aconteceu? 

- Eu tô bem Yoongui. - Ele me acompanhou até o banco.  Jimim cochichou algo para Jin. 

- Ou, quer que eu te de carona?

- Não precisa eu levo ela. 

- Tem certeza? 

- Tenho. - Jimim Apontou para o celular, e eu entendi. Nós dois fomos até o carro. - O que será que você tem? Quer ir para o hospital? Acho que nem vou sair amanhã.

- Não vai, você e minha vó já marcaram... - Encostei minha cabeça no banco. 

- Mas eu volto logo eu prometo. - Fechei meus olhos, e respirei fundo várias vezes. - Estamos chegando dai pode dormir tranquila.

- Pode só me deixar na frente.

- Não quer que eu entre?

-Não precisa, relaxa. - Assentiu parando na frente de casa. - Tchau, Tchau. - sai do carro e entrei em casa. Minha mãe estava na sala me esperando. 

- Demorou... Está bem? - Assenti, não disse nada apenas Subi as escadas até o meu quarto. Entrei fechando a porta, deslizei pela porta e deixei as lágrimas tomarem conta de mim... 

Meu celular vibrou mas nem liguei, apenas quando começou a tocar que eu atendi.

          Ligação Online

- Que tipo de teste de gravidez eu compro, com meses ou não?

- Caralho, Jimim. - Solucei. - Para de ser o adivinha. 

- Eu só juntei as peças, e eu passei a tarde com a sua avó, então. Suposições.

- Como você foi na farmácia?

- Com o Jin. 

- Jimim... Eu tô com medo...

- Medo? De que?!

- E se eu tiver grávida?

- Eu vou ser o padrinho. 

- É sério!

- Se a sua preocupação é o Yoongui, relaxa. Vocês fizeram sem camisinha ele é o maior pegador. Ele nunca esqueceu de usar, se ele fez com você sem, é porque ele não se importa.

- Mas Jimim...

- Mas nada, você não é mais uma criança, S/N! Já é uma adulta, e é mais responsável que muitos por sí. Se você estive grávida você vai ser a melhor mãe do mundo! - Fungou. - E vou dizer algo para você se tranquilizar, se o Yoongui não quiser, eu sou o Padrinho, Paidrinho. Eu e você pra tudo, se lembra?

- Jimim, eu amo você.

- Até me emocionei! - Escutei Jin gritando. 

- Obrigada...

- Estamos indo, deixa a janela destrancada.

- Tonto. 

             Ligação Offline 

Estava andando de um lado para o outro, estava aflita. Óbvio, Yoongui havia me mandado diversas mensagens, mas não conseguia responder minhas mãos estavam tremendo, eu... 

Caí no choro novamente, todas as possibilidades passaram pela minha cabeça. E se eu não conseguir criar a criança, eu nem sei se eu tô grávida! As vezes eu só peguei a doença da Sara... Nunca se sabe, eu estou tão confusa quanto você!  São tantas teorias, tá parecendo MV.

Escutei um barulho na janela, olhei para o lado e era Jimim balançando uma sacolinha, Abri a janela e os dois entraram.

- Vem aqui. - Jimim Me abraçou forte.

- Você entra mesmo pela janela assim?

- Aqui. - Me entregou a sacolinha. Secou minhas lágrimas com o polegar.

- N-não dá... - Jimim Segurou minhas mãos.

- Dá, dá sim. Vai. - Assenti e entrei no banheiro, trancando a porta. Fiquei observando a caixinha quando tive coragem e abri, peguei o teste...

- Vamos lá... - Sentei no vaso, e fiz xixi na ponta do teste, depois me sequei e deixei o teste na pia. Lavei minhas mãos, destranquei a porta.

- Agora é só esperar 15 minutos. - Jin falou sentando no chão. - Quando eu for me casar, eu vou sumir do mapa.

- Com quem você vai se casar, Jin?

- Eu, existem possibilidade.

- Você tá parecendo o Jimim, só enrola pra fazer o que ama.

- Eu vou pedir a Sara em namoro.

- E eu vou esperar ser pedido em casamento.

- Perai, esperar? Quer dizer, você e o..

- Namjoon. - Interrompi Jimim.

- Como você sabia? 

- Troca de olhares, sorrisos. Nunca me enganam. - Sorri para Jin. - Espero que vocês sejam felizes.

- Espero que sim, ele me disse que queria se ajeitar primeiro, ele até já conseguiu um emprego nas férias. 

- Sério?

- Sim, ele conseguiu um emprego como produtor.

- Que legal! Vocês se formam esse ano né?

- Sim, o seu curso é mais curto que o nosso não?

- Sim é apenas dois anos. Agora falta um ano e pouquinho...

- É, pois os últimos meses não precisa ir direto apenas nos dias de apresentações.

- Vocês não vão ir tanto né?

- Não, eu estou até procurando algum lugar para morar, quero sair da casa dos meus pais logo.

- As vezes é bom ter o próprio espaço.

- Eu tava pensando em chamar ele para morar comigo.

- Aí! Que incrível! 

- Você acha que ele aceita?

- Provavelmente, ele te ama.

- E eu tô aqui, na bad.

- Que dó da criança. - Jimim Olhou para o celular e me encarou. - Tá na hora... -

- Vai...

- Não consigo...

- Eu vou. - Jin levantou e foi até o banheiro...













Notas Finais


E AGORA?! VAI SER SÓ A DOENÇA DA SARA OU NÃO?!
Continuo?
Divulguem a Fanfic e comentem o que estão achando.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...